AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

6 Exercícios para fazer no escritório

Fazer exercício, enquanto trabalha, é não só uma forma de melhorar o seu desempenho, como também de se manter saudável.

6 Exercícios para fazer no escritório
Abaixo o sedentarismo! Exercício em qualquer lugar!

Durante o dia, sente-se tenso e cansado? Experimente fazer uns exercícios no escritório para descomprimir e relaxar. Com a terciarização da economia, os avanços tecnológicos e a automatização, aliados a elevados ritmos de trabalho com grande exigência nos resultados, tem conduzido a ambientes de trabalhos sedentários e repetitivos com longos períodos sem pausas. 
 
O tipo de trabalho e as horas que lhe dedica são muitas vezes fatores de stress com consequências prejudiciais para a sua qualidade de vida. 
 
O exercício físico é fundamental para combater o sedentarismo, o stress e prevenir doenças que afetam uma grande parte da sociedade. Uma das formas para os combater é fazendo exercícios no escritório. Não é uma novidade pois é algo que começou a ser realizado e promovido em muitos locais de trabalho no início do século passado. 
 
Sem comprometer o tempo que dedica ao trabalho conseguirá, de uma forma muito simples e prática, fazer pequenos exercícios no escritório para descontrair, relaxar o corpo e a mente com benefícios extra para a sua saúde. 
 
Os exercícios no escritório promovem uma sensação de bem-estar, melhoram a autoestima, previnem doenças profissionais, ajudam na concentração, diminuem a sensação de cansaço no final do dia e dissipam pressões emocionais entre várias outras vantagens. 
 

Exercícios no escritório para se sentir melhor

 

1. Pequenas caminhadas

Evite estar longas horas sentado na cadeira. Corte esses períodos com idas ao quarto de banho, à fotocopiadora ou aproveite os telefonemas para caminhar um pouco, ainda que seja em frente à sua secretária. Na hora de almoço aproveite e caminhe pelo menos cerca de dez minutos. 
 

2. Alongamentos da coluna

Aproveite por alguns segundos para fazer alongamentos da coluna. Estique os dois braços , na vertical, encostados na cabeça ligeiramente atrás das orelhas com os dedos entrelaçados durante trinta segundos. Em alternativa ou como complemento repita o exercício anterior mas rodando o tronco, em períodos de quinze segundos, alternando para cada um dos lados. 
 

3. Rotação dos pulsos, tornozelos e ombros

A cada duas horas, pare por um minuto e faça rotações, de forma alternada, dos pulsos. Varie ao longo do dia exercitando de igual forma os tornozelos e ombros. 
 

4. Abdominais

Sentado, pode ser mesmo sem deixar de trabalhar, mantenha as costas na vertical e eleve os joelhos até um plano acima da cadeira mantendo-os até os músculos abdominais lhe doerem. Repita o exercício ao longo do dia. 
 

5. Alongamentos do pescoço

Pelo menos uma vez por dia, faça pequenos exercícios de alongamento do pescoço, rodando de um lado para o outro e basculando para a frente e para trás. 
 

6. Alongamentos das pernas

Sentado na cadeira, com o tronco na vertical, por rotação dos joelhos eleve os pés de modo a que as pernas fiquem paralelas ao pavimento. Faça pequenas sessões de um minuto, duas a três vezes por dia.
 

Veja também: