Ações onde investir em 2015

Se quer investir em ações em 2015 deverá conhecer os principais temas e fazer as suas apostas tendo em conta a necessária diversificação. O risco irá marcar o ano, pelo que deverá olhar para os fundos de investimento

Ações onde investir em 2015
Os investidores irão continuar a procurar retorno no mercado acionista em 2015. Veja os temas onde deve apostar para ganhar dinheiro

O ano 2014 foi um ano muito positivo para a generalidade das classes de ativos. Ações e Obrigações tiveram um óptimo desempenho, apesar de comportamentos distintos por geografia.
A exceção nesta valorização foi o desempenho das acções portuguesas, que foram fortemente penalizadas por alguns escândalos e problemas financeiras (como a Portugal Telecom ou o Banco Espírito Santo). Na prática, o mercado português foi muito penalizado, podendo apresentar algumas boas oportunidades de investimento.


O que deverá marcar 2015?

Vários estudos realizados por alguns bancos de investimento defendem que os temas que irão marcar o ano 2015 nos mercados financeiros serão:

TOME NOTA:
Os mercados acionistas estão perto dos máximos de sempre. Existem boas oportunidades para investir em 2015, mas deverá ter atenção ao risco. Diversifique o risco e escolha os temas em que irá apostar
Política monetária dos bancos centrais, nomeadamente nos EUA e na Zona Euro. Na prática, os bancos centrais estiveram a colocar dinheiro em circulação nas economias o que contribui para a criação de algumas bolhas que deverão ser monitorizadas para evitar problemas;

Incertezas quando ao desempenho de algumas economias, com destaque para a Zona Euro (que se vê confrontada com dificuldades nomeadamente no que toca à inflação/deflação e à diferença de dinamismo entre alguns países);

Volatilidade. Os investidores estão mais nervosos. Alguns mercados atingiram os máximos pelo que poderemos assistir a reacções fortes a notícias e acontecimentos (tanto no sentido da valorização como da desvalorização);

Problemas geopolíticos. Os problemas na Rússia ou noutros países produtores de petróleo podem trazer receios aos investidores e aumentar o risco dos investimentos;

Queda do preço do petróleo e seus impactos. Será que a queda do preço do petróleo é positiva ou negativa para a economia? Lembra-se do problema de deflação na Europa? A queda do preço pode agravar ainda mais este problema...


Quais os temas principais?

Tendo estes temas de investimento em plano de fundo, o foco dos investidores no que toca a mercados accionistas deverá ser:

Investir em acções dos EUA — Esta economia tem-se apresentado bastante dinâmica e aparenta estar já numa sólida trajectória de crescimento, contrariamente ao que acontece na Europa;

Investir no Dólar dos EUA — A diferença de política monetária dos EUA e da Zona Euro deverá levar à valorização do dólar, o que beneficia os investidores europeus que investam naquele mercado. Aliás, este é mais um fator que reforça a aposta em acções dos EUA;

Investir em empresas de valor — As empresas de valor são empresas sólidas, com boa posição de mercado mas que se apresentam subvalorizadas. Tipicamente, estas empresas tendem a ter um desempenho mais interessante do que as acções de empresas em crescimento, ao mesmo tempo que apresentam menos risco;

Investir em empresas com bons níveis de dividendos — Empresas que distribuem rendimento aos seus accionistas em forma de dividendos são empresas que tendem a ser muito procuradas em momentos de incerteza. Os investidores valorizam a possibilidade de obter rendimentos periódicos.

No E-konomista temos falado com alguma profundidade nos fundos de investimento e nunca nos parece demais reforçar a importância dos investidores particulares procurarem investir nos vários mercados através destas ferramentas.
O investimento em ações individualmente pode trazer óptimos níveis de retorno mas pode trazer também grandes riscos e más experiências. Assim, se quiser investir de forma menos preocupada e com maior potencial de sucesso, invista nos temas que referimos anteriormente com recurso aos fundos de investimento


Veja também: