Aprender a nadar: 4 passos infalíveis

Aprender a nadar pode ser fácil e feito com gosto. Siga estas dicas e divirta-se!

Aprender a nadar: 4 passos infalíveis
A natação faz bem a todas as idades

Aprender a nadar é mais fácil do que parece. A natação é um ótimo exercício aeróbico que trabalha a força e a tonificação dos braços, pernas e abdómen. Uma vez na água, com a flutuação, o impacto nas articulações diminui e para muitas pessoas esse fator torna o treino muito mais agradável. Para as crianças, aprender a nadar é uma atividade completa que inclui muitas vezes o lado lúdico do exercício.

4 passos para aprender a nadar

Passo 1: sinta-se confortável

swim

Comece por entrar na piscina pela parte mais rasa. Familiarize-se com a sensação da água e com o modo como o corpo se comporta num espaço aquático: como o peso difere, por exemplo. Aos poucos siga até a parte da piscina com mais profundidade, até quando a água chegar à altura das axilas. Muitas vezes, quem quer aprender a nadar possui algum tipo de desconforto em estar debaixo da água, por isso, não tenha pressa.

Passo 2: mergulhe

swim

Com as mãos na borda da piscina, ainda no lado mais raso, experimente submergir a cabeça e fazer algumas bolhas de ar com o nariz. Tire a cabeça da água e respire normalmente. Em seguida repita mais uma vez o processo sempre inspirando pela boca e expirando pelo nariz, debaixo da água. Pratique até se sentir confortável com a técnica da respiração para depois tentar o processo numa parte mais funda da piscina sem as mãos na borda.

Passo 3: aprenda a boiar

swim

Para aprender a nadar, é preciso antes de tudo aprender a boiar. Segure na lateral da piscina, respire fundo e levante os pés ao mesmo tempo que inclina o corpo para trás, como se se deitasse na superfície da água. Talvez a primeira tentativa não seja perfeita, por isso tente mais vezes. Quando conseguir, tente boiar sem usar as mãos para se segurar na borda.

Quando conseguir boiar confortavelmente, experimente bater os pés e mergulhar a cabeça na água ao mesmo tempo, e em seguida, pratique com e sem as mãos na borda.

Passo 4: Tente a primeira volta

swim

Com a ajuda de algum objeto de flutuação, como uma prancha pequena, experimente dar uma primeira volta na piscina. Não use qualquer tipo de boia nos braços ou na cintura, esses objetos podem interferir mais do que ajudar o processo de aprendizagem. Segure a prancha em frente aos braços esticados, dê impulso com os pés na parede da piscina e em seguida bata as pernas esticadas num movimento alternado. Não se esqueça de virar a cabeça para os lados para poder respirar sempre que houver necessidade.

Quando as primeiras voltas com a prancha forem totalmente confortáveis, a dica é tentar o movimento sem o objeto!

Dicas para aprender a nadar

1. Utilize o equipamento correto, como óculos apropriados, toucas e fatos de banho.

2. Os óculos devem ser confortáveis e ajustados à cabeça, pois não podem nem apertar, nem deixar entrar água. Experimente antes de comprar.

3. A touca é importante pois evita que os cabelos atrapalhem a visão e os movimentos, além de deixar a piscina livre de fios.

4. Os trajes de banho que usamos para a praia não servem para a aprender a nadar, pois podem mover-se com facilidade ou atrapalhar o movimento do corpo.

5. Não deixe de aquecer o corpo antes de entrar na piscina e de alongar no final do treino.

6. Alimente-se bem: evite nadar em jejum e procure sempre fazer refeições equilibradas antes e depois do exercício.

7. Hidratar é essencial: os atletas de atividades aquáticas costumam não perceber que sentem sede e aprender a nadar é uma atividade com grande gasto calórico, por isso não deixe de beber água antes, durante e depois do exercício.

Atenção

Os passos citados são apenas dicas e não substituem a orientação de um profissional especializado. As aulas de natação para iniciantes englobam pessoas de todas as idades e podem ser encontradas nos ginásios e clubes desportivos de todo o país.

Veja também: