Publicidade:

Bancos em Portugal: o guia completo

A lista de bancos em Portugal, em funções ativas, ultrapassa as três dezenas. Consulte este guia completo para saber com que instituições pode contar.

Bancos em Portugal: o guia completo
As instituições bancárias ativas em Portugal

Existem neste momento em Portugal mais de três dezenas de instituições bancárias, caixas de crédito e caixas económicas. Todas estas entidades são reguladas pelo Banco de Portugal, fundado em 1846. Com as recentes polémicas e reorganizações, aconselhamos a que consulte a nossa lista de bancos em Portugal para ficar atualizado.

As instituições bancárias que figuram nesta lista têm sede e/ou filiais em território nacional e estão discriminadas sem ordem específica.

Bancos em Portugal ativos em 2017

1. Bankinter / Barclays

Fundação: 1690, Londres (Reino Unido)
Sobre: Banco britânico multinacional, que se dedica a operações em varejo, investimentos e crédito. Enquanto instituição bancária, o Barclays atuou em Portugal até 2014, com mais de 140 balcões. Em 2015, vendeu os negócios em Portugal ao grupo espanhol Bankinter (1965, Madrid, Espanha), mantendo apenas os negócios associado ao Barclaycard, o cartão de crédito. O grupo Bankinter, considerado o banco espanhol que melhor superou a crise económica, possui agora 84 balcões em Portugal.

2. BPI – Banco Português de Investimento

Fundação: 1985, Porto (Portugal)
Sobre: O BPI é uma empresa de capital aberto, presidido atualmente por Artur Santos Silva. É o quarto maior grupo financeiro privado português, com atividade cotada no PSI-20. Com forte presença internacional, o BPI opera com uma oferta completa de serviços: contas à ordem, créditos, depósitos a prazo, contas poupança, investimentos, seguros (através da Allianz), e outros serviços.

3. Caixa Geral de Depósitos

cgd

Fundação: 1876, Lisboa (Portugal)
Sobre: Sociedade anónima de capitais públicos, a Caixa Geral de Depósitos possui todos os serviços bancários habituais e é um dos mais importantes bancos em Portugal. Recentemente passou por algumas reformas na estrutura da sua atividade com o reagrupamento de alguns serviços. A CGD opera como banco universal e tem algumas participações noutras instituições. É o banco público português, detido pelo Estado.

4. Novo Banco

novo banco

Fundação: 2014, Lisboa (Portugal)
Sobre: O Novo Banco nasceu das cinzas do BES (Banco Espírito Santo), no sentido da intervenção de emergência levada a cambo para salvaguardar os ativos em jogo. As consequências da falência do BES ainda se fazem sentir. O Novo Banco tenta agora repor a imagem da instituição no grupo dos bancos em Portugal, nos habituais serviços bancários. Este ano passou a pertencer, na maioria, a um fundo americano – Lone Stars Fund.

5. Banco Popular

Fundação: 1926, Madrid (Espanha)
Sobre: A filial portuguesa do Banco Popular Espanhol, foi recentemente comprado pelo Santander. Foi comprado por 1€ apenas, depois do ultimato do Banco Central Europeu, para evitar a queda da instituição. O Santander Totta passou então a deter as agências deste banco que oferece um variado conjunto de serviços, incluindo contas ordenado.

6. Santander Totta

Fundação: 1864, Santander (Espanha)
Sobre: Este grupo financeiro é liderado pelo Banco Santander. É o maior grupo da zona euro e o quarto maior a nível mundial. É, atualmente, o detentor do extinto BANIF e dos balcões do Banco Popular e em 2004, absorveu o Banco Totta. No nosso país é o segundo maior grupo a nível privado.

7. Millenium BCP

millenium bcp

Fundação: 1985, Porto (Portugal)
Sobre: O Banco Comercial Português é o maior grupo financeiro privado. É o segundo na lista de bancos em Portugal, na globalidade, a seguir à Caixa Geral de Depósitos. O grupo financeiro inclui os serviços bancários habituais, conjugado com uma forte componente de aplicações financeiras. Com forte presença no estrangeiro, o Millenium BCP apoia diversas atividades culturais e científicas.

8. BBVA

Fundação: 1999, Bilbao (Espanha)
Sobre: O Banco Bilbao Vizcaya Argentaria é uma banco espanhol, uma empresa de capital aberto, com presença em mais de 30 países. Apresenta uma forte componente empresarial.

9. Montepio

Fundação: 1840, Lisboa (Portugal)
Sobre: De nome completo Montepio – Associação Mutualista, este banco é muito conhecido pela sua componente de ação social e empresarial, apresentando desde empresas, centros de atividade cultural e gestão de centros residenciais. Continua focado na gestão de fundos de pensões e planos de proteção.

10. Banco do Brasil

Fundação: 1808, Rio de Janeiro (Brasil)
Sobre: Esta instituição bancária tem apenas 5 agências em Portugal e existe, sobretudo, para responder às necessidades bancárias dos brasileiros residentes em Portugal, com serviços que auxiliam no envio de remessas para o país, por exemplo.

11. Deutsche Bank

banco

Fundação: 1870, Berlim (Alemanha)
Sobre: O banco alemão está presente em Portugal desde 1978 e em 2011 converteu-se numa sucursal no nosso país, tornando-se num banco de direto alemão. Atua em Corporate & Investment Bank, Clientes Privados e Gestão de Ativos e Investimentos Corporativos.

12. INVEST

Fundação: 1997, Lisboa (Portugal)
Sobre: Este banco é sobretudo focado em serviços de corretagem e gestão de fundos.

13. Banco Finantia

Fundação: 1987, Lisboa (Portugal)
Sobre: Os serviços deste banco são especialmente concentrados na banca privada e corporativa, visto ter começado como uma empresa de serviços financeiros. Só obteve licença bancária em 1992.

14. Itaú BBA

Fundação: 2008, São Paulo (Brasil)
Sobre: O Itaú BBA foca-se em clientes com grandes fortunas ou corporações, sendo um banco de “atacado”, sobretudo virado para o investimento.

15. BNP Paribas

Fundação: 1975, Paris (França)
Sobre: Este banco francês é um dos maiores da Europa e, apesar da fundação nos anos 1970, a entidade que conhecemos hoje em dia resulta da fusão do Banco Nacional de Paris com o Paribas. Oferece soluções sobretudo a nível corporativo e uma visão mais sofisticada de banca de investimento. Encontra-se a alargar a sua presença em Portugal.

16. Banco BIC

Eurobic

Fundação: 2008, Lisboa (Portugal)
Sobre: Este banco, agora conhecido como EuroBIC, é reconhecido sobretudo por estar presente no desenvolvimento das relações económicas entre Portugal e Angola. Apresenta os serviços habituais de uma instituição bancária, focada tanto no cliente particular como em interesses corporativos.

17. Atlantico

Fundação: 2006, Luanda (Angola)
Sobre: Outra presença com interesses angolanos em Portugal, o Banco Atlantico é supervisionado pelo Banco de Portugal. Em 2016, foi considerado uma das melhores empresas para trabalhar em Portugal.

18. ABANCA

Fundação: 2011, Betanzos (Espanha)
Sobre: Anteriormente conhecido como NovaGalicia, ABANCA tem apenas 4 agências em Portugal, oferecendo os típicos serviços bancários desde cotas à ordem e a prazo e crédito imobiliário.

19. Banco Carregosa

Fundação: 1833, Porto (Portugal)
Sobre: Sobretudo uma instituição de crédito especializada na banca privada, no aconselhamento e proteção de património. Considerado um banco extremamente íntimo e fortemente especializado, detém a GoBulling um serviço de investimentos online.

20. Caja de Badajoz

Fundação: 1889, Badajoz (Espanha)
Sobre: Instituição bancária com uma pequena presença em Portugal, somente com três agências.

21. Banco Português de Gestão

Fundação: Lisboa (Portugal)
Sobre: O Banco Português de Gestão atua, sobretudo, na área da economia social e no apoio ao investimento.

22. BNI Europa

Fundação: 2006, Luanda (Angola)
Sobre: Formado em sociedade anónima, esta entidade bancária está em Portugal desde 2014 e é, sobretudo, um banco on-line direccionado a particulares.

23. Bank of China

Fundação: 1912, Pequim (China)
Sobre: O grande foco do maior banco chinês é a banca comercial, nomeadamente o corporate banking, serviços bancários pessoais e serviços nos mercados financeiros. Auxilia também em remessas de importação e exportação.

24. BANC Angolano

Fundação: 2007, Luanda (Angola)
Sobre: Esta entidade dirige-se principalmente a quem pretende abrir negócios em Angola e presta apoio nas decisões de investimento em Portugal.

25. Credit Suisse

Fundação: 1856, Zurique (Suiça)
Sobre: Está presente em Portugal desde 2013 e dirige-se, enquanto instituição bancária, a clientes particulares de elevado património, desde executivos a famílias, empresários e filantropos, com fortuna superior a um milhão de euros para investimento.

26. Crédito Agrícola

Fundação: 1911, Lisboa (Portugal)
Sobre: A Caixa de Crédito Agrícola reúne uma série de bancos locais e conta com 85 caixas regionais e 700 balcões. Destaca-se por ser integrado por empresas especializadas e pela componente económica local. Dispõe dos serviços comuns a nível bancário, sempre de base nas Caixas Agrícolas.

27. Banco Best

Fundação: 2011, Lisboa (Portugal)
Sobre: O Best atua sobretudo nas áreas de banking e trading, e a sua estrutura acionista é composta pela participação do Novo Banco.

28. Banco BIG

Fundação: 1999, Lisboa (Portugal)
Sobre: O Banco de Investimento Global possui produtos e serviços destinados a clientes particulares e institucionais. Além disso, atua também na área da tesouraria e mercados de capitais, tudo o que tenha a ver com a gestão de cultura de riscos.

29. ActivoBank

Fundação: 1994, Lisboa (Portugal)
Sobre: Este banco pertence ao Millenium BCP e apresenta serviços de contas à ordem, poupanças, cartões, empréstimos, investimentos e seguros.

30. Banco CTT

banco ctt

Fundação: 2015, Lisboa (Portugal)
Sobre: No conjunto de bancos em Portugal, é o mais jovem. Nascido dos Correios de Portugal, o Banco CTT disponibiliza produtos financeiros simples e competitivos. Criado aquando dos 500 anos dos CTT, atua usando a rede de estações de correios portuguesa.

31. Banco Primus

Fundação: 2005, Lisboa (Portugal)
Sobre: Instituição focada em crédito hipotecário e financiamento automóvel, um pouco distinto dos restantes bancos em Portugal.

Veja também: