Publicidade:

5 características de um bom profissional

Possui as características de um bom profissional? Fique a saber se possui estas qualidades e se pode, ou não, vir a desenvolvê-las!

5 características de um bom profissional
Características de um bom profissional: competências essenciais

Quais são, afinal, as características de um bom profissional? Decerto estamos perante um tema cuja discussão implica uma boa dose de subjetividade.

No entanto, há aspetos que se podem considerar comuns a quase todas as pessoas que têm um bom desempenho no trabalho, independentemente da profissão ou da empresa em que atuem.

Quais as características de um bom profissional?


Damos-lhe a nossa perspetiva sobre as competências que os bons profissionais não podem deixar de ter.

1. Ser confiável

Enquanto caminha pelo corredor no trabalho, um colega pede-lhe para desempenhar uma tarefa rápida, urgente. Por lapso, no meio de tantas outras coisas que tem que fazer, esquece-se de fazer essa tarefa. Este é um exemplo do que não deve acontecer.

Não se esquecer de realizar tarefas e cumprir com tudo o que lhe pedem aumenta a sua auto-confiança em relação a tudo o que fizer no trabalho, e até o seu desempenho terá tendência para ser melhor.

Uma dica: crie uma lista diária ou semanal, digitalmente ou no papel. Normalmente, para pequenas tarefas que tem que fazer na hora, resulta bem um lembrete colado na sua secretária ou no local de trabalho.

bom profissional

2. Alinhar-se com a cultura da empresa

A maioria das empresas cria um manual ou uma página na web que descreve as políticas e os procedimentos que os funcionários devem seguir.

Inteire-se cuidadosamente sobre estas políticas e procedimentos para garantir que está a fazer o seu trabalho de forma eficiente e de uma forma que será valorizada.

Em suma, garanta que está a usar os procedimentos valorizados ou aconselhados pela empresa. Isso irá fazer com que ganhe pontos e é sem dúvida uma das caraterísticas de um bom profissional.

3. Ser o primeiro a chegar

Este ponto é importantíssimo, porque mesmo antes de começar a desempenhar o seu trabalho, se não for assíduo e pontual, isso irá afetar tudo o resto, por muito boa qualidade que o seu trabalho possa ter.

Imagine que a organização de toda a empresa é um dominó, e que a pontualidade é uma das primeiras peças. Se essa peça cair, vai afetar todas as que se lhe seguem.

Se tem tendência para se dar mal com horários, puxe os horários dos seus compromissos para trás. Por exemplo, se tiver uma reunião às 9h, marque-a na sua agenda para meia hora antes.

4. Ser intelectualmente honesto e ético

Ser profissional também é assumir que pode mudar de opinião, e, quando necessário, pedir desculpas. Os bons profissionais não têm medo de assumir a responsabilidade e admitir quando estão errados – desta forma os colegas irão respeitá-lo.

Da mesma forma, não deve ter medo de admitir que não tem as respostas para tudo, e de fazer perguntas. Os verdadeiros profissionais de sucesso estão ansiosos por aprender coisas novas e alcançar uma compreensão melhor sobre delas.

5. Manter-se positivo

Um bom profissional espera as oportunidades e os desafios que cada novo dia pode trazer.  Se se mantiver positivo e otimista, irá motivar e inspirar os outros à sua volta.

As características de um bom profissional incluem a capacidade de se automotivar e de manter a sua autoconfiança em níveis saudáveis, pelo que deve conseguir manter o foco na tarefa, mas nunca perder de vista o sentido ou a razão principal pela qual o seu trabalho é importante!

Não tem que nascer com estas características de um bom profissional, todas estas competências podem ser treinadas.

Veja também: