Os 8 carros mais económicos de 2017

É daquelas pessoas que pensam que um automóvel que consome pouco não é bom? Desengane-se e descubra os carros mais económicos de 2017.

Os 8 carros mais económicos de 2017
Descubra 8 carros com consumos inferiores a 3.2 litros aos 100km

Há quem prefira um carro topo de gama, gaste balúrdios e não se preocupe com o consumo do seu veículo. Porém, nem todos têm essa sorte e, infelizmente, alguns têm de fazer contas no final do mês para ver o que podem gastar em eletricidade, água, gás, seguros e as compras da semana. Se a isso juntarmos o combustível para se deslocar de carro, as coisas tornam-se complicadas. Por isso, compilamos uma lista com os carros mais económicos de 2017.

Vamos excluir os carros elétricos à venda em Portugal, já que estes são os mais económicos, visto que o consumo de combustível é zero. É consumida eletricidade, que tem um custo por quilómetro, que é sem dúvida mais baixo quando comparado com os combustíveis fósseis.

Também os carros híbridos ficam de parte, já que unem os dois mundos, tornando a corrida desleal. Ainda assim, em Portugal pode adquirir um Opel Ampera, com consumos de 1,2 litros por 100km, um Volvo V60 Plug-in Hybrid que consome 1,8 litros aos 100 km, ou um Toyota Prius consumindo 2,5 litros por 100 km, na versão Plug-in.

Optamos, então, por analisar os veículos a gasolina, gasóleo e GPL e, assim, compilamos a seguinte lista.

Os carros mais económicos de 2017


A sustentabilidade é uma preocupação de todas as marcas, que investem milhões no desenvolvimento de tecnologias que promovam a redução da pegada ecológica dos seus produtos. A Europa é o continente com normas mais rigorosas no que diz respeito ao controlo de emissões e, por isso, não surpreende que as marcas do Velho Continente liderem em matéria de eficiência energética.

Tal como também não surpreende que sejam os automóveis dos segmentos mais baixos os campeões de economia, porque são mais leves e têm motores mais pequenos. Mas a redução dos tamanhos (downsizing) é transversal a todas as marcas e modelos e a tecnologia tem evoluído tanto que os motores são cada vez mais pequenos e mais potentes.

Citroen C3 – 3.0 litros por 100 km

Citroen C3

Tal como no ano passado, a Citroen domina a lista dos carros mais económicos. O C3 1.6 BlueHDi tem cerca de 75 cv e tem um consumo misto a rondar os 3 litros por 100km. E é barato também, um novo pode custar 17.500 euros.

Ver carro>>

DS 3 – 3.0 litros por 100 km

DS 3

Um pouco mais caro, mas também com maior potência, o DS 3 1.6 BlueHDi 100 S&S CVM Drive Efficiency iguala o automóvel anterior, pelo menos no que diz respeito ao consumo.

Ver carro>>

Renault Clio Energy – 3.1 litros por 100 km

renault

O novo Renault Clio Energy dci90 é outra excelente opção para quem quer um veículo barato e que gaste pouco. Tem ainda a vantagem de ser uma versão eco, pouco poluidora e amiga do ambiente.

Ver carro>>

Peugeot 308 – 3.1 litros por 100 km

peugeot 308

Para aqueles dispostos a gastar perto de 30.000 euros, que procuram um automóvel com boa potência e, ao mesmo tempo, baixo consumo, a versão versão 1.6 BlueHDi 120 cv CVM6 5 portas é o automóvel indicado.

Este é um modelo confortável, fiável e tecnológico que não vai consumir demasiado combustível, tendo ainda espaço suficiente para toda a família.

Ver carro>>

Volvo V40 – 3.2 litros por 100 km

volvo v40

Uma novidade. Já há alguns anos que a Volvo luta para entrar na lista de carros mais económicos. Em 2017 finalmente conseguiu esse feito e, logo, em grande estilo. O V40 D2 120 Eco consome só 3.2 litros por 100 km, tem uma cilindrada de 2000cm3 e ainda é amigo do ambiente. Fica a pergunta: Será que vão superar isto em 2018?

Ver carro>>

Opel Corsa – 3.2 litros por 100 km

opel corsa

Está desde 2014 nas primeiras posições e de lá não saiu. Por cerca de 20.000 euros consegue levar a versão 1.3 DCTI de 3 portas. Três palavras resumem este veículo: cómodo, acessível e prático. Precisa de 11,9 segundos para chegar aos 100 km/h, com uns precisos 172 km/h de velocidade máxima.

Ver carro>>

Citroen C4 Cactus – 3.2 litros por 100 km

c4 cactus

Mais pesado do que o C3, mas com maior potência também, o C4 Cactus 1.6 Vlue Hdi é também um veículo económico. Não é muito caro – 20.000 euros – e tem mais de 100 cavalos de potência, demorando 11,8 segundos a chegar aos 100 km/h.

Ver carro>>

Renault Clio Sport Tourer – 3.2 litros por 100 km

renault clio

Outra marca desenvolvida a pensar na solução mais económica. 90 cavalos, 1500 de cm3, mas acima de tudo 3.2 de consumo misto. O preço equipara-se ao do Citroen C4 Cactus e ao Opel Corsa. O carro é espaçoso para toda a família e pode vir a ser o ideal para as suas necessidades, com ou sem extras.

Ver carro>>

Escusado será dizer, são todos a gasóleo.

Os carros mais económicos de 2016


1. Citroën C3 – 3,0 litros

2. DS 3– 3,0 litros

3. Peugeot 308- 3,1 litros

4. Citroën C4 Cactus – 3,2 litros

5. Opel Corsa – 3,2 litros

6. Renault Clio Sport Tourer – 3,2 litros

Os carros mais económicos de 2015


1. Citroën C4 Cactus – 3,2 litros

2. Hyundai i20 – 3,2 litros

3. Opel Corsa – 3,2 litros

4. Renault Clio Grand Tourer – 3,2 litros

Os carros mais económicos de 2014


1. Volkswagen Polo GP 1.4 TDI 75 Bluemotion – 3.1 litros

2. Seat Leon 1.6 TDI 110 Ecomotive Style – 3.2 litros

3. Citroën C4 Cactus 1.6 BlueHDi 100 82g Airdream CVM Live – 3.2 litros

4. Opel Novo Corsa 1.3 CDTI 95 ecoFLEX Color Edition – 3.2 litros

5. Renault Novo Clio Energy dCi 90 83g S&S ECO2 Confort – 3.2 litros

6. Skoda Octavia 1.6 TDI 110cv Greeline – 3.2 litros

7. Volkswagen Golf VII 1.6 TDI BlueMotion 110cv Trendline – 3.2 litros

8. Audi A3 1.6 TDI 110 ultra – 3.2 litros

9. Hyundai i20 1.1 CRDi Blue One FL – 3.2 litros

10. Ford Fiesta 1.6 TDCi 95 Titanium Econetic – 3.3 litros

11. Volvo V40 D2 88g Start/Stop Momentum – 3.4 litros

12. Mini Novo Mini 3P One D 95 (F56) – 3.4 litros

13. Seat Ibiza ST 1.2 TDI CR 75 Reference Ecomotive – 3.4 litros

14. Citroën C3 1.4 e-HDi 70 Airdream CMP Exclusive – 3.4 litros

15. Peugeot 208 Access 1.4 eHDi 68 2-tronic – 3.4 litros

16. Renault Novo Mégane Sport Tourer Energy 1.5 dCi 110 S&S FAP ECO2 Confort – 3.5 litros

17. Alfa Romeo MiTo 1.3 JTDM 85 Trofeo – 3.5 litros

18. Fiat Punto 1.3 Multijet 16v 85 S&S Lounge – 3.5 litros

19. Mini Novo Mini 3P Cooper D 116 (F56) – 3.5 litros

20. Nissan Pulsar 1.5 dCi 110 N-TEC – 3.6 litros

É certo que estes testes de consumos são sempre feitos em condições de otimização máxima da eficiência, em ambiente controlado e com carros guiados por pilotos profissionais.

Em condições normais, nenhum condutor consegue atingir valores semelhantes, fazendo sempre consumos superiores em 10 ou 15 por cento aos declarados pela marca. Mas é igualmente verdade que as mesmas normas se aplicam a todos os construtores, pelo que as comparações são absolutamente fiáveis.

Veja também:

Continuar a Ler
Afonso Aguiar Afonso Aguiar

A experiência no jornalismo de Afonso Aguiar percorre o desporto nacional. No E-Konomista, são os automóveis que conduzem a pena.