Chá de valeriana: conheça benefícios, preços e como preparar

É dos chás mais indicados para casos de insónia ou de ansiedade. Conheça neste artigo o chá de valeriana, as suas vantagens para a saúde e como fazer.

Chá de valeriana: conheça benefícios, preços e como preparar
A valeriana é uma planta conhecida pelas suas propriedades calmantes

A partir da raiz da planta da valeriana, é possível fazer o chá de valeriana, muito conhecido pelas suas propriedades calmantes e soníferas.

Benefícios do chá de valeriana para a saúde

Este chá é muito conhecido sobretudo por ser usado em casos de insónia e distúrbios do sono.

De acordo com o que indica o especialista Web MD, pode também ter benefícios ao nível do combate a problemas como:

  • Excitabilidade;
  • Histeria;
  • Dores de cabeça;
  • Dores de estômago;
  • Dores musculares e das articulações;
  • Sintomas associados à menopausa.

Como preparar este chá, onde o encontrar e quanto custa?

insonia

Por ser um chá que ajuda a dormir melhor, atuando como um sedativo ao nível cerebral e do sistema nervoso, esta bebida deve ser preparada e ingerida de preferência no período da noite, por exemplo cerca de meia hora antes de se deitar.

Como fazer? Basta misturar duas colheres de chá rasas com raiz de valeriana para uma chávena de água. Em seguida deve ferver durante um minuto e deixar em infusão cinco minutos.

Pode encontrar este chá à venda sobretudo em ervanárias e em alguns supermercados e tem um custo aproximado de 1,50€ no caso de uma embalagem de 50 gramas.

Antes de comprar o chá é importante que se aconselhe junto de um médico ou farmacêutico, para que saiba se o poder tomar e como fazê-lo em segurança.

Como é um chá que, no que diz respeito à sua ação de melhorar a qualidade do sono, não tem um efeito imediato e necessita de uma toma continuada, este conselho faz ainda mais sentido para que saiba exatamente como deve tomar o chá de valeriana, usufruindo de todas as suas vantagens.

Cuidados a ter com o chá de valeriana

cha

Tal como qualquer medicamento, este chá também tem propriedades ativas e que podem interferir com outros fármacos que esteja a tomar ou venha a tomar no futuro. Por isso, é muito importante que diga ao seu médico se está a tomar este ou outros chás e com que regularidade.

Para além disso, é importante também seguir com atenção as instruções do seu médico ou farmacêutico quanto às quantidades seguras a usar para fazer o chá, de modo a ter mais benefícios e menos prejuízos para a sua saúde.

Embora esta planta seja relativamente segura em pequenas doses, há algumas precauções a ter em consideração.

Grávidas e lactantes devem evitar tomar chá de valeriana. Se tem uma operação marcada deve também parar de tomar este chá pelo menos duas semanas antes da cirurgia. É que a valeriana, quando conjugada com a anestesia e outros fármacos administrados, pode ter efeitos indesejados e representar um perigo para a saúde.

Veja também: