5 chás para a infeção urinária

Os sintomas das infeções urinárias podem ser aliviados com chá, sendo que este também ajuda na prevenção. Veja aqui 5 chás para a infeção urinária.

5 chás para a infeção urinária
A infeção urinária é um problema que pode ser travado com chá

As infeções urinárias são um problema comum, que afeta sobretudo as mulheres. Um chá para a infeção urinária pode ser uma forma fácil e eficaz de combater este problema.

Uma infeção urinária corresponde a uma infeção no sistema urinário (rins, uretra, bexiga). A infeção é provocada por uma bactéria que entra na uretra e se multiplica. Estas infeções podem ser muito incómodas e dolorosas. Os sintomas passam por sensação de ardor ao urinar, vontade constante de ir à casa de banho, urina com sangue e dor.

Os médicos tratam estas infeções com antibióticos, mas há chás que ajudam com este problema ao dar alívio rápido para a irritação, dor e sensação de pressão na bexiga.

Beber chá aumenta a quantidade de urina a ser produzida, o que ajuda a libertar a bactéria que entrou no organismo. Adicionar um pouco de fermento no chá ajuda a atenuar a sensação de ardor, que geralmente é o primeiro sinal de infeção urinária.

Os 5 melhores chás para a infeção urinária

1. Chá de cavalinha e dente-de-leão

Horse

cavalinha é uma erva medicinal que contém um composto chamado tanino, que aperta os tecidos epiteliais inflamados. Esta erva induz a produção de urina, o que faz com que as bactérias sejam expelidas do sistema urinário, permitindo também a limpeza de toxinas. Em paralelo, a erva dente-de-leão também tem propriedade diuréticas, assegurando o bom funcionamento dos rins e da bexiga. As duas ervas combinadas são uma excelente forma de combater os sintomas da infeção urinária.

Modo de preparação: juntar uma colher de sopa de erva de cavalinha e erva-de-leão numa caneca. Juntar água quente e deixar a fazer infusão durante 10 minutos. Depois, com um coador, retirar as ervas e beber o líquido. Deve-se beber duas vezes por dia.

2. Chá de raiz de marshmallow

Marsh

O marshmallow controla o crescimento bacteriano e o sangue na urina. Assim, este chá ajuda a desinfetar a bexiga, induzindo a produção de urina, e traz alívio rápido.

Modo de preparação: esmagar uma a duas colheres de sopa de raiz de marshmallow e embrulhar o produto num pano, amarrando-o. Manter a erva dentro do pano numa caneca com água quente e deixar a fazer infusão durante 10 minutos. Depois de retirar o pano, adicionar mel e beber duas a três vezes por dia.

3. Chã de hortelã-gengibre e zimbro

Ginger

A hortelã e o gengibre ajudam a tornar a urina menos ácida, o que alivia a sensação de ardor. O zimbro atua como diurético, estimulando os rins e a bexiga a produzir mais urina, enquanto o gengibre atenua a inflamação.

Modo de preparação: juntar duas colheres de sopa de gengibre, uma folha de hortelã, duas colheres de chã de zimbro seco e misturar com quatro copos de água. Aquecer a mistura em lume brando durante sete minutos. Depois, retirar as ervas e beber o líquido, adicionando mel. Deve-se beber duas a três vezes por dia.

4. Chá de arando

Cran

O sumo de arando é muito recomendado para aliviar os sintomas das infeções urinárias. No entanto, o chá é uma opção mais eficaz por ter as propriedades do arando de uma forma mais concentrada, sem quaisquer aditivos. O arando é rico em vitamina C, o que ajuda a prevenir infeções. Para além disto, este fruto tem uma substância que evita que a bactéria se aloje nas paredes da bexiga, o que impede que a infeção se alastre.

Modo de preparação: adicionar um saco de chá de arando por uns minutos em água quente. Beber duas a três vezes por dia.

5. Chá de camomila

Cam

O chá de camomila é conhecido por ser um calmante. A camomila também tem um efeito calmante na bexiga e na parede uterina. Para ser mais eficaz, este chá pode ser misturado com outros chás referidos anteriormente.

Modo de preparação: duas colheres de camomila, duas colheres de arando, uma colher de erva equinácea, uma colher de uva ursi e outra de sumo de limão. Juntar todas as ervas numa caneca e adicionar água quente. Deixar a fazer infusão durante oito minutos. Retirar as ervas e só beber o líquido depois de arrefecer. Juntar o sumo de limão. Beber duas a três vezes por dia durante cinco dias. Quando a infeção passar, beber chá de camomila ou de arando durante uns dias para prevenir futuras infeções.

Veja também:

Ana Duarte Ana Duarte

Jornalista e gestora de comunicação no projeto Patient Innovation, Ana Duarte é mestre em Ciências da Comunicação, pela Universidade do Porto. A sua paixão pela escrita começou cedo, quando aprendeu a escrever e começou a criar os seus próprios jornais. Interessa-se por tecnologia, desporto, cinema e literatura.