17 coisas para eliminar da cozinha até ao final do ano

Um olhar atento à sua cozinha vai, certamente, descobrir coisas que não são necessárias. Veja as coisas que deve eliminar da cozinha até ao final do ano.

17 coisas para eliminar da cozinha até ao final do ano
Diga “adeus” às tralhas para acabar com a falta de espaço na sua cozinha

Ano novo, vida nova! Ou pelo menos, limpeza geral. Sim, porque o final do ano é sempre uma boa altura para dar uma “olhadela” à sua casa e livrar-se do que já não usa, não necessita ou está simplesmente a atrapalhar.

Pode começar já pela cozinha. Sim, porque por muito que pense que tem tudo arrumado e organizado nesta divisão, o mais provável é que tenha demasiadas coisas acumuladas sem qualquer necessidade.

Utensílios de cozinha desgastados ou desnecessários, especiarias velhas ou até têxteis deteriorados, para enumerar apenas alguns exemplos, são tudo coisas para eliminar da cozinha até ao fim do ano. E nós temos a lista completa para si.

Coisas para eliminar da cozinha até ao fim do ano: tome nota


1. Copos, canecas e chávenas a mais

canecas

É certo que precisa de ter loiça suficiente caso necessite, mas será que precisa de ter 20 canecas para o chá, 30 chávenas ou copos que parecem nunca mais acabar? Talvez não.

Por isso, analise bem as suas necessidades e limite o número de copos, canecas e chávenas aos que realmente precisa e efetivamente usa. Além de evitar que os restantes fiquem apenas a acumular pó, ainda vai ganhar um bom espaço extra (muito necessário) na cozinha.

2. Sacos de compras

Sejam de plástico ou papel, o mais certo é que no fim das compras guarde todos os sacos que levou para casa. E sim, são reutilizáveis e por vezes dão muito jeito, mas certamente não necessita desse sem fim de sacos que vai acumulando dia após dia, semana após semana, mês após mês até chegar ao fim do ano.

Esta é mais uma daquelas coisas para eliminar da cozinha até ao fim do ano. O que tem a fazer é reservar um número de sacos razoável que possa usar sempre que necessário, mas não precisa de criar nenhuma reserva estatal de sacos.

3. Gadgets de cozinha que nunca usa

gadgets

Memorize esta regra: se não usa, não necessita. Por exemplo, para que quer um ralador de queijo, se não consome queijo ralado com frequência e quando o faz se limita a comprar queijo já ralado? Basicamente para nada. O mesmo se aplica ao aparelho para esticar massa fresca, se nunca faz massa fresca, ou ao saco de pasteleiro se nem sequer faz bolos.

Basicamente, tudo o que sejam utensílios e gadgets de cozinha que tenha apenas arrecadados nos armários e gavetas da cozinha, mas que pura e simplesmente nunca usa, é para eliminar.

4. Facas velhas

Mais uma das coisas para eliminar da cozinha até ao fim do ano. Se não estão em bom estado e já não cortam como deve ser, está na hora de lhes dar um novo destino que deve ser bem longe da sua cozinha.

5. Livros de cozinha que não lê nem usa

livros receitas

A ideia é um pouco redundante, mas é algo a ter sempre em mente: se não usa, é para incluir na lista de coisas para eliminar da cozinha até ao fim do ano. E nem os livros de culinária ficam fora desta regra.

A verdade é que por muito que ache que vão ser sempre úteis para retirar uma ou outra ideia ou até para experimentar aquela receita que fez com que comprasse o livro, o mais provável é que isso não aconteça. E convenhamos, nos dias que correm, se precisar de ideias mais depressa agarra no telemóvel, tablet ou computador e procurar receitas online.

Outras coisas para eliminar da cozinha até ao fim do ano

Mas a lista de coisas para eliminar da cozinha até ao fim do ano é bem mais extensa do que os cinco pontos que enumeramos acima. Além de destes, há muito mais a remover dos armários e gavetas, o que lhe vai permitir ganhar mais espaço para coisas verdadeiramente importantes e úteis e manter tudo mais arrumado e organizado na cozinha, tais como:

  1. Abre-latas ou saca-rolhas a mais;
  2. Tupperwares sem tampa ou tampas sem tupperwares;
  3. Menus de restaurantes de delivery ou take-away;
  4. Velas usadas;
  5. Especiarias ou condimentos velhos;
  6. Esponjas demasiado usadas;
  7. Panos de cozinha ou guardanapos de pano gastos;
  8. Pacotes de açúcar ou de ketchup que acumulou ao longo dos tempos;
  9. Pauzinhos que guardou do delivery;
  10. Garrafas de água usadas;
  11. Talheres de plástico;
  12. Ímanes com publicidade.

Veja também: