10 coisas que não deve trazer na mala

Qualquer mulher que se preze gosta de trazer tudo o que precisa e o que não precisa consigo. Mas há coisas que não deve trazer na mala. Saiba quais são e porquê.

10 coisas que não deve trazer na mala
A mala das senhoras é um mundo, mas nem tudo deve estar lá dentro

As mulheres são incapazes de sair à rua sem a sua preciosa mala, que tem tudo e mais alguma coisa. São verdadeiros kits de sobrevivência que muitas vezes salvam até aqueles que brincam com o facto de se ser tão prevenida. Mas atenção! Nem tudo é seguro trazer consigo. Descubra as coisas que não deve trazer na mala.

10 coisas que não deve trazer na mala por questões de segurança e de saúde

1. Passwords

Apontar os seus códigos num caderninho que traz sempre na mala não é uma grande ideia. O melhor é mesmo arranjar passwords que consiga memorizar facilmente, porque se perder a sua mala ou se for assaltada, pode estar a dar acesso a informação privada.

Caso sinta mesmo necessidade de anotar as suas passwords, escreva-as no smartphone com a proteção de uma senha.

2. Portátil

portatil laptop

Também pode atrair atenções e se lho roubarem a despesa é grande. Mas, acima de tudo, esta é uma das coisas que não deve trazer na mala porque é muito pesada. Como vem apoiada em apenas um ombro, a mala acaba por fazer força só para um lado o que, ao longo do tempo, poderá causar problemas na coluna.

O ideal, para quem tem mesmo que andar com o portátil atrás, é arranjar uma mochila, que permite que o peso seja melhor distribuído, protegendo a sua coluna.

3. Recibos

Por si só, os recibos não revelam muito, mas combinados com outros documentos podem fornecer informações que não convém que um estranho tenha. Se precisa mesmo de guardar os recibos, arquive-os em casa. Se não precisa, rasgue-os e coloque o papel na reciclagem.

Através dos seus recibos, um ladrão pode ainda perceber quais são os seus hábitos e tentar usar isso a seu favor. Tenha cuidado!

4. Telemóveis sem código de acesso

smartphone telemovel

Hoje em dia quase toda a gente tem um smartphone. E se nos telemóveis antigos já tínhamos alguma informação armazenada nos aparelhos, nestes então nem se fala. Desde e-mails e aplicações para várias tarefas, anotações, fotografias e um sem-número de informação que, garantidamente, não queremos que seja acedida por estranhos, os smartphones têm tudo lá dentro.

Para se proteger, proteja sempre o telemóvel com um código. E, se o código for numérico, escolha um que tenha mais de 4 dígitos, porque quanto mais simples for o código mais fácil é de desvendar.

5. Chapéu de chuva

Mesmo que seja pequeno, o chapéu de chuva é daquelas coisas que não deve trazer na mala e por vários motivos. Para além de adicionar um peso desnecessário que, tal como o portátil, pode prejudicar o bom funcionamento da sua coluna, se não o acondicionar devidamente ainda corre o risco de ficar com tudo molhado. Já para não falar da qualidade que os chapéus de chuva pequenos costumam (ou não!) ter.

6. Livro de cheques

Para além de, com todas as opções que temos hoje em dia, serem pouco práticos, os cheques são caros. E como se isso não bastasse, uma fraude que envolva a utilização de cheques pode demorar muito tempo a resolver.

Para uma pessoa que tenha jeito, uma assinatura pode não ser difícil de falsificar. Por isso repense a forma como faz os seus pagamentos. Se precisa mesmo deles, ande com poucos de cada vez.

7. Produtos de beleza tamanho XL

makeup maquilhagem

Se é daquelas mulheres que gosta de andar sempre cheirosa e de colocar perfume várias vezes ao dia e que faz questão de ir retocando a maquilhagem, proteja-se e não carregue tudo consigo. Alguns produtos de beleza vêm em embalagens pequenas e leves. Mas outros, como os perfumes, vêm em frascos que, normalmente, são pesados.

Várias lojas de produtos para a casa e de produtos de beleza, vendem frascos vazios em tamanhos mais pequenos, a pensar em viagens e no dia-a-dia. Compre um kit desses e leve consigo apenas a quantidade essencial.

8. Chaves e cartões de acesso do trabalho

Como é óbvio, se precisa de um cartão de acesso ou de umas chaves para entrar no trabalho, é obrigada e levá-los consigo, mas ao fim de semana o caso é diferente e estas passam a ser coisas que não deve trazer na mala. Seja através da utilização de uma mala diferente, seja retirando estes objetos daquela com que anda sempre, evite carregar consigo a forma de acesso ao seu trabalho quando não precisar mesmo.

9. Cartões de oferta

Normalmente, os cartões de oferta são uma forma de se dar uma prenda a alguém. São práticos e pouco arriscados para quem oferece a prendas. Mas também são coisas que não deve trazer na mala. Isto porque, tal como o dinheiro, não vai poder recuperar se os perder ou se os roubarem. Deixe-os em casa até saber o que quer mesmo comprar. No dia da compra, leve o cartão e o assunto fica arrumado.

10. Passaporte

passaporte passport

Evite ao máximo andar com o seu passaporte. Se estiver em Portugal não precisa mesmo de o ter consigo. Se estiver fora do país, confirme sempre se tem alternativa. Por exemplo, na União Europeia basta andar com o cartão de cidadão. Se for morar para fora da União Europeia terá de tratar de algum tipo de documento de identificação.

Por ser um documento muito seguro e difícil de forjar, um ladrão pode ter interesse em roubar os que encontrar, porque passarão mais facilmente nos aeroportos. E não se esqueça que os passaportes são caros, por isso não convém que perca o seu, principalmente se ainda estiver válido por muito tempo.

Veja também: