Como comprar acções

Preparamos um pequeno guia com os passos para comprar acções. Invista, mas na posse de toda a informação.

Como comprar acções
Consulte as nossas dicas sobre como comprar acções

Espaços coworking para pequenas empresas e freelancers

Saiba agora todos os passos que deve seguir para comprar acções. Sendo este um investimento a médio longo prazo, conheça as regras deste jogo que pode aumentar o seu património e o da sua família.

 

5 passos para comprar acções

 

1: Onde?

Apenas entidades autorizadas pela CMVM (Comissão do Mercado de Valores Mobiliários) como bancos e sociedades corretoras é que podem operar directamente na Bolsa, pelo que se procura investir em acções terá que recorrer a um destes intermediários financeiros. Pela sociedade corretora será mais rápido e eficaz, já que os bancos demoram mais tempo, tempo esse que varia de instituição para instituição.

 

2: Valores?

O valor vai depender do próprio valor da acção, assim como depende da entidade que escolhe para ser sua intermediária. Saiba que terá que abrir uma conta na entidade que escolher para investir em acções e que estas cobram comissões por cada transacção ou ordem que lhe dê, sendo que as que operam online cobram valores mais baixos.

 

3: Como investir?

Pode fazê-lo de forma individual ou colectiva. Se ainda não se sentir muito confortável com este tipo de investimentos ou estiver na dúvida sobre quais as acções a escolher é aconselhável investir colectivamente, através do recurso a um fundo de investimento de acções e assim subscrever Unidades de Participação.

 

4: Dar a ordem

Finalmente, chega o momento de dar a ordem de compra de acções que pode ser feito online, ao balcão ou via telefone para o seu banco ou corretora, dependendo da entidade escolhida por si inicialmente, no entanto, esteja consciente da diferença de preços consoante a modalidade escolhida para dar a ordem.

 

Depois de escolher a acção que pretende comprar, existem 4 tipos de ordem para fazer o negócio, as quais passamos a explicar de uma forma muito simples, apesar de haver muito mais a dizer sobre cada tipo de negócio:

  • Ao melhor: Com esta ordem, compra as acções pelo preço vendedor mais baixo, existente no mercado.
  • Ordens Stop: Aqui o investidor define o preço-limite que, numa primeira fase, estará disposto a pagar e o negócio é efetuado no momento em que a cotação iguale ou exceda o preço definido previamente.
  • Com limite de preço: Aqui é estipulado o preço máximo que o investidor está disposto a comprar
 

5: A ordem foi executada?

Depois de dar a ordem, se esta foi emitida fora do horário normal de negociação é considerada registada. Se ainda aguarda a aceitação pela Bolsa é considerada pendente. Quando for aceite pelo sistema de negociação é então executada e o seu intermediário financeiro credita as acções adquiridas na sua conta de títulos.

 

Veja também: