Como lavar o motor do carro

Lavar o motor do carro tem vantagens e desvantagens. Saiba como o deve fazer e os riscos que corre. O mais importante é que o coração do carro continue a bater.

Como lavar o motor do carro
Conheça métodos mais benéficos e outros mais prejudiciais

Limpeza é palavra de ordem nos dias de hoje. Os paradigmas franceses do passado já não são repetidos para bem dos narizes de todos. Todos os dias, de manhã ou à noite, ou até de manhã e à noite sabe bem um tomar um duche ou mesmo um banho de imersão. Também o nosso carro precisa de uma boa limpeza por dentro e há quem defenda que é bom lavar o motor, no entanto há opiniões contrárias.  Lavar o motor do carro pode trazer vantagens e desvantagens dependendo da maneira como o fizer e cada caso é um caso, já que há componentes muito sensíveis nos carros mais recentes, no entanto um pano húmido nunca fez mal a ninguém. Sejam motores de quatro cilindros ou até três cilindros com 1 litro de capacidade, ou mesmo os motores em V sejam 6 cilindros ou 8 e até mesmo 12. Esses sim, vale a pena observar, de preferência que venham protegidos com um capot transparente para felicidade dos olhos alheios.

 

Quando lavar o motor do carro

Apesar de tudo o que está debaixo do capot estar preparado para sobreviver com alguns salpicos, provenientes da chuva, quando se jorra água diretamente para esses componentes podemos estar a danificá-los e ser necessária a substituição.

Lavar o motor do carro é necessário depois de incursões por caminhos lamacentos ou quando passamos sobre alcatrão quente o que pode sujar em demasia o motor.

 

Como lavar o motor

O ideal é levar o carro a uma empresa de limpeza pois estão preparados para fazer o trabalho sem danificar o motor, no entanto pode fazê-lo em casa.

Há várias formas de lavar o motor ora veja:
  • a forma menos intrusiva: limpe com um pano húmido todo o motor e no final aplique um líquido para plásticos para proteger e dar brilho (pode até ser o mesmo utilizado nos pneus do carro);

  • o mais arriscado: lave com uma lavadora de pressão, mas tenha o cuidado de proteger todos os componentes elétricos do seu carro com plástico, tal como a bateria e todos os sensores e respiradouros, sem esquecer os fusíveis. Molhe toda a área do motor, depois aplique um desengordurante borrifando sobre o motor e no final volte a lavar com água. Terminado o processo aplique um líquido para plásticos. 
 

Outros métodos

Há ainda quem utilize gasolina para lavar o motor do carro, contudo seguindo estes passos pode danificar os plásticos e borrachas que se encontram junto do mesmo. Evite a gasolina, apesar de ser bastante corrosiva e poder ajudar em certos casos: tal como quando passamos por uma estrada com alcatrão quente e este se agarra ao motor.

Em suma, lavar o motor pode ser benéfico, mas só em casos extremos. Se for apenas por questões estéticas opte por um pano húmido pois verá o problema resolvido.


Veja também: