Como levar líquidos nos aviões

Fique a saber como levar e quais os limites dos líquidos numa viagem de avião.

Como levar líquidos nos aviões
5 Dicas para viajar de avião com líquidos

Transportar líquidos em viagens de avião requer várias regras. No que toca a viagens de curto curso, orientadas por companhias low cost, é imperativo termos cuidado no transporte de líquidos na nossa bagagem de mão.

Quando viajamos de avião uma das nossas preocupações é que objetos podemos levar connosco: roupa, objetos de higiene pessoal, que tamanho e peso podem ter, o que se pode e o que o não é permitido levar na bagagem de mão, etc. Por isso, com a Nova Regulamentação da União Europeia aplicável em todos os seus Estados Membros relativa ao rastreio de líquidos transportados na bagagem de mão, que entrou em vigor no dia 31 de janeiro de 2014, tornou-se permitido o transporte de líquidos na bagagem de mão adquiridos nas lojas situadas após o controlo de segurança de qualquer aeroporto ou abordo dos aviões de qualquer transportadora aérea, desde que estejam devidamente acondicionados dentro de um saco inviolável selado e com o recibo de compra no seu interior.

Quer saber mais?
Receba as nossas melhores dicas no seu e-mail. Registe-se no E-Konomista. Diariamente, levamos até si a informação mais relevante.
Quer saber o que fazer caso decida fazer uma viagem e tenha líquidos em sua posse? Nós temos umas dicas que lhe podem ser úteis!


Quantidades e limites

Em companhias aéreas com a Ryanair ou a Easyjet, antes de transportar líquidos em viagens de avião, fique a saber que tudo o que for líquido ou em gel tem um limite máximo de 100 mililitros. Tenha atenção, porque se caso ultrapassar, já não passa. Dentro desta definição de líquidos estão incluídos:
  • Bebidas como sopa e água, cremes, loções, óleos e perfumes;
  • Sprays e recipientes sob pressão como desodorizantes, espuma para o cabelo e de barbear;
  • Pasta dos dentes e gel de banho;
  • Líquido de lentes de contato.

Não se esqueça que todos estes produtos têm de ser colocados obrigatoriamente num único saco de plástico transparente, com as dimensões máximas de 20 x 20 centímetros. Contudo, este saco também obedece a certas regras para ser capacitado no transporte de líquidos numa viagem de avião:
  • Não deve exceder 1 litro de capacidade;
  • Deve estar completamente fechado;
  • Os itens guardados devem estar dentro do saco confortavelmente, não devendo o saco estar muito cheio.


Como levar comida e leite para bebés

Se vai viajar com um bebé poderá transportar todo o leite para bebé, leite em pó, água esterilizada e comida de bebé necessários para a sua viagem, ainda que possa exceder o limite condicionado para líquidos. Todos os alimentos e bebidas para bebé não precisam de estar no saco de plástico transparente, contudo devem estar prontos para serem inspecionados e revistados pela segurança do aeroporto.


Como levar medicamentos líquidos

Tal como a comida e a bebida para bebés, também é permitido o transporte de medicamentos líquidos necessário para a sua viagem. Os medicamentos não necessitam de estar no saco de plástico transparente e também devem estar prontos para serem vistos pela segurança do aeroporto.


Países onde se aplica o regulamento para o transporte de líquidos

Todas as regras sobre transporte de líquidos numa viagem de avião são aplicáveis em todos os aeroportos dos estados integrantes da União Europeia:
  • Alemanha;
  • Áustria;
  • Bélgica;
  • República Checa;
  • Chipre;
  • Dinamarca;
  • Eslováquia;
  • Eslovénia;
  • Espanha;
  • Estónia;
  • Finlândia;
  • Grécia;
  • Holanda;
  • Hungria;
  • Irlanda;
  • Itália;
  • Letónia;
  • Lituânia;
  • Luxemburgo;
  • Malta;
  • Polónia;
  • Portugal;
  • Reino Unido;
  • Suécia.

Para além disso, o regulamento também é aplicável nos aeroportos de:
  • Marrocos;
  • Noruega;
  • Islândia;
  • Estados Unidos da América;
  • África do Sul;
  • Brasil;
  • Suíça.


Compras de líquidos nos aeroportos ou a bordo

Os passageiros podem adquirir líquidos em quantidades adicionais nas lojas situadas nos aeroportos que estejam localizadas depois do ponto onde o passageiro deve mostrar o cartão de embarque e antes do controlo de segurança e que estejam localizadas depois do controlo de segurança. É recomendável aos passageiros que vão fazer escala noutros aeroportos que tenham em consideração este tipo de limitações. Caso decida comprar líquidos a bordo de um avião, saiba que poderá levá-los nos voos seguintes, caso esteja a fazer escala, desde que os coloque em sacos fechados com um fecho especial que permita verificar que não foi manipulado. Estes mesmos sacos deverão conter um comprativo de compra.

Dicas fornecidas, agora já sabe o que fazer caso decida transportar líquidos numa viagem de avião!


Veja também: