Bancos: como ser o cliente ideal para um empréstimo?

Que ser saber como o banco o vê e como pode vir a ser o cliente ideal para um empréstimo? Veja as nossas dicas e perceba quem é o candidato apetecível.

Bancos: como ser o cliente ideal para um empréstimo?
O que é valorizado pelas instituições de crédito?

Quando alguém necessita de pedir um empréstimo financeiro, há uma dúvida comum: afinal, o que é que as instituições de crédito valorizam num cliente? Criamos um road map para que possa perceber o que os bancos procuram quando decidem a concessão do processo. Quer saber como ser o cliente ideal para um empréstimo? Fique atento.

É certo que hoje, mais do que nunca, os portugueses sentem mais dificuldades em conseguir um crédito. Isso acontece porque, com a crise financeira, os bancos passaram a “apertar” mais os critérios de concessão. Cada vez mais exigentes com os seus clientes, as instituições financeiras estão atentas às situações de instabilidade e conseguir aceder a um empréstimo pode não ser uma tarefa fácil.

No entanto, é possível e há mesmo produtos de crédito pensados para tornar mais simples o processo – e onde a resposta é imediata.

Como ser o cliente ideal para um empréstimo?

Aqui vamos partilhar as características ideais que um bom cliente deve reunir para aceder a um crédito financeiro. Quer saber como pode vir a ser o cliente ideal para um empréstimo? Tome nota.

O cliente deve explicar o que deseja e como pretende conseguir

Quando falamos de empréstimos mais alargados e montantes significativos – como para um crédito habitação, por exemplo -, o ideal será abordar a sua situação junto ao banco, explicar as suas motivações, o que pretende e as razões para procurar o auxílio. Isso será importante para que a instituição financeira perceba qual é a sua real situação e consiga apresentar uma oferta de crédito ajustada a si e a sua conta bancária.

A nossa principal dica é: inicialmente, reúna toda a documentação necessária, detalhadamente. Seja minucioso ao mostrar que tem um perfil estável, que tem cumprido com as suas obrigações e encargos financeiros e, caso possua alguma garantia, não hesite em apresentar.

O cliente deve pedir um crédito à medida do seu bolso

como-ser-o-cliente-ideal-para-um-emprestimo

Esta é uma regra de ouro para ter acesso ao crédito. Se quer ter o seu processo aprovado, não peça mais do que aquilo que pode ser ajustado à sua realidade. Não adianta nada sonhar alto e não analisar atentamente a sua própria situação financeira. Não refletir sobre o que pode pagar mensalmente, por exemplo, é o primeiro passo para ver falhar o seu pedido de crédito.

O cliente deve ter uma situação financeira e profissional estável

Existe um fator que é determinante para os bancos: o perfil de risco. A situação profissional do cliente candidato ao crédito é analisada, bem como a existência e o tipo de vínculo que há com a sua entidade patronal.

Lembre-se: quanto mais estabilidade for comprovada através da situação profissional e da situação financeira da empresa contratante, mais fácil será o caminho para a aprovação do crédito.

O cliente deve ter em mente uma baixa taxa de esforço

Este é um critério muito utilizando para a concessão de créditos, sendo um dos principais indicadores que vão determinar a capacidade financeira de quem pede o empréstimo, calculando assim a viabilidade da aprovação.

Basicamente, a taxa de esforço traduz a relação entre os encargos fixos e os rendimentos do agregado familiar. Uma taxa de esforço que esteja abaixo dos 40% é considerada ideal.

Imaginemos agora que necessita de um empréstimo, mas já tem outros créditos por liquidar. Neste caso, em específico, o nosso conselho é que pague a sua totalidade e, só então, procure por um novo. Isso porque um crédito a decorrer pode influenciar no cálculo da sua taxa de esforço e prejudicar o processo. Não esqueça de ponderar um crédito que seja adaptado a si e aos seus rendimentos.

O melhor cliente é aquele que não tem incidências bancárias

O seu histórico financeiro é sempre a melhor forma de mostrar ao banco o seu perfil de cliente, comprovando o passado de cumprimento em créditos anteriores, por exemplo. Quando realizar um pedido de crédito, o banco vai verificar a sua situação junto ao Banco de Portugal, analisando detalhadamente o seu historial.

Sugerimos que, ao longo de toda a vida, o cliente atue com a maior responsabilidade quando o assunto for pagar os seus empréstimos. Os incumprimentos de hoje podem mesmo refletir amanhã, quando estiver a necessitar de um novo crédito.

Lembre-se: o cliente ideal para um empréstimo tem um histórico responsável com as suas finanças.

O cliente deve querer uma solução ajustada às suas necessidades

como-ser-o-cliente-ideal-para-um-emprestimo

As instituições financeiras apresentam diversos tipos de produtos e soluções de crédito, por isso, é essencial analisar o mercado e procurar por um empréstimo que seja adequado aos objetivos e necessidades em causa. Alguns bancos, por exemplo, podem ter soluções mais vocacionadas para determinados perfis de clientes. Encontre aquele que se ajusta ao seu. Peça simulações, verifique na internet e conheça as suas opções.

Se o seu objetivo é conseguir um crédito habitação, vai querer conhecer melhor o banco e o seu gestor de conta. No entanto, para um crédito pessoal, por exemplo, o processo tende a ser mais simples. Já existem produtos financeiros que podem ser solicitados através da internet e que prometem uma rápida resposta e menos burocracia.

Agora que já sabe como ser o cliente ideal para um empréstimo, está na altura de tirar os sonhos da gaveta e investir no seu projeto – pessoal ou profissional. Um crédito pode ser o aliado que procura e, quando encarado com responsabilidade, pode ajudá-lo – e muito.

Veja também:

Continuar a Ler