AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

8 competências para ter sucesso no trabalho

Desenvolver competências para ter sucesso no trabalho é cada vez mais uma prioridade para os profissionais.

8 competências para ter sucesso no trabalho
E ascender na carreira

A forte competitividade do actual mercado laboral não facilita a tarefa a quem quer construir uma sólida carreira.

É um facto que a especialização pode ser uma grande vantagem para se destacar dos demais candidatos. Mas esteja certo que o domínio de competências técnicas da sua área, por si só, não é suficiente para singrar profissionalmente. Há todo um conjunto de competências para ter sucesso no trabalho que deve, aliás tem, de adquirir para se evidenciar.

Estamos a falar de aptidões transversais a todas as áreas ou profissões e que são fundamentais para a sua progressão. À formação académica é necessário aliar um conjunto de conhecimentos, atitudes e capacidades que farão de si um profissional preparado para enfrentar os desafios.

Estas soft skills farão a ligação entre o saber técnico e o mercado, a teoria e a prática. Flexibilidade, comunicação, liderança, gestão são apenas alguns exemplos do que os recrutadores procuram nos candidatos. É claro que não pode nem consegue adquirir estas ‘skills’ da noite para o dia. No entanto, é crucial que as vá desenvolvendo e que tenha noção da sua importância.


8 competências para ter sucesso no trabalho


1. Capacidade de comunicação

Básico mas tantas vezes ignorado. Em todos os empregos, comunicar de uma forma eficaz e eficiente é fundamental. Só assim conseguirá passar a sua mensagem claramente a quem o rodeia. Por escrito, oralmente, ao telefone, por email ou cara-a-cara, seja conciso, objectivo e preciso no que tem a dizer. Ah! Escolha o canal de comunicação que melhor se adapta à situação.



2. Liderança

Não se iluda. Quem contrata procura colaboradores que sejam capazes de assumir a liderança, mesmo que a vaga não seja para uma posição de chefia. As oportunidades para orientar equipas ou projectos surgem frequentemente no dia-a-dia. Ter a capacidade de motivar os colegas para que se empenhem a 100 por cento ou assumir desafios sem receio é estar em vantagem.



3. Organização

Uma agenda em dia é meio caminho andado para estar em cima do acontecimento. Planear com tempo tarefas, reuniões e projectos permite-lhe cumprir prazos, definir prioridades e até antever problemas, encontrando soluções ou alternativas antes ‘da bomba rebentar’. Poderá assim ter uma atitude mais pró-activa e isso não passa despercebido.



4. Saber gerir

Nunca como agora a gestão teve um papel tão relevante no mundo laboral. A todos os profissionais é exigido que tenham aptidão para gerir. O quê? Pessoas, tempo, recursos, projectos, entre outros. Afinal, um bom gestor é aquele que consegue manter o equilíbrio e potenciar a produtividade, melhorando assim o rendimento.



5. Trabalhar em equipa

Uma das competências para ter sucesso no trabalho mais valorizada, independentemente da área profissional. Conciliar feitios, opiniões, pensamentos, métodos diferentes em torno de um objectivo comum não é fácil. Mas terá de o saber fazer, seja como membro ou líder da equipa. Se assumir o comando, delegar funções e ouvir o feedback são pontos-chave.



6. Pensamento crítico

Resume-se a olhar para uma situação, analisá-la, perceber o que está mal e encontrar uma solução para corrigir o erro. Uma capacidade muito privilegiada por quem contrata. Estamos a falar de uma ‘soft skill’ característica de profissionais autónomos e ambiciosos, para quem melhorar e inovar o que existe é uma constante. Dê uso à sua criatividade.



7. Confiança

Sim, a confiança também se trabalha. Acreditar em nós, nas nossas capacidades é a base para podermos crescer profissionalmente. A formação e a prática podem alavancar a nossa auto-estima mas compete-nos desenvolvê-la. Um profissional confiante é um bom líder, um bom colega de equipa, um bom decisor, um bom gestor.



8. Jeito para negociar

Se pensa que só quem trabalha em vendas é que tem de negociar, está redondamente enganado. Diariamente, a sua capacidade de negociação é posta à prova. Quando defende as suas ideias, os seus projectos, a sua equipa, toda a sua perícia na arte da negociação é posta à prova. Ceder aqui para ganhar ali. Argumentar com fundamentos é primordial.

Veja também: