Crédito para estudantes

O crédito para estudantes ajuda muitos jovens a concluirem os estudos que provavelmente de outra forma não conseguiriam. Conheça as vantagens a as condições.

Crédito para estudantes
Conheça as vantagens do crédito para estudantes

O crédito para estudantes veio abrir novas fronteiras às gerações mais jovens. Mal ou bem, a verdade é que para se conseguir ir mais longe nos estudos e se dar um salto para o ensino superior e outros voos, e preciso ter alguma folga financeira para o fazer.
 
Deste modo, o Ministério da Educação e Ciência em parceria com algumas entidades bancárias, criou o crédito pessoal para estudantes, facilitado pela linha de crédito bancário com garantia mútua. O principal objectivo visa essencialmente financiar a realização de cursos de especialização tecnológica, licenciatura, mestrado, ERASMUS e também outros programas de intercâmbio internacional de estudantes, estudos de doutoramento e pós-graduação.
 

Quais as condições do crédito para estudantes?

Um crédito pessoal para estudantes tem condições muito particulares e que diferem das condições formais dos créditos pessoais disponibilizados pelas instituições bancárias
Os estudantes que queiram aproveitar este financiamento para evoluir nos seus estudos para o ensino superior, poderão usufruir de várias vantagens, tais como uma taxa de juro mínima com um spread máximo de 1%. Se estas condições já são excepcionais face ao praticado no mercado, saiba ainda que os alunos que apresentarem melhor aproveitamento escolar, terão acesso a uma taxa ainda mais reduzida.
 

1. Para alunos com aproveitamento:

  • igual ou superior a 16 valores: spread de 0,20%;
  • entre 14 e 16 valores: spread de 0,65%;
  • inferior a 14 valores ou no início do curso: spread de 1%.
 

2. Valores e prazos

Quando pensar em subscrever um crédito pessoal para estudantes, saiba que os valores disponibilizados variam entre os 1000 e os 5000 euros por ano de curso, sendo que o máximo de montante atribuído fixa-se nos 25 mil euros.
 

3. Qual o prazo de utilização?

Os prazos de utilização podem variar entre 1 e 5 anos, dependente da duração do curso. Quando se trata do programa ERASMUS, os prazos variam entre os 3 e os 12 meses.
 

4. Quando tenho de pagar?

As condições da maioria das entidades bancárias permitem o reembolso dos empréstimos entre 6 a 10 anos após a conclusão do curso. Mediante a duração dos cursos e empréstimos, terá direito pelo menos a um ano adicional de carência de capital.
 

Quais as instituições bancárias que disponibilizam este tipo de crédito?

Os bancos que aderiram a este tipo de crédito e que poderá consultar são os seguintes:
  • BPI
  • Banco Espírito Santo
  • Santander-Totta
  • Montepio Geral
  • Caixa Geral de Depósitos
  • Grupo Crédito Agrícola
  • Millennium BCP
 
 
Leia também: