Sabe quais os cuidados a ter ao viajar para a Ásia?

Dias de sol, praias paradisíacas, cultura diferente e comida apimentada! As atrações são muitas, mas também devem ser os cuidados a ter ao viajar para a Ásia. Confira quais!

Sabe quais os cuidados a ter ao viajar para a Ásia?
Um continente incrível e apaixonante que exige alguns cuidados

Muita gente sonha em viajar para a Ásia, só que muitos embarcam nessa tão sonhada viagem sem estar preparado. Existem cuidados a ter ao viajar para a Ásia que podem ditar o sucesso desta aventura.

A verdade é que este continente tem um encanto especial, provocando sempre uma vontade viciante de regressar e conhecer cada vez mais. Lugares apaixonantes, cheios de história, tradições, paisagens de tirar o fôlego, boa gastronomia, além de um povo extremamente recetivo e hospitaleiro.

Se for bem preparado, pode estabelecer um roteiro fantástico com o qual muitos sonham, desde que tenha em conta os cuidados a ter ao viajar para a Ásia que iremos enumerar.

10 motivos para conhecer a Ásia

Mas antes disso, vamos desmitificar o porquê do encanto da Ásia. Por que motivo tantas pessoas vêem os países asiáticos como a sua viagem de sonho?

1. Cultura e história

cambodja

A Ásia tem um património cultural riquíssimo. Em cada esquina, esconde-se mais um templo e mais uma folha do seu livro de história. A cultura é tão diferente da que estamos habituados no mundo ocidental, de tal forma que este choque cultural é um motivo bastante cativante.

2. Povo acolhedor

nepal

A simpatia dos asiáticos, principalmente nos países do Sudeste, não é forçada, mas sim natural e espontânea. É um povo que sabe que vive dos viajantes e, por isso mesmo, são acolhedores e atenciosos. Qualquer um está disposto a ajudar e a curiosidade é-lhes inerente.

3. Beleza natural

asia beleza

Ninguém consegue ficar indiferente à beleza natural destes países. As praias da Tailândia, as montanhas do Nepal e as Cascatas do Laos são só alguns exemplos do que a natureza fez de melhor no continente asiático.

4. Gastronomia

gastronomia

No Oriente, o melhor sítio para comer é mesmo na rua, nos mercados locais. É lá que pode experimentar os melhores noodles, os melhores fried rice e, para os mais corajosos, os insetos e os bichos estranhos que não são habituais na Europa. Aqui, a gastronomia tem um sabor especial, que não conseguimos sentir nos restaurantes asiáticos em Portugal.

5. Vida barata

Comer por 3 dólares, dormir por 5 e viajar por 8 para o outro lado do país. Se não for demasiado exigente, a vida na Ásia pode ser mesmo muito barata, e isso leva a que os jovens consigam viajar por aqueles países durante algumas semanas, sem grande esforço. O truque é fugir de tudo o que é mais turístico e integrar-se na cultura deles.

6. Clima

Em geral, nos países asiáticos está sempre bom tempo, e, no geral, há praticamente apenas duas estações do ano: a época seca e a época chuvosa. Tanto numa como noutra, há calor e bom tempo, o que leva os viajantes a puderem andar à vontade nas praias e nos templos..

7. Hábitos e costumes

costumes asiaticos

São completamente opostos dos hábitos e costumes ocidentais; e talvez por isso sejam tão cativantes. Durante a viagem, é fácil olhar à volta e ver as diferenças: comer com as mãos na Índia, passearem famílias de 4 e 5 pessoas numa mota no Vietnam e as crianças andarem descalças nas escolas no Cambodja…

8. Facilidade na deslocação

É fácil e barato. Afaste-se dos autocarros turísticos e dos táxis. Alugue uma mota, negoceie o preços dos tuk tuks, apanhe os autocarros locais e night bus. As ofertas são bastantes e muito baratas.

9. Compras

mercado-asia

É fácil perder a cabeça nos mercados. Artigos giros e diferentes que decoram qualquer casa e que dão óptimas prendas para a família e amigos. O único truque aqui é regatear.

Cuidados a ter ao viajar para a Ásia

Antes da partida


1. Passaporte e visto

  • Verifique se dispõe de passaporte válido. Alguns países exigem um prazo de validade que poderá ir até 6 meses após a viagem;
  • Se possível deixe a familiares fotocópia do passaporte e o contacto do hotel onde ficará instalado;
  • Verifique ainda se os seus cartões de crédito/débito são aceites no país de destino;
  • Atempadamente verifique se necessita de visto para entrar no país de destino. Se sim, não parta sem esse documento. Alguns países, como o Vietname possibilitam a obtenção do visto online;
  • Se vai viajar para países com condições de segurança precárias, procure obter o máximo de informação possível antes da partida e informe a Embaixada e/ou o Consulado de Portugal no país ou países que pretende visitar, das datas previstas para o início o conclusão da viagem, itinerário, locais de pernoita e respectivos contactos telefónicos;

2. Ingestão de bebidas alcoólicas

  • Alguns países regem-se por severas leis proibindo o consumo, importação e venda de bebidas alcoólica. Informe-se antes da partida.

3. Saúde

  • Caso se desloque a um país de clima tropical ou com doenças endémicas, efectue antecipadamente, 6 a 4 semanas antes da partida, uma consulta de Medicina das Viagens;
  • São recomendáveis as seguintes vacinas, dependendo em específico do país que irá visitar:
    • Hepatite A: uma doença transmissível através de água e comida contaminada
    • Febre Tifóide: também transmissível através de água e comida contaminada e particularmente recomendada para quem planeia viajar por cidades mais pequenas ou zonas mais rurais
    • Encefalite Japonesa: recomendada para quem planeia viajar por um mês ou mais pela Malásia, principalmente por zonas rurais, sendo transmitida através da picada de um mosquito infectado
    • Raiva: principalmente recomendada a quem planeia passar muito tempo em actividades exteriores como acampar, trekking, escalada, etc, a quem possa vir a passar muito tempo com animais e a crianças pequenas que tendem a brincar com animais na rua
  • Transporte sempre consigo a receita médica dos medicamentos que esteja a tomar. Lembre-se que existem substâncias legalmente permitidas em Portugal que são ilegais noutros países;
  • Têm-se verificado alguns casos de dengue entre os estrangeiros, pelo que devem tomar precauções para evitar as picadas de mosquitos;
  • Informe-se sobre os acordos de assistência médica que possam existir com o país de destino;
  • Gripe aviária: não se têm registado novos casos, pelo que não parecem, de momento, existir motivos para especiais precauções, além de cuidados gerais, como evitar a ingestão de carne de aves mal cozida.

4. Transportes

  • Caso vá conduzir, verifique se a sua carta de condução está dentro do prazo de validade e se é reconhecida pelo país que pretende visitar e respeite ao máximo o código da estrada desse país. Lembre-se que muitos países utilizam mecanismos de aplicação imediata da sanção decorrente da infracção praticada.

5. Questões gerais

Durante a viagem


1. Documentação

  • A fim de evitar o extravio da documentação, é aconselhável o depósito dos originais e dos bilhetes de viagem nos cofres do hotel.

2. Comportamento diário

  • Qualquer que seja o país de destino, deverá evitar a exibição de joias e objetos de valor. Os pequenos furtos são uma constante e toda a precaução é recomendável;
  • Evite frequentar ruas mal iluminadas de noite e não resista a uma tentativa de roubo violento;
  • Não transporte malas ou embrulhos que não lhe pertençam e mantenha sempre sob vigilância a sua bagagem;
  • Não conduza veículos de outras pessoas através de fronteiras;
  • Recuse e evite qualquer tipo de contacto, manipulação ou consumo de drogas. Poderá enfrentar, consoante a lei de cada país, multas pesadas, longas penas de prisão em condições difíceis, ou mesmo a pena de morte.

3. Vestuário

  • Nos países muçulmanos e orientais, o viajante deparar-se-á com culturas muito diferentes da ocidental, devendo observar as regulamentações locais relativas ao vestuário e formas de comportamento.

4. Alimentação e bebida

  • A água e a alimentação são muito diferentes do que estamos acostumados. Encontrará muitas barracas de rua e a nossa recomendação é que apenas coma naquelas que lhe pareçam minimamente confiáveis;
  • Quanto à água só deve beber engarrafada e, por precaução, trate toda a água que não for fervida ou engarrafada;
  • Leve um produto de desinfeção de água ou um filtro apropriado para desinfetar toda a água que não foi tratada;
  • O consumo de drogas e de bebidas alcoólicas é geralmente punido com pesadas penas de prisão.

5. Higiene

  • Lave os dentes com água engarrafada (em locais de risco elevado);
  • Lave sempre as mãos quando vai à casa de banho;
  • Não leve as mãos à boca;
  • Leve consigo líquido desinfectante;
  • Evite tomar banho e nadar em águas doces paradas.

Em caso de necessidade, as Secções Consulares das Embaixadas e os Consulados Portugueses podem prestar apoio aos viajantes. Esse apoio traduz-se na:

  • Emissão de documento de viagem provisório, para situações de extravio de documentação;
  • Facilitação do contacto com unidades hospitalares, em caso de acidente ou doença e com advogados em caso de detenção.

A proteção consular não poderá, no entanto, libertá-lo da prisão, pagar as contas do hotel, do médico, do advogado, de viagens ou outras. Por isso, o ideal é planear atempadamente a sua viagem, respeitar os costumes e tradições locais, bem como os cuidados a ter ao viajar para a Ásia. Aí sim poderá desfrutar em pleno das maravilhas deste continente.

Veja também: