AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Curso Fitofarmacêuticos: tudo o que precisa saber

Informações úteis sobre o curso fitofarmacêuticos.

Curso Fitofarmacêuticos: tudo o que precisa saber
Curso obrigatório para uso livre de todo o tipo de químicos agrícolas

Os “novos agricultores” estão cá para ficar: pessoas que decidiram dedicar-se à produção agrícola moderna, recorrendo ao uso das mais inovadoras tecnologias. Com este aumento de unidades agrícolas em Portugal, cresceu também a necessidade de usar fitofarmacêuticos. Porém, só pessoas qualificadas com curso fitofarmacêuticos estão habilitadas a usar todos os tipos de pesticidas. Saiba tudo!



Curso fitofarmacêuticos – essencial para agricultores

A regulamentação legal do uso de pesticidas é uma medida de segurança para as comunidades. O aparecimento de novos agricultores e o investimento recente nos produtos tradicionais portugueses fizeram com que a população ficasse potencialmente exposta a perigos devidos à utilização indevida de produtos químicos.

Assim, a Lei n.º 26/2013 de 11 de abril, regula as atividades de distribuição, venda e aplicação de produtos fitofarmacêuticos para uso profissional e resulta da transposição da Diretiva n.º 2009/128/CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 21 de outubro. Esta Diretiva tem por objetivo uma utilização sustentável dos pesticidas, através da redução dos riscos e efeitos da sua utilização na saúde humana e no ambiente, promovendo o recurso à proteção integrada e a técnicas alternativas, designadamente não químicas, aos produtos fitofarmacêuticos.
 


O que são e quais os tipos de produtos fitofarmacêuticos existentes?

Os produtos fitofarmacêuticos dividem-se em 2 grupos:
  1. Produtos fitofarmacêuticos de uso profissional, que são todos aqueles que dispõem da frase: “Este produto destina-se a ser utilizado por agricultores e outros aplicadores de produtos fitofarmacêuticos.” Todos aqueles que pretendam aplicar produtos fitofarmacêuticos de uso profissional, devem dispor de certificado da ação de formação em Aplicação de produtos fitofarmacêuticos, até 26 de novembro de 2015.
  2. Produtos fitofarmacêuticos de uso não profissional – A utilização destes produtos aplica-se em ambiente doméstico – plantas de interior, hortas e jardins familiares. Neste caso a formação não é obrigatória.
No caso de utilizador de produtos fitofarmacêuticos de uso profissional a formação é obrigatória.
 


Onde encontrar o meu curso fitofarmacêuticos?

Existem diversas escolas, centros de formação e outros estabelecimentos de ensino que leccionam estes cursos.
Encontrará aqui uma lista de formações que cobre todo o país e onde encontrará alguns cursos na área do uso profissional de produtos químicos na Agricultura.
A Consultua também disponibiliza este tipo de cursos.

Aqui ficam mais algumas opções:
Confagri
Cefolgest
Comunilog
Forestis

​Boa sorte na pesquisa dos seus cursos!

Veja também: