Os melhores cursos para quem adora natureza e animais

Adora a área das ciências naturais e está prestes a entrar na universidade? Vai gostar de conhecer os melhores cursos para quem adora natureza e animais.

Os melhores cursos para quem adora natureza e animais
Sugestões para quem quer trabalhar com o meio ambiente ou animais

Quando o assunto é a escolha do curso superior, a preocupação é geral: escolher um curso que, para além de garantir estabilidade financeira no futuro, proporcione também a desejada satisfação pessoal. Por isso, a melhor forma de construir uma carreira de sucesso e ser feliz na profissão é escolher formações que lhe permitam atuar nas suas áreas de maior interesse. Neste artigo, vamos dar ênfase aos melhores cursos para amantes da natureza e dos animais. Preparado para conhecer a  lista que criamos para si?

Conheça os melhores cursos para amantes da natureza e animais

cursos para quem adora natureza e animais

É uma daquelas pessoas que adora animais e natureza? Quer escolher um curso superior que lhe permita o contacto com tudo aquilo de que mais gosta? Então, prepare-se para conhecer a nossa lista de cursos, que o vai ajudar nesta importante etapa da vida académica.

Ciências Biológicas

Esta é, talvez, a primeira opção de curso para quem pensa numa formação superior e adora a natureza. A razão é simples: as Ciências Biológicas estudam a origem, o desenvolvimento e a evolução das plantas, dos animais, das bactérias e protozoários e, claro, dos seres humanos. Ou seja, de todas as formas de vida.

Ao escolher este curso, o futuro profissional tem a certeza de que sairá capacitado para realizar qualquer trabalho relacionado diretamente com a fauna e a flora, exercendo as suas funções, por exemplo, em parques de preservação ambiental, jardins botânicos e viveiros – ou, ainda, atuando em sala de aula, investigações científicas, institutos governamentais e, também, em empresas privadas do setor.

Por ser um campo bastante amplo, o futuro licenciado pode também investir em especializações noutras áreas, como a botânica, a biomedicina, a biossegurança, a genética e a biologia molecular.

Gestão Ambiental

Em resumo, esta é uma ciência que estuda as mais diversas relações estabelecidas entre os seres vivos e o ecossistema onde habitam, e o objetivo é só um: preservar o bom funcionamento do meio ambiente e todos os seus recursos.

Isso, basicamente, quer dizer que um profissional especializado em Gestão Ambiental analisa os ecossistemas, investigando os impactos da ação humana e desenvolvendo estratégias que possam conter, minimizar ou solucionar os problemas ambientais. Parece uma formação super aliciante para os apaixonados pela natureza, certo?

Na prática, o gestor ambiental pode trabalhar, por exemplo, em áreas de preservação ambiental, parques ecológicos, zoológicos, institutos de fiscalização ambiental, empresas privadas e laboratórios de pesquisa.

Oceanografia

Para si que é um apaixonado pela natureza, como seria trabalhar diretamente na preservação dos ecossistemas aquáticos? No curso de Oceanografia, o aluno aprende a analisar os mares, zonas costeiras, rios e lagoas, identificando a sua estrutura e composição química, e entendendo como funciona o modo de vida dos animais que habitam nesses ecossistemas.

O oceanógrafo está em contacto constante com a natureza, exercendo a coleta de amostras dos ambientes aquáticos, determinando as suas condições biológicas, realizando o mapeamento do fundo dos oceanos, para além de fazer a supervisão dos cativeiros de cultivo de animais. É também este profissional quem é responsável pelo saneamento de zonas costeiras, pela recuperação de áreas naturais degradadas e  pelo desenvolvimento de incontáveis pesquisas relacionadas com os impactos ambientais.

Agronomia

O nome do curso já sugere: esta é a ciência que estuda a manipulação sustentável de todos os recursos que sejam necessários à produção agropecuária. Ou seja, o profissional especialista em Agronomia trabalha para alcançar melhorias na qualidade e produtividade das lavouras, dos rebanhos e dos seus mais diversos produtos comerciais finais.

Mas, afinal, o que faz um agrónomo? Um profissional com formação superior em Agronomia pode trabalhar para promover o trabalho dos solos e das colheitas, classificar e padronizar os produtos agrícolas, elaborar estratégias que ajudem a desenvolver a produção agropecuária, como realizar planos para o controlo de pragas, orientar os sistemas de irrigação, organizar a produção rural, ou ainda orientar estudos de pesquisa na área.

Medicina Veterinária

Este é o exemplo mais clássico de curso superior orientado para quem adora os animais de estimação, mas não só. A Medicina Veterinária é a formação que capacita profissionais responsáveis pela assistência clínica, cirurgia e cuidados gerais de todos os animais – domésticos e selvagens.

O médico veterinário é responsável por cuidar da saúde, preservação, alimentação e reprodução dos animais. O futuro médico veterinário pode trabalhar em diversas áreas, para além de exercer as funções clínicas, como atuar na inspeção animal, no controlo de doenças, na preservação de animais selvagens que estão em cativeiro, na fiscalização de estabelecimentos que comercializam produtos com origem animal ou ainda no desenvolvimento de medicamentos e produtos veterinários.

Zootecnia

Tal como a Agronomia, este é um curso inserido na área das Ciências Agrárias, ou seja, está num campo direcionado para o desenvolvimento da produção agropecuária.

A grande diferença entre as formações é simples de explicar: o profissional especializado em Zootecnia atua, direta e exclusivamente, na produção agropecuária e nos cuidado com os rebanhos. O profissional da área pode atuar para estudar e melhorar a genética dos animais, controlar as doenças e ajudar a promover os produtos agropecuários.

Não é difícil concluir que a Agronomia e a Zootecnia estão profundamente ligadas ao negócio agro e são profissões voltadas para um fim comum: melhorar os produtos e a comercialização da agroindústria.

Engenharia Ambiental

Já imaginou poder utilizar a tecnologia para minimizar os impactos que os seres humanos geram sobre o meio ambiente? Então, se já pensou no assunto e gostou da ideia, temos o curso ideal para si: Engenharia Ambiental.

Mas, o que faz, afinal, um engenheiro ambiental? Para explicar em poucas palavras, podemos resumir da seguinte forma: este é um ramo que estuda as dificuldades ambientais e trabalha para desenvolver formas de preservação dos recursos ecológicos, com foco também na saúde humana.

O engenheiro ambiental trabalha para avaliar e gerir todos os assuntos que estejam relacionados com o meio ambiente e os seus sistemas – gestão e avaliação ambiental, drenagem, acústica e abastecimento de água, planeamento energético, gestão de resíduos, saúde ambiental, qualidade do ar, educação ambiental, economia, saneamento, controlo de qualidade, monitoramento de alterações globais e muito mais.

Gostou de saber mais sobre as opções de cursos superiores para quem adora a natureza e os animais? Seja qual for a escolha que faça, uma coisa é certa: a trabalhar numa das áreas que sugerimos, vai estar muito próximo desse seu gosto pessoal.

Veja também: