Publicidade:

7 custos comuns de um cartão de crédito

O simples facto de ter um cartão de crédito e de o utilizar tem um preço. Conheça os custos comuns de um cartão de crédito.

7 custos comuns de um cartão de crédito
Taxas e comissões associadas a cartões de crédito

Sabe quais os custos comuns de um cartão de crédito? Ter um na carteira é recorrente entre os portugueses (é dos produtos financeiros mais usados), tão recorrente como o não conhecimento de todos os custos associados ao mesmo.

Ter um cartão de crédito e utilizá-lo implica custos associados a taxas e comissões. Trata-se de uma informação fulcral, não apenas para evitar surpresas desagradáveis no final do mês ou do ano – por exemplo, com despesas inesperadas com o cartão -, como também para escolher o melhor cartão de crédito para si, ou seja, um cartão adequado às suas necessidades e perfil de consumidor.

Confira, então, a lista com os custos comuns de um cartão de crédito.

Lista dos custos comuns de um cartão de crédito


Em primeiro lugar, importa referir que a oferta de produtos e serviços dos cartões de crédito é muito vasta e varia consoante a entidade financeira em causa. Aliás, para garantir maior multiplicidade de escolha e atrair mais clientes, mesmo dentro de uma entidade encontra variadas opções, com diferentes custos associados. No entanto, estes são os custos comuns de um cartão de crédito.

Anuidade

Trata-se da comissão anual cobrada pela emissão do cartão de crédito. Alguns cartões estão isentos deste pagamento ou ficam isentos se o valor anual utilizado chegar a um determinado patamar. Em Portugal, o valor das anuidades variam, ou seja, não existe um valor padronizado a pagar.

Juros

Os juros são outros dos custos comuns de um cartão de crédito e também variam consoante o cartão e a entidade bancária. Além disso, os juros estão intrinsecamente ligados ao prazo de reembolso do montante utilizado, ou seja, o período de tempo que o cliente tem para pagar o valor em causa ao banco (em prestações ou na totalidade). Sempre que não pagar integralmente e na data limite, pagará juros (de mora) sobre o valor em dívida.

comissoes

Comissões

Algumas operações, sejam nacionais ou internacionais, podem estar sujeitas ao pagamento de comissões. Assim, em pagamentos (bens ou serviços) e levantamentos de dinheiro, bem como se entrar em incumprimento, poderá haver lugar ao pagamento de comissões.

Imposto do Selo

Outro dos custos associados ao cartão é o imposto do selo, nomeadamente em relação à anuidade (4%), aos juros (4%) e ao valor em dívida da conta-cartão (0,105% todos os meses).

TAEG

A Taxa Anual Efetiva Global – TAEG representa todos os custos associados à utilização do cartão de crédito.

Cash Advance

Os levantamentos no multibanco (ATM) – ou cash advance –, com o cartão de crédito têm um custo (taxa) associado. O cash advance é outro dos custos comuns de um cartão de crédito e é, normalmente, muito elevado, ou seja, de evitar.

Emissão de segunda via

Caso tenha necessidade de solicitar a emissão de uma segunda via do cartão, por roubo, perda ou extravio, poderá ter de pagar até 30€.

Veja também: