Publicidade:

Aprenda 7 truques para degustar vinho

A experiência de saborear um bom vinho pode ser valorizada se seguir alguns passos que fazem parte do ritual da degustação. Conheça aqui truques de especialista para degustar vinho.

Aprenda 7 truques para degustar vinho
Dicas para saborear e escolher o melhor vinho para si

Para conseguir degustar vinho corretamente, é necessário ter em conta alguns pontos importantes. Isto porque pode acontecer de um bom vinho, não estando nas suas condições ideais – temperatura e tipo de copo, por exemplo -, não consiga impressionar como devia.

E como esta é, provavelmente, a bebida de eleição à mesa portuguesa, e somos especialistas na ciência desta produção, reunimos truques simples para que consiga degustar o vinho da melhor forma. Ficou curioso? Siga as dicas e desfrute.

7 dicas para degustar vinho: conheça os truques


degustar vinhoFonte: Unsplash/kelsoknight12

1. Sirva o vinho à temperatura certa

Cada vinho tem uma temperatura certa para ser servido – embora a regra geral diga que os brancos devem ser servido frescos, enquanto os tintos devem ser servidos à temperatura ambiente, mas atenção: não a temperatura ambiente do verão… Este pormenor faz toda a diferença na hora de degustar o vinho, tirando todo o partido dos sabores e aromas do vinho. A temperatura é um dos grandes truques para degustar vinho da melhor forma, por isso, não descuide. A temperatura ideal a que um vinho tinto deve ser servido é no máximo 18º e no mínimo 11º. No caso dos vinhos brancos, podem variar de 6º aos 12º.

2. Espere que o vinho areje

Muitas vezes, as pessoas bebem o vinho logo depois de abrirem a garrafa. Em bom português: está errado. Se o fizer, não estará a saborear todas as potencialidades do vinho. De preferência, passe o vinho para um decantador e aguarde uns minutos – ou, se não tiver um à mão, pelo menos, espere alguns minutos com o vinho no copo antes de o beber.

3. Use o copo certo

Cada tipo de vinho pede um copo diferente, pois isso fará realçar diferentes características. Por exemplo, os copos com pé servem para que o calor da mão não entre em contacto com a zona do copo onde está o vinho, pois isso provocaria alteração da temperatura. Se quiser saber mais, leia este artigo sobre os diferentes tipos de copos.

4. Não use perfume

Para conseguir sentir todos os aromas de um bom vinho, esqueça o perfume. Sim, um perfume forte atrapalha a degustação, pois vai interferir com os aromas do vinho. Por isso, se vai querer usufruir de todas as características, evite perfumar-se… E desfrute.

5. Não lave o copo entre vinhos

Se, durante uma refeição, passar de um vinho para outro, nunca passe o copo por água – isso fará com que o próximo vinho fique aguado. É preferível verter um pouco de vinho, fazer rodar o copo e bebê-lo ou deitá-lo fora antes de servir o próximo copo de vinho. Consegue lembrar-se de ver um degustador a fazer isso, certo?

6. Encha o copo na quantidade certa

Os copos não devem ser cheios até cima, mas cada vinho pede uma medida diferente. Enquanto o vinho branco deve encher 1/2 copo, o tinto deve ficar-se por 1/3 e o espumante deve encher 3/4 do copo.

7. Aprecie todas as características do vinho

Antes de beber o vinho, observe-o, admire-lhe a tonalidade e a forma como fica nas paredes do copo. Rode o líquido no copo e cheire o vinho – os aromas já são parte da experiência. Por fim, beba o vinho com calma, dedique-lhe atenção e deguste de cada sensação que ele provoca no seu palato.

Com excepção daqueles que são grosseiramente mal produzidos, os vinhos não podem ser facilmente classificados como bons ou maus, pois isso depende essencialmente da preferência de cada um, da refeição que está a acompanhar, dos gostos pessoais e, claro, dos momentos em que os consumimos. De qualquer modo, estes truques para degustar vinho que lhe apresentamos vão permitir que consiga usufruir de todas as particularidades do vinho e tomar decisões mais informadas e corretas.

Veja também: