Depósitos a prazo – Vantagens e Desvantagens

Conheça as vantagens e desvantagens de investir em depósitos a prazo. Saiba o que deve avaliar antes de optar pelo investimento financeiro num depósito a prazo.

Depósitos a prazo – Vantagens e Desvantagens
Vale a pena investir em depósitos a prazo?

Os depósitos a prazo podem já não viver nos seus tempos de maior esplendor, mas, indubitavelmente, continuam a ser um dos investimentos financeiros mais procurados (e preferidos) dos portugueses.


O que são depósitos a prazo

Genericamente, pode-se definir os depósitos a prazo como um tipo de produto bancário que ocorre com a entrega de fundos a uma entidade de crédito, que fica, por seu lado, obrigada a restabelecer esses fundos no final de um determinado período de tempo (previamente acordado) e ao pagamento de uma remuneração (juro). No entanto, regulado pelo Banco de Portugal, o depósito a prazo tem vantagens e desvantagens.


Vantagens

  • Aplicação simples (de fácil dedução e compreensão);
  • Conhecer, desde o início, qual a taxa de juro aplicada, ou seja, sabe de antemão a remuneração garantida e prazo para a receber;
  • É uma aplicação segura quando comparada com outros produtos financeiros, pois reduz o risco a perto do zero;
  • São aplicações onde pode escolher entre vários prazos;
  • Grande variedade de oferta no mercado, o que permite muitas alternativas de escolha;
  • É um produto financeiro protegido pela garantia do Fundo de Garantia de Depósitos (reembolso garantido até 100 mil euros);
  • Na maioria dos casos não tem despesas adicionais;
  • Permite, com alguma facilidade, o reforço do depósito a prazo.


Desvantagens

  • Como o risco é menor, quando comparado com outro tipo de produtos financeiros, as taxas de juro também são, geralmente, mais baixas. Esta tendência tem-se acentuado nos últimos tempos;
  • Não permite mexer no capital investido durante o período de tempo estipulado pelo depósito a prazo. Aplicação de penalizações no caso de o fazer;
  • Investimento que está sujeito a taxa de IRS;
  • Para que os juros sejam bastante apelativos é necessário aplicar muito dinheiro e/ou com prazos alargados (duração superior a seis meses, no mínimo);
  • Em determinados períodos económicos, os depósitos a prazo oferecem uma taxa de juro menor que a inflação.

Resumindo, os depósitos a prazo são a solução (ou uma das) mais segura do mercado. Porque, pode até não ganhar grandes juros, mas os riscos de perder dinheiro são praticamente nulos.


Veja também: