Universidade: 4 dicas para aprender mais e melhor

Vai fazer um curso superior? Já está a frequentar uma licenciatura e quer turbinar os seus resultados? Veja 4 dicas para aprender mais e melhor.

Universidade: 4 dicas para aprender mais e melhor
Passos simples para ter bons resultados

A entrada na universidade acontece numa altura de transformações importantes para os jovens e nem sempre a adaptação corre da melhor forma. Frequentar um curso superior é sinónimo de aprender novas informações, ajustar os esforços e exigir de si mesmo uma boa dose de força de vontade. O sucesso académico está a poucos passos de si e é possível turbinar os seus resultados com pequenas sugestões simples e eficazes. Temos 4 dicas para aprender mais e melhor, e garantimos: estão todas ao alcance de qualquer estudante.

Se quer optimizar os seus estudos e ter um rendimento superior, vai gostar de ler este artigo. Veja aqui como pode obter melhores resultados académicos na universidade, aprendendo cada vez mais rápido. Não sabe como fazer para chegar à meta? Então fique atento às nossas dicas.

4 dicas para aprender mais e melhor na universidade

dicas-para-aprender-mais-e-melhor

1. Leia, leia e leia

Ler muito não é apenas sinónimo de devorar livros. O processo de leitura abrange muito mais do que aquilo que pode imaginar e pode enriquecer os seus processos de aprendizagem nas mais diversas áreas. Desenvolver o hábito da leitura na universidade pode mesmo fazer com que possa aprender mais e melhor sobre os mais diversos temas – e isso pode marcar a diferença.

Se os livros ainda não lhe despertam o interesse, comece por priorizar a leitura de sites, jornais e revistas. Com a internet, não há desculpas para não estar informado e praticamente tudo está à distância de um clique. Invista em revistas especializadas na sua área de formação, por exemplo, e mantenha-se a par do que acontece no universo onde vai fazer carreira. Há poucas características profissionais que superem o facto de estar bem informado.

Comece por desenvolver o hábito da leitura de forma simples e tendo acesso às suas áreas de interesse. Em pouco tempo vai perceber as diferenças no seu vocabulário, na sua capacidade de argumentação e, sobretudo, no desenvolvimento da sua aprendizagem.

2. Trace objetivos para os estudos

Antes mesmo de iniciar nos estudos sobre determinado assunto, estabeleça mentalmente os seus objetivos e tome nota de tudo aquilo que tem em mente para alcançar as suas metas. Criar objetivos é uma excelente forma de incentivar os estudos. Estabeleça um foco.

Se o objetivo é ingressar num determinado curso, faça deste o seu combustível para as horas de estudos. No entanto, se a meta é realizar um projeto académico, defina no tempo quando deverá estar preparado para dar início ao trabalho e cumpra com a agenda de estudos e atividades que estabeleceu para chegar onde quer. Dedicação é uma das palavras de ordem quando o assunto é aprender mais e melhor, e isso serve para qualquer área da sua vida.

3. Confie no seu potencial

Ter autoconfiança é uma das características mais fundamentais quando se fala no processo de aprendizagem. Não acreditar em si mesmo é o primeiro passo para falhar com os seus objetivos e desistir das metas que traçou para o seu futuro académico e profissional.

Confie no seu potencial e realize tudo o que puder para torná-lo ainda mais abrangente. Vai aprender algo novo? Mesmo que encontre dificuldades, insista. Por mais difícil que seja o conteúdo, determine que vai conseguir absorver grande parte da matéria e vai ver que os resultados chegam até si de forma mais fácil e com menos carga de stress.

4. Desistir? Risque a palavra do vocabulário

Mesmo para os melhores alunos, estudar nem sempre é fácil e é certo que, durante o processo de aprendizagem, todos encontram obstáculos por ultrapassar. Isto é válido especialmente para os alunos que estão na fase de exames para ingressar na universidade.

Não deixe que o stress e a pressão de determinados momentos fale mais alto do que a sua força de vontade e insista nos seus objetivos. Os resultados, por vezes, podem não ser os melhores… Mas, não esqueça que o grande segredo para chegar à meta é não desmotivar durante o processo. Persistir, mais cedo ou mais tarde, vai trazer os tão esperados benefícios.

Veja também: