AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Dicas para tirar partido das feiras de emprego

As feiras de emprego podem ser a porta de entrada no seu próximo emprego. Saiba tudo o que precisa para tirar partido das feiras de emprego. 

Dicas para tirar partido das feiras de emprego
Veja o que deve fazer antes, durante e depois.

As feiras de emprego servem para bem mais que colecionar panfletos informativos, canetas ou outros brindes de várias empresas. Se bem trabalhadas são verdadeiros ninhos de oportunidades.
 
Se até ao momento não tem obtido os melhores resultados, o mais certo é estar a cometer alguns erros que - quase - se pode dizer são erros de principiante. Mas não desespere, como sempre viemos em seu auxílio e vamos dar-lhe as melhores dicas para tirar o máximo partido das feiras de emprego.
 

Para que servem?

As feiras de emprego não só uma novidade no mercado. Desde há muito que se realizam e podem ser a resposta certa tanto para recrutadores com empregos para dar e vender, como para profissionais em busca de trabalho.
 
Para quem procura emprego não será novidade que nem todas as ofertas de emprego são divulgadas através de sites institucionais, portais de emprego ou anúncios de jornal. Já aqui falamos por diversas vezes sobre o assunto. É aqui que as feiras de emprego entram e podem ter um papel central no sucesso da sua procura de emprego.
 
Estas iniciativas são bons pontos de encontro – digamos assim – já que permitem que num único espaço estejam reunidos profissionais ativos e cheios de vontade de trabalhar e empresas que procuram os melhores colaboradores para os seus quadros.
 
Em boa verdade, uma parte fundamental do processo de procura de emprego passa conhecer e interagir com potenciais recrutadores e, nesse sentido, as feiras de emprego podem ser uma das ferramentas mais úteis na sua busca. Além disso, são uma ótima oportunidade de networking para os profissionais, que podem assim contatar de perto com os recrutadores e conhecerem um pouco da cultura de cada empresa participante.
 
Mas para poder tirar todo o partido das feiras de emprego, deve saber que o sucesso da sua participação requer que seja proactivo antes, durante e depois do evento. Mas tudo começa com uma boa preparação prévia.
 

O antes…

 

1. Trace um plano para o dia

Nunca vá para uma feira de emprego sem saber quais as empresas que vão participar ou sem estar devidamente informado sobre elas. Antes da feira, reúna o máximo de informação sobre os empregadores que vão marcar presença. Sabendo isso, vai poder definir quais as empresas que mais lhe interessam ou que deve contactar primeiro. Ou seja, crie um plano de ação ou uma “agenda” para o dia, onde defina quais as empresas que pretende contactar pela sua ordem de interesse. Mas claro, deixe algum tempo livre para interagir com as restantes. Lembre-se do princípio básico da procura de emprego: nenhuma empresa é carta fora do baralho. Mesmo as menos óbvias podem ter uma boa oportunidade para si.
 

2. Prepare as cópias do seu Curriculum Vitae (CV)

Nunca vá para uma feira de emprego de mãos a abanar. Leve várias cópias do seu CV consigo. A ideia é que os distribua junto das empresas.
 

3. Crie o seu pitch 

Ou seja, uma breve apresentação. O termo é agora usado com muita frequência e significa que deve estar preparado para se apresentar aos seus potenciais recrutadores de forma rápida (os especialistas dizem que deve ser capaz de o fazer num curto espaço de tempo, cerca de 60 a 90 segundo). E mais. Assegure-se que tem mantem uma boa postura para criar uma boa primeira impressão. Treine em casa para garantir que tem o pitch perfeito.
 

O durante…

 

1. Vista-se adequadamente

Lembre-se que vai passar o dia a estabelecer contatos profissionais e a sua imagem conta muito. Por isso, escolha um outfit adequado.
 

2. Informe-se sobre as posições que cada empresa tem em aberto

Uma vez na feira, é importante que deixe as inibições de lado e fale diretamente com os recrutadores presentes. E claro: procure saber quais as vagas para as quais se encontram a recrutar. Só assim pode saber se a empresa o interessa e se tem oportunidades adequadas para si e para as suas competências.
 

3. Coloque questões… pertinentes

Está a falar com potenciais recrutadores, pessoas que vão passar o dia a contactar com muitos outros candidatos. Não caia no erro de fazer perguntas desinteressantes. Use a sua pesquisa prévia para colocar questões que mostrem que conhece a empresa e que está efetivamente interessado em colaborar com ela. A ideia é impressionar, portanto mostre-se interessado e entusiasmado.
 

4. Evite o assunto salário

À semelhança do que acontece numa entrevista de emprego, este é um tópico que deve evitar. O seu interesse maior deve ser nas oportunidades de trabalho, o assunto “salário” a seu tempo será abordado. 
 

5. Disponibilize uma cópia do seu CV sempre que a empresa mostre interesse 

Afinal de contas foi para isso que as levou. Ou achava que era só para deambular pela feira com elas? Se durante a conversa perceber que os representantes da empresa podem estar interessado no seu perfil ofereça uma cópia do seu CV ou – caso não estejam a recolher CV’s – solicite os contatos para poder enviar depois.
 

6. Recolha os panfletos ou folhetos da empresa e cartões-de-visita dos representantes das empresas

Os flyers contêm informações que podem ser úteis para o ajudar na preparação de uma futura entrevista. Quanto aos cartões-de-visita, vão servir para aumentar a sua rede de contactos ou para poder enviar posteriormente o seu CV.
 

E o depois…

Esta é a fase mais simples.
 
Faça um follow-up com as empresas participantes na feira. Envie um email de agradecimento pelo tempo e atenção que despenderam consigo e aproveite para reencaminhar o seu CV e carta de apresentação.
 

Et voilá! Resultados à vista!

Se queria saber como tirar partido das feiras de emprego, aqui está!
 
Estes eventos possibilitam algo que pode ser difícil à partida: o contacto direto com recrutadores. Portanto, reveja e reforce a sua estratégia de marketing pessoal e depois só precisa de espalhar magia!
  Dois minutos chegam para concorrer ao emprego dos seus sonhos >>
Veja também: