4 Dicas para tomar decisões importantes

Nunca é fácil tomar decisões importantes, mas estas dicas podem dar-lhe uma mãozinha.

4 Dicas para tomar decisões importantes
Precisa tomar uma decisão importante, mas não sabe o que fazer? Então continue a ler.

Todos os dias, todas as pessoas têm que tomar decisões. O que vestir? O que comer? Será que compra ou não um determinado produto? Aceita ou não uma oferta de emprego? Avança ou não com um determinado projeto ou negócio? Umas mais simples do que outras, com mais ou menos impacto nas suas vidas, o que é certo é que as decisões a tomar são muitas e fazem parte do dia-a-dia de qualquer pessoa. E mais. Todas estas decisões terão consequências na sua vida (maiores ou menores, mas terão). E por isso é bom tomá-las de forma consciente e segura, principalmente quando falamos em tomar decisões importantes e que podem mudar a sua vida radicalmente.
 

Como tomar decisões importantes?

Se esperava uma fórmula mágica, lamentamos desiludi-lo, mas não é isso que temos para si. Temos isso sim, algumas dicas ou cuidados que deve ter na hora de tomar as decisões mais importantes da sua vida (seja ela pessoal ou profissional).

 

1. O que diz o seu instinto?

Sim, é um filtro mais emocional do que outra coisa, mas é também aquele que não deve ignorar. É certo que deve ter em conta outros aspetos mais racionais (digamos assim), mas o seu instinto pode dar-lhe elementos muito valiosos para tomar a sua decisão. A verdade é que, por norma (embora haja sempre uma possibilidade de errar) o seu instinto esta correto e diz-lhe exatamente aquilo que você, enquanto individuo ou profissional, quer fazer, qual a orientação que quer seguir e que o pode ajudar a tomar uma decisão de forma mais confiante. Ainda assim, a ideia é que comece pelo que diz o seu instinto e parta para uma análise mais profunda e analítica da sua situação para chegar à sua decisão.
 

2. Liste todos os prós e contras

Certamente já ouviu isto várias vezes, mas isso tem uma razão de ser. É que esta lista permite-lhe ver a situação de forma mais completa e identificar mais opções e/ou soluções. Seja qual for a decisão que precisa de tomar, tente olhar para a situação e listar todos os prós e contras, vantagens e desvantagens, pontos positivos e negativos que a sua decisão possa acarretar. Com esta lista vai poder analisar a sua possível decisão sob diferentes pontos de vista e assim encontra e identificar todas as opções disponíveis e ajudá-lo a tomar a decisão mais acertada.
 

3. Considere os possíveis obstáculos

Independentemente de qualquer que seja a decisão que tome, vai encontrar obstáculos pelo caminho. Isso é certo. Por isso, antes de tomar a sua decisão não deixe de os considerar na sua análise. Tenha sempre em mente, que tudo na vida é imprevisível e, como tal, nada melhor que antecipar possíveis obstáculos. Assim, vai poder tomar a sua decisão de forma mais segura, porque sabe que terá sempre um plano alternativo ou que está preparado para qualquer eventualidade.
 

4. Não analise demasiado a situação

Se chegou ao ponto da decisão é porque tem algum fundamento para essa decisão. É certo que deve ser racional e tentar controlar a impulsividade de saltar para uma decisão apressada e sem grande análise, mas isso não significa que deva pensar demasiado ou complicar a tomada de decisão.

 

Uma oportunidade por detrás de cada decisão

Não deixe que o medo e insegurança o travem ou impeçam de alcançar os seus objetivos. Encare cada de decisão importante como uma oportunidade e tente tirar partido das lições que daí possa retirar. Se vai falhar pelo caminho? Certamente, que sim. Afinal a vida é feita de altos e baixos e em alguma parte desse percurso irá errar, mas aí só tem que aprender com esses erros, melhorar e progride.


Veja também: