AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Dinâmica de grupo: 5 erros a evitar

Conheça os erros mais frequentes cometidos pelos candidatos numa dinâmica de grupo e saiba como os evitar. 

Dinâmica de grupo: 5 erros a evitar
Sabe em que consiste uma dinâmica de grupo? Ou quais os cuidados que deve ter?

Se ainda não sabe quais os cuidados a ter numa dinâmica de grupo, agora vai ficar a saber.

Qualquer entrevista é um momento decisivo para todos os candidatos, mas há umas que podem ser mais complicadas que outras, principalmente se não estiver devidamente preparado. É o caso da dinâmica de grupo. Para o ajudar, aqui ficam algumas dicas.


O que não deve fazer?

A dinâmica de grupo – ou entrevista de grupo, como é normalmente conhecida – pode ser uma verdadeira “prova de fogo”. Trata-se de um dos tipos de entrevista de emprego que tem vindo a ganhar terreno no seio dos processos de recrutamento, por permitir de forma clara traçar os perfis dos diversos candidatos envolvidos e perceber de que forma reagem em contexto de trabalho.

A avaliação dos candidatos faz-se, por norma, através da análise de casos de estudo ou exercícios apresentados ao grupo, com o intuito de fazer aflorar determinadas características, como a capacidade de liderança, de comunicação, confiança ou trabalho em equipa, por exemplo.

E como sempre, o segredo para brilhar numa dinâmica de grupo (tal como em qualquer outro tipo de entrevista) é a preparação. Neste caso, convém estar ciente dos erros (que mesmo que lhe pareçam pequenos) podem contribuir para arruinar as suas probabilidades de sucesso.

Conheça os erros mais frequentes dos candidatos neste tipo de entrevista.

1. Não participar

Pense. Se está a ser avaliado, optar por “entrar mudo e sair calado” não será a melhor das decisões. Sim, isso acontece. Há candidatos que simplesmente se mantêm mudos durante a dinâmica de grupo e, obviamente, os resultados não são os melhores. Os seus recrutadores querem avaliar a sua participação, as suas contribuições para o caso em análise e os seus comportamentos durante a sessão. Se simplesmente não abre a boca, não há avaliação possível. Seja por timidez ou nervosismo, trate de ultrapassar essas limitações e participe na conversa.


2. Falar demais

É caso para dizer: “nem oito, nem oitenta”! Certo, o tempo da dinâmica de grupo é a sua grande oportunidade para mostrar todo o seu valor aos seus recrutadores, mas não é suposto ser o único a falar ou a monopolizar a conversa. Permita que os restantes participantes participem na discussão. Os seus recrutadores vão gostar de perceber que tem espírito de equipa.


3. Estar desatento

É o primeiro passo rumo ao precipício. Durante a dinâmica de grupo a ideia é discutir um caso específico ou propor soluções para um determinado problema. Se não prestar a devida atenção vai perder detalhes importantes para formular as suas ideias ou, até, as contribuições dos seus colegas. Não só passa a ideia de estar desinteressado, como pode acabar por cometer algumas gaffes. Tudo o que não deve fazer!


FIQUE ATENTO:
Se quer receber mais notícias gratuitas como esta, basta registar-se no E-Konomista. Toda a informação sobre emprego actualizada ao minuto.

4. Ser demasiado informal

Por mais à vontade que se possa sentir, é importante que se lembre que está uma entrevista de emprego. Portanto, evite usar linguagem descuidada, demasiada gíria e calão; ou cair na asneira de fazer piadas desnecessárias e inconvenientes. É suposto participar e apresentar as suas ideias, mas com moderação e postura. Lembre-se: “à vontade, não é à vontadinha”!


5. Estar totalmente despreparado

Entrar numa dinâmica de grupo sem saber o que faz a empresa, quais os valores porque se rege, sem conhecer (pelo menos) alguns dos projetos que desenvolveu (ou está a desenvolver) ou os produtos que fabrica/comercializa é fatal. Além de revelar que não se preparou para a entrevista, pode ter influência no seu desempenho nas atividades propostas. Afinal de contas, a ideia é que perante uma determinada situação esteja pronto a apresentar soluções, tendo obviamente em conta a cultura da empresa. Se desconhece essa cultura não tem grandes hipóteses.


Destaque-se na multidão

Participar numa dinâmica de grupo pode não ser fácil, afinal de contas, além de si e dos recrutadores tem que contar a presença de todos os outros candidatos que – tal como você – ambicionam ser selecionados para a vaga de emprego. Mas passar com distinção nesta prova não é impossível. Faça o seu “trabalho de casa”, prepare-se e evite errar nos detalhes mais elementares. E acima de tudo, não se deixe intimidar pelo grupo que o rodeia. Acredite no seu valor e dê o seu melhor. Não tem como falhar.


Veja também: