Publicidade:

Doce de cereja: a melhor receita está aqui

Já alguma vez provou doce de cereja? Mas, daqueles bem caseirinhos? Não? Então, não sabe mesmo o que está a perder. Esta compota, além de ser muito versátil e de ficar bem com vários acompanhamentos, é simplesmente deliciosa e tem a cara da primavera. Experimente!

Doce de cereja: a melhor receita está aqui
Para experimentar e se deliciar

Está a chegar a altura delas! É uma fruta de época das mais esperadas e desejadas – certo? Quem não fica com água na boa ao pensar numa cereja carnuda, doce por si só, com sumo q.b. e com um pequeno travo de acidez que nos faz querer comer uma atrás da outra? E se transformarmos esta fruta num doce de cereja? Acredite, o resultado é igualmente tentador.

O ideal é que use cerejas bem maduras e o mais naturais possível. E, se já está a sofrer por antecipação por pensar que depois de feito, por ser caseiro, este doce não vai durar muito, engana-se: o açúcar usado na receita serve, também, como conservante natural. Guardando num frasco hermético e de vácuo no frigorífico, o doce de cereja vai conservar-se durante meses. Bom proveito!

Doce de cereja: o verdadeiro manjar dos deuses


Receita de doce de cereja

doce de cereja

Ingredientes:
1,2k de cerejas
400g de açúcar (calculo a proporção em metade do peso da fruta em açúcar, e retiro sempre mais um pouco)
Canela q.b.
Outras especiarias q.b. (opcional)

Modo de preparação:

  1. Comece por lavar bem as cerejas. Retire o pé de cada uma delas e retire o caroço – esta é a parte mais morosa da receita de doce de cereja, pelo que compensa pedir emprestado ou comprar um descaroçador.
  2. Triture grosseiramente a fruta num robot de cozinha ou com uma varinha mágica.
  3. Numa panela, coloque as cerejas trituradas e o açúcar e leve a lume brando / médio. Quando o açúcar estiver dissolvido, junte um pouco de canela em pé e mais alguma especiaria se desejar aromatizar mais um pouco o doce de cereja.
  4. Vá mexendo a mistura, deixando cozer aproximadamente durante uma hora. O ponto pretendido é o chamado de “estrada”, ou seja, ao passar a colher no fundo do tacho, parece que fica aberto um caminho.
  5. Tenha em conta que o doce de cereja, assim que arrefecer, ganha mais consistência, por isso tenha isso em consideração na hora da cozedura.

Agora que já conhece a melhor receita de doce de cereja, toca a colocar os tachos e panelas a trabalhar e experimente este pedaço de céu! Como sugestão, experimente o doce para acompanhar queijos ou carnes frias – vai ver que a combinação é divinal. Se não gosta de arriscar tanto, uma simples tosta com doce de cereja é de chorar por mais.

Veja também: