ECall para os carros: o que é e qual a função

A partir de março de 2018, todos os veículos têm de ter instalado de origem um sistema de eCall para carros. Este sistema liga para o 112 em caso de acidente.

ECall para os carros: o que é e qual a função
A rapidez no socorro pode fazer a diferença entre a vida e a morte

Quanto mais rápido o socorro chegar a um acidente rodoviário, melhores são as hipóteses de reduzir os riscos para a vida humana. O sistema eCall para os carros vem ajudar a diminuir o tempo de chegada do 112 a um acidente, aumentado a possibilidade de sobrevivência das pessoas envolvidas e até reduzindo os danos físicos.

ECall para os carros: quando e para quem

O sistema eCall para carros foi aprovado em conselho de ministros de transportes da União Europeia (UE), em 2015. Segundo o documento que regula a iniciativa eCall, todos os “28 estados-membros devem implementar até 1 de outubro de 2017 um sistema de captação e tratamento de alertas automáticos enviados por automóveis acidentados”.

Além disso, no caso dos “carros produzidos a partir de 31 de março de 2018, todos têm de ter instalado de origem um sistema de alerta capaz de comunicar e enviar coordenadas para o número de emergência europeu – o 112”.

Rapidez de tempo de resposta

Existem estudos realizados a pedido da UE sobre o eCall que defendem que 70% das mortes acontecem 20 a 30 minutos depois do acidente ter acontecido. Com o eCall, a rapidez do tempo de resposta deverá diminuir 50% nos acidentes graves em zonas rurais e em 40% nas cidades ou próximo de uma zona urbana.

Apesar das infraestruturas rodoviárias em Portugal estarem, na maior parte das vezes, em condições, e dos automóveis terem cada vez mais sistemas de segurança, ainda acontecem muitos acidentes que envolvem a morte de um ou mais ocupantes. Este sistema eCall para os carros poderá ser uma mais-valia para quem anda na estrada.

Como funciona o eCall para os carros?

O sistema instalado nos carros consegue detetar, através de sensores embutidos no veículo, se o acidente foi grave ou muito grave. Nessa altura é gravada uma mensagem de ajuda que será direcionada à central do 112 através de um sistema GPS, fornecendo o posicionamento do veículo.

A chamada pode ser feita por qualquer um dos ocupantes ou mesmo de forma automática pelo próprio sistema se o acidente for grave. Normalmente, o botão está colocado no meio do teto do carro, na parte da frente. Segundo a Comissão Europeia, a eficácia do eCall vai permitir salvar 2.500 vidas por ano e ajudar a reduzir a gravidade das lesões em parte dos casos.

Outras funções do eCall

O sistema está ligado ao GPS do veículo e, no momento em que é ativado, fornece em tempo real a posição do veículo através de coordenadas. Além dessa informação, o eCall envia uma mensagem com a direção do veículo, o tempo do acidente e qual o tipo de automóvel envolvido.

Os fabricantes de automóveis sublinham que o sistema eCall pode ter mais funcionalidades no futuro que serão importantes para o funcionamento do automóvel. Por exemplo, o eCall para os carros pode disponibilizar às redes de oficinas o que o veículo precisa de fazer em termo de manutenção e diagnóstico. Através de sistemas de telemática inteligentes, a oficina fica a saber os quilómetros do veículo, o seu estado depois do acidente e quais são as peças que vai necessitar para arranjar o carro acidentado.

Veja também: