Educação de Infância: oferta formativa e saídas profissionais

Educação de Infância e Ensino Básico no 1º Ciclo integram agora a licenciatura em Educação Básica. Saiba mais sobre este curso aqui.

Educação de Infância: oferta formativa e saídas profissionais
Breve guia sobre a formação em Educação Básica

Educação de Infância é uma atividade profissional que exige a conclusão dos estudos superiores em Educação Básica. Em regra, um Educador de Infância tem de orientar e supervisionar um determinado grupo de crianças com idades compreendidas entre os  quatro meses e os cinco anos.

Outra responsabilidade de um professor de Educação de Infância é colocar em prática recursos, orientações e estratégias educativas devidamente adequadas ao desenvolvimento dessas crianças e exercer o papel de mediador junto dos pais ou tutores. É, por isso, necessário observar as crianças, reconhecer as suas capacidades e detetar as suas primeiras dificuldades.

Educação de Infância:  planos curriculares e saídas profissionais

A Licenciatura em Educação Básica – um curso disponível em várias instituições de ensino superior públicas e privadas – pretende formar técnicos capazes de desenvolver a sua atividade profissional na área da educação infantil e básica, em diferentes contextos educativos.

Esta licenciatura resultou da necessidade que se colocou aquando da adequação e atualização de algumas licenciaturas na altura em vigor – Educação de Infância e Ensino Básico no 1º Ciclo – ao Processo de Bolonha.

São objetivos fundamentais deste curso de ensino superior:

  • Dotar os alunos de um conjunto de competências e aptidões que lhes possibilitem, posteriormente, proporcionar às crianças uma aprendizagem com sucesso;
  • Observar e avaliar diferentes contextos educativos;
  • Desenvolver o espírito crítico e uma abertura perante a diversidade;
  • Trabalhar a curiosidade intelectual e a criatividade;
  • Ser capaz de resolver problemas e imprevistos com autonomia, entre outros.

Planos curriculares

O 1.º ciclo de estudos corresponde à Licenciatura em Educação Básica. Tem a duração de 3 anos, ou seja, corresponde a 6 semestres de aulas.

O 2.º ciclo de estudos corresponde ao Mestrado e confere habilitação profissional para a docência. Durante este ciclo, cada aluno tem a possibilidade de escolher a sua especialidade: Educação Pré-escolar (Educação de Infância), 1.º ciclo do Ensino Básico ou 2.º ciclo do Ensino Básico.

Saídas profissionais

Um licenciado nesta área poderá desenvolver atividade profissional em:

  • Projetos educativos formais e não-formais (por exemplo, no estudo acompanhado);
  • Instituições de caráter cultural (por exemplo, ludotecas e bibliotecas municipais, museus e centros de ciência, quintas pedagógicas, centros culturais, campos de férias e centros de ocupação de tempos livres);
  • Jardins-de-infância, creches, escolas e centros de apoio ao estudo;
  • Divisões educativas e de lazer em Juntas de Freguesia ou Câmaras Municipais, assim como Instituições de Solidariedade Social.

Pode, ainda, integrar projetos de investigação, ensino à distância, conceber recursos didáticos, prestar apoio a crianças com Necessidades Educativas Especiais (NEE) e apoio escolar a imigrantes, entre outras possibilidades.

Licenciatura em Educação de Infância: instituições

Esta licenciatura existe  nas seguintes instituições:

  • Escola Superior de Educação de Viana do Castelo;
  • Escola Superior de Educação de Coimbra;
  • Universidade de Aveiro;
  • Universidade do Minho;
  • Universidade do Algarve;
  • Escola Superior de Educação Jean Piaget;
  • Escola Superior de Educação Paula Frassinetti;
  • Escola Superior de Educação Almeida Garrett;
  • Universidade de Trás-os-Montes e Alto-Douro;
  • ISPGaya;
  • Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal;
  • Instituto Politécnico de Leiria;
  • Instituto de Estudos Superiores de Fafe;
  • Instituto Politécnico de Castelo Branco, entre outras.

 

Veja também: