AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Emigrar para a Noruega

Conheça as nossas dicas para emigrar para a Noruega. O norte da Europa também pode ser uma possibilidade para quem quer emigrar.

Emigrar para a Noruega
Este país pode ser um mar de oportunidades.

Prepare-se para trabalhar lá fora: aprenda a língua mais falada do mundoComeçar já >>
Se pretende emigrar para a Noruega e quer saber o que fazer, está no sítio certo! Não perca a nossa infografia no final do artigo!
 
O conceito de emigração é algo muito conhecido dos portugueses e – à semelhança de décadas passadas – nos últimos anos, fruto da crise económica, esta tendência tem vindo a acentuar-se. Os destinos, esses são muitos e em pontos distintos do globo. Por isso não será de estranhar que surja também o norte da europa, mais concretamente a Península Escandinava.
 
Mas claro, antes de partir, faça o seu trabalho de casa e informe-se sobre os cuidados que deve ter.
 

Trabalhar na Noruega

Está a questionar-se: porquê emigrar para a Noruega?! Fácil. A Noruega ocupa os lugares cimeiros do top dos melhores países para trabalhar. A baixa taxa de desemprego (que ronda os 3,4%) e os bons salários constituem fatores de atração para os portugueses que pensam emigrar em busca de melhores condições de vida.
 
Só para ter uma ideia geral das condições de trabalho na Noruega, por semana está prevista uma carga horária de 37,5 horas, não podendo (por lei) ultrapassar as 40 horas semanais. Sendo que qualquer minuto de trabalho realizado, acima das 37,5 definidas, é pago aos trabalhadores. Parece-lhe bem?!
 
Então calma, porque há mais. Se pretende emigrar para a Noruega talvez lhe interesse saber que os salários médios rondam os 4500 euros por mês (cerca de 38 mil coroas na moeda norueguesa). Soma-se a isto um período de 25 dias de férias (ou 30 caso para quem tem mais de 60 anos), sendo o subsídio de férias o equivalente a cerca de 10% do rendimento anual bruto que o trabalhador aufere.
 
Quer-nos parecer que por esta altura já deve estar interessado em saber onde procurar trabalho. E claro, nos ajudamos. Veja alguns sites onde pode pesquisar as ofertas disponíveis:
 
1. www.jobtide.pt
2. www.workinginnorway.no 
3. www.legejobber.no 
4. www.monster.no
5. www.karrierestart.no
6. www.jobb24.no
7. www.tu.no/karriere 
8. www.stillinger.no
 
Mas para o ajudar a perceber o mercado de trabalho da Noruega nada melhor que alargar a sua pesquisa. Dê uma olhadela no www.sua.no onde pode aceder a informações sobre condições de trabalho para estrangeiros.
 
Veja também como procurar emprego no estrangeiro.
 

Salários na Noruega

Não existe um salário mínimo fixado, no entanto, para referência caso esteja a ponderar emigrar para a Noruega, o valor mínimo de remuneração, por hora, varia entre os 14€ e os 18€. No setor da construção os valores alteram-se, variando entre os 16 e os 21 euros. Os salários médios rondam os 4500 euros mensais e a este valor somam-se outra regalias, como o período de 25 dias de férias e o subsidio de férias, que equivale a cerca de 10% do rendimento anual bruto do trabalhador.


Segurança Social & Serviços de Saúde

Falando em boas condições de vida, junte aos baixos índices de desemprego, o bom sistema de saúde pública Norueguês. Todos os cidadãos e residentes podem usufruir dos cuidados de saúde universais. O pagamento é assegurado pelos impostos. No entanto, é comum o recurso a seguros de saúde privados para complementar os cuidados já garantidos. 
 
Quer mais?! Em caso de doença, a Segurança Social na Noruega cobre na totalidade o salário do trabalhador durante o primeiro ano de licença. Sim, leu bem. Para quem fica de “baixa” o salário é assegurado a 100% durante os primeiros 12 meses de licença, passando depois a 66% no segundo ano.  
 
Saiba também que o sistema de Segurança Social na Noruega assegura tratamentos hospitalares gratuitos, subsídios por incapacidade física, bem como tratamentos dentários a custo zero para menores de 18 anos e acesso a ensino em escolas e universidades gratuito. 
 

Encontrar Casa

Para quem está habituado aos preços da habitação nacionais, prepare-se para o impacto. A verdade é que à primeira vista os preços praticados no mercado imobiliários podem parecer muito elevados, mas vai ver que não é bem assim.
 
De facto, pode parecer-lhe que pagar cerca de 1000 euros por um apartamento (pequeno – cerca de 90 metros quadrados) é um preço elevado, mas há que considerar os salários médios, também eles altos.
 
Pode começar já a “estudar” o mercado nos links que lhe deixamos: 
1. www.finn.no 
2. www.hybel.no
3. www.utleiemegleren.no
 

Fale inglês… e norueguês!

Sim, é verdade na Noruega todos falam inglês. Até aqui tudo bem. Mas se está a pensar emigrar para a Noruega comece a pensar seriamente em aprender norueguês (ou pelo menos uma das línguas escandinavas, como sueco ou dinamarquês).
 
Na realidade, ainda que o inglês seja frequentemente utlizado em ambiente de trabalho, os empregadores tendem a valorizar candidatos com conhecimento da língua local. 
 
As empresas tendem a oferecer cursos de norueguês aos funcionários. Mas pode tomar a iniciativa e começar já a aprender o básico. Pesquise cursos online em sites como: 
1. Campus Online
2. Norwegian on the Web 
3. Migranorsk
 

Segurança

Ainda que seja um país pacífico e muito seguro, se está a pensar emigrar para a Noruega, não deve descurar as ameaças nacionais e internacionais, bem como a possibilidade de ocorrência de eventos ameaçadores contra civis. No entanto, deve apenas adotar as precauções básicas relacionadas com a eventualidade da ocorrência de tentativas de furto.


Visto

Se pretende emigrar para a Noruega, saiba que não necessita de visto, devendo apenas apresentar um documento identificativo (passaporte, bilhete de identidade ou cartão de cidadão). Não necessita também de autorização para permanecer até aos três meses, no entanto, após esse período, é necessário obter uma autorização de residência.


A caminho dos Vikings

A noruega é conhecida por ser terra de Vikings, bacalhau ou fiordes, mas é muito mais que isso. Para quem procura mais e melhor fora de Portugal, é um destino aliciante. 
 
Antes de agarrar nas malas informe-se devidamente sobre os cuidados a ter antes de emigrar e (principalmente) sobre a cultura laboral deste país. Os noruegueses são conhecidos pela sua pontualidade e informalidade nos negócios. Por exemplo, se é daqueles que gosta de títulos e de ser chamado por “doutor” ou “engenheiro” comece a habituar-se à ideia de perder o “prefixo”
 
E claro, emigrar para a Noruega deve, obviamente, ser uma decisão ponderada. Mas se depois de analisar todas as “condicionantes” quer mesmo emigrar para a Noruega, só lhe podemos desejar o maior sucesso.

infografia noruega
  Facilite a sua vida fora do país - Curso de Inglês com 20 aulas gratuitas >>
Veja também: