10 Erros que não pode cometer ao vender uma casa

Se não cometer este erros ao vender uma casa, é certo que a vai vender muito mais rápido e por bastante mais dinheiro.

10 Erros que não pode cometer ao vender uma casa
O que deve e não deve fazer.

Compra, venda e aluguer de casas... Tudo sem sair do sofáA maioria das pessoas só compra casa uma vez na vida e quando o faz está à procura de mais do que um imóvel, está a cumprir um sonho. Um dos piores erros que pode cometer ao vender uma casa é não reconhecer e potenciar este facto. 

Vários compradores relatam que sentem que estão a incomodar quando vão ver uma casa para venda ou lamentam que a encontraram suja, desarrumada e descuidada. Quando se trata de vender uma casa, muitas vezes, é preciso gastar dinheiro para fazer mais dinheiro.
 

10 Erros a evitar se quer mesmo vender a sua casa

 

1. Imóvel muito acima do valor real

Quando se fala de erros ao vender uma casa, este é, sem dúvida, o mais comum. O proprietário quer ter alguma margem negocial, porém, um preço muito alto vai assustar os compradores, reduz o número de visitas e de propostas. Quanto mais próximo do preço de mercado, mais hipóteses tem de venda.

 

2. Valorização emocional do imóvel

Os proprietários atribuem um preço ao imóvel que vai além do seu valor patrimonial. Os compradores estão a avaliar paredes, soalho, lugar de garagem e eletrodomésticos mas os proprietários estão a valorizar a primeira vez que fez arroz sem queimar, o teste de gravidez positivo ou os primeiros passos dos filhos. Esta ligação emocional acaba por cegar os proprietários e leva-os a perder bons negócios.

 

3. Anunciar sem preparar

Este é capaz de ser um dos erros ao vender uma casa que mais prejudica os proprietários. Não faltam apartamentos e moradias à venda que são simplesmente aterradores e levam o comprador a desistir antes da visita. Fotografias de péssima qualidade e que mostram divisões atafulhadas, desarrumadas, sujas, com uma decoração duvidosa são apenas alguns exemplos.

 

4. Falta de informação

Outra coisa que não se percebe no mercado imobiliário português é a falta de informação detalhada sobre as casas à venda, sejam anúncios particulares ou de imobiliárias. Por vezes, faltam coisas tão básicas como:  
  • tipologia
  • área total 
  • área de cada divisão
  • plantas de arquitetura
  • classificação energética
  • ano de construção
  • orientação solar
  • localização exata
  • tipo de aquecimento (gás, painéis, eletricidade, ar condicionado)
  • tipo de fogão (indução, gás, elétrico, misto)
  • fotografias de todas as divisões (gerais e de detalhe)
 

5. Não fazer melhoramentos 

Vender uma casa sem fazer pequenas obras de melhoria ou arranjos é um erro crasso porque afasta os compradores e diminui o valor da casa. Por vezes, basta livrar-se dos tapetes velhos, dar uma demão de tinta, substituir lâmpadas, reparar uma torneira que pinga ou uma porta que range para valorizar a casa em 5%. Além disso, muitos dos compradores não quer perder tempo e dinheiro com reformas.

 

6. Não dar espaço aos compradores

Não é boa prática perseguir os compradores pela casa fora. Está certo que a casa ainda é sua mas a ideia é vender, certo? Então dê espaço para que sintam a casa, se imaginem ali a viver, façam planos de decoração e possam analisar e comentar, à vontade, cada divisão. Também não gosta quando nas lojas os vendedores se colam a si, pois não?

 

7. Não limpar a casa

Por favor, isto é básico! Então querem vender a casa, vão receber os potenciais compradores ou preparam-se para tirar fotografias para o anúncio e não fazem uma limpeza e arrumação a fundo? E ainda se admiram porque é que a vossa rica casinha, onde foram tão felizes, não vende? Limpem, destralhem e organizem todas as áreas visíveis e invisíveis.

 

8. Rejeitar, à partida, a primeira oferta

Os estudos mostram que, normalmente, a primeira oferta é a mais alta que vai receber. Se a casa ficar muito tempo no mercado ou sofrer muitas várias de preço, as pessoas vão começar a desconfiar e começam a suspeitar que algo de errado se passa com a casa supondo que talvez lá tenha morrido alguém, está povoada de fantasmas ou insetos estranhos ou, então, tem má vizinhança.

 

9. Manter objetos pessoais

Livre-se das fotografias de família, dos ímanes do frigorífico, dos troféus dos campeonatos de damas, objetos religiosas, a sua coleção de presépios e de galos de Barcelos e tudo aquilo que dá um toque pessoal à casa. Quanto mais coisas suas a casa tiver, menos o potencial comprador se consegue lá imaginar.
 


10. Não deixar a luz entrar

Os compradores procuram espaços arejados, espaçosos e luminosos, por isso, faça os possíveis para conseguir mostrar-lhes isso. Livre-se dos cortinados, abra as persianas, substitua móveis pesados e escuros por outros mais leves, aposte em espelhos, vidros e elementos leves e claros. Deixe a luz entrar!
 

Casas e mais casas, para venda ou para aluguer...


Veja também: