Publicidade:

7 dicas para escolher o carro certo

Escolher o carro certo para si não é tão fácil como parece, pois devem ser considerados vários factores antes de tomar uma decisão final.

7 dicas para escolher o carro certo
Por vezes a emoção é o caminho a seguir

A compra de um carro é algo que desperta emoções positivas, no entanto, o mais importante é escolher o carro certo para si, ou seja, aquele que vai de encontro às suas necessidades e do seu agregado familiar.

Assim, com tanta oferta de mercado (marcas, modelos e segmentos), associada a campanhas de marketing e publicidade tremendamente apelativas – quer do ponto de vista da abordagem emocional, quer da abordagem racional –, escolher o carro certo não é uma tarefa nada fácil, particularmente se não tiver em consideração diversos fatores fulcrais para a decisão ser a acertada.

Confira a nossa lista de dicas fundamentais para escolher o carro certo.

7 Dicas para escolher o carro certo

escolher-o-carro-certo

1. Defina um orçamento

Os itens e extras de tecnologia ou estética podem ser extremamente interessantes, mas também aumentam o valor do carro. Defina um orçamento que você possa pagar sem correr riscos de endividamento e não ultrapasse esse limite. Não se esqueça também do custo da posterior manutenção do carro (e seguros).

2. Estabeleça o que precisa (antecipando o futuro)

Perceba que carro precisa e não se foque exclusivamente nos seus desejos. Contabilize o número de pessoas que irão usufruir do carro ou a rotina de uso, por exemplo. Nesta equação deverá também considerar o futuro. Por exemplo, se não tem filhos, mas pretende ter em breve, talvez seja boa ideia pensar já num carro familiar. Basicamente, trata-se de perceber que tipo de carro precisa, se mais económico, mais espaçoso, desportivo, familiar, para viagens urbanas, off-road, etc.

3. Novo, seminovo ou usado?

Este ponto está relacionado com o orçamento, mas merece uma atenção segmentada. Até porque dentro do seu orçamento podem encaixar carros novos, usados ou seminovos, mas há particularidades para cada caso que devem ser consideradas. Por exemplo, um usado pode ser mais barato, mas pode estar fora da garantia e precisar de maior manutenção. Por outro lado, pode não saber que tipo de utilização teve um carro usado ou até seminovo. Considere as vantagens e desvantagens de comprar novo, seminovo ou usado.

4. Tipo de combustível

Escolher o carro certo também implica considerar o tipo de combustível. Normalmente os carros a gasóleo são mais económicos, mas também mais caros (além da questão da poluição). Com o aproximar dos preços entre a gasolina e o gasóleo, um carro a gasóleo só deve compensar se fizer muitos quilómetros. Considere também os híbridos e elétricos, particularmente para distâncias curtas.

5. Comprar a pronto pagamento, pedir empréstimo, leasing, renting ou ALD?

São muitas as formas de pagamento de um carro, cada uma com vantagens e desvantagens associadas. Comprar a pronto pode dar-lhe margem negocial e não tem de se preocupar com prestações, mas, por exemplo, as soluções de crédito apresentadas pelos concessionários, normalmente, também dão bons descontos. A retoma de um veículo usado também pode ser uma carta a usar para baixar o preço dos carros. O ALD (taxas fixas, mas elevadas) e o leasing (taxas mais baixas, mas se quiser ficar com o carro terá elevadas comissões) são alugueres de longa duração. O renting é um aluguer de curta duração. Nos empréstimos deverá estar atento à TAEG.

6. Informe-se, pesquise…

Informe-se sobre vários carros (marcas) dentro do tipo de carro e segmento que escolheu. Consulte também várias concessionárias. Finalmente, pesquise sites com opiniões de especialistas e donos de carros antes de decidir.

7. Faça o test drive

Antes de adquirir o carro, faça vários test drives, de diferentes carros (dois ou três das suas preferências, por exemplo). Para terminar, evite comprar o carro de imediato (apesar da pressão que será exercida pelos vendedores), mesmo que tenha gostado do test drive. Reflita sobre o negócio, pelo menos, algumas horas para ter a ter a certeza que vai escolher o carro certo.

Veja também: