4 cuidados a ter a estacionar o carro

Estacionar o carro pode ser um desafio para muitos condutores. Para que tudo corra bem, mantenha a calma e esteja muito atento.

4 cuidados a ter a estacionar o carro
Faça a manobra devagar e com atenção

Fazer uma manobra para estacionar o carro nem sempre é fácil e muitas vezes dá azo a pequenos toques no para-choques ou nas portas. Os locais mais complicados são os parques de estacionamento de centros comerciais ou ruas apertadas com estacionamento caótico, que ainda por cima têm vários obstáculos como pilares, paredes e carros mal estacionados. Manter a calma e olhar atentamente é a primeira dica para que a manobra ocorra sem percalços.

De acordo com uma pesquisa efetuada pelo Centro de Tecnologia Allianz e a Continental AG, em 3.500 ocorrências cobertas pela seguradora, aproximadamente 40% dos acidentes com perdas de danos materiais ocorrem em situações que envolvem estacionar o carro. Existem ainda casos que envolvem peões ou ciclistas, que costumam ser mais graves.

Um dos principais motivos para que isto aconteça é que, nos últimos anos, os formatos dos veículos mudaram. Hoje existem carros mais largos e compridos, como os SUV, que não cabem tão facilmente em locais de estacionamento construídos há 15 anos. Outro dos motivos é o excesso de confiança, quer seja dos condutores experientes, quer seja de quem acabou de tirar a carta de condução.

C

Dicas para estacionar o carro com segurança

Segundo os especialistas, a melhor forma de entrar num espaço de um estacionamento num centro comercial ou em garagens residenciais é de marcha atrás. Depende da situação, mas além de ser mais fácil, é mais seguro na saída, pois garante ao condutor um maior ângulo de visão dos outros carros e peões que estão a passar pelo local.

1. Local onde estacionar

Analise o local onde vai estacionar o carro. Tenha atenção a postes, muros, pins no chão ou outras marcas e, claro, se na altura em que vai estacionar se aproxima algum peão, animal ou ciclista.

Esteja atento a obstáculos pequenos como extintores e torneiras, pois estes podem ficar ocultos em determinados ângulos, bem como à altura do espaço onde vai estacionar, principalmente, em locais com tubagem fora das paredes.

Faça a manobra muito devagar para que, se tiver de travar rapidamente, tenha tenha tempo de reagir. Não se esqueça de, antes de estacionar o carro, conferir a sinalização local para que não se arrisque a ser multado.

2. Olhar pelo espelho retrovisor

Mesmo que o automóvel tenha sensores de estacionamento e câmara traseira, deve olhar sempre pelos espelhos. Nunca recolha o espelho retrovisor antes de o carro estar completamente estacionado no espaço de estacionamento. Fazer a manobra com o espelho recolhido reduz a visibilidade e aumenta o risco de acidentes.

3. Espaço pequeno

Quando abrir a porta do carro deverá ter cuidado para não bater no carro do lado ou noutro obstáculo. Pode também acontecer que esteja a passar um peão nesse momento, portanto, tenha atenção.

Se o espaço for pequeno, quando for estacionar o carro, deve aproximá-lo o mais possível para um dos obstáculos. Se estiver sozinho, o ideal é que fique mais espaço do lado do condutor para que possa sair com facilidade.

Caso esteja acompanhado, peça para o ocupante sair do carro antes de estacionar, para que consiga colocar o carro o mais perto possível do obstáculo. Desta forma, ficará mais longe da viatura do lado e evitará que ao abrir a porta bata no outro veículo ou vice-versa.

4. Faça a manobra as vezes que precisar

Se começou a manobra e percebeu que entrou mal, não se preocupe. Volte a sair e recomece. É mais fácil recomeçar do que bater no obstáculo e depois ter de pagar o arranjo do seu carro e do outro automóvel ou obstáculo onde bateu.

Portanto, se não conhece bem o espaço onde vai estacionar, não abuse da confiança. Em caso de dúvida, o melhor conselho é sair do carro e ver se tem espaço suficiente para fazer a manobra sem problemas.

Veja também: