AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

10 dicas para estudar para os exames nacionais com sucesso

As nossas sugestões para conseguir estudar para os exames nacionais e, mesmo assim, guardar algum tempo para as suas actividades de lazer.

10 dicas para estudar para os exames nacionais com sucesso
10 Estratégias de estudo eficazes

Sabe estudar? Uma boa forma de medir a eficácia do seu estudo é verificar se consegue atingir os seus objectivos sem comprometer demasiado o tempo que dedica às restantes actividades do seu dia-a-dia. Estudar para os exames nacionais é um desafio que se supera com as nossas dicas.


10 estratégias de estudo eficazes


1. Não desista à primeira

Sabia que o nosso cérebro demora cerca de 15 minutos a atingir o nível máximo de concentração, após iniciarmos uma tarefa? Isso significa que deve focar-se no estudo sempre durante mais de 15 minutos seguidos. O primeiro quarto de hora deverá servir para planificar o seu estudo, fazer uma revisão geral dos últimos conteúdos estudados e definir objectivos.



2. Não se esqueça de se manter longe de todos os elementos distractores!

Se nesses primeiros 15 minutos em que está a estudar para os exames nacionais o telefone tocar, ou receber notificações de actividade nas redes sociais, ou ceder à tentação de consultar o email – ainda que muito rapidamente – terá que fazer novamente o esforço de concentração inicial!

Por isso, recomendamos que quando inicia o estudo, desligue o telefone, se mantenha longe do computador e da televisão. Coragem!



3. Organize o seu espaço

A organização do espaço de estudo é crucial para conseguir ser produtivo. Garanta, antes de começar a estudar, que tem todo o material necessário à mão, e que este se encontra devidamente arrumado e em condições de ser utilizado.



4. Garanta que tem o material de que precisa

  • Livros, cadernos, fichas e apontamentos das aulas (devidamente datados)
  • Material de escrita
  • Sublinhadores para destacar as informações mais importantes
  • Máquina de calcular
  • Material de desenho (para as disciplinas que assim o exijam)



5. Melhores condições de estudo para maior produtividade!

Opte por estudar num espaço reservado da sua casa, onde não seja incomodado.
Estude numa secretária ou mesa com uma cadeira confortável, mas que não o faça ficar prequiçoso, e nunca estude na cama.
Garanta que tem luz directa e suficiente para ver bem o que está a ler e a escrever, sem esforço para os olhos.
A luz deve incidir pelo seu lado esquerdo, caso seja destro, e pelo seu lado direito, caso seja esquerdino.



6. Estudar para os exames nacionais: com música ou sem?

Há muitas pessoas que gostam de estudar com música; outras, porém, referem concentrar-se mais quando estão em silêncio. Alguns estudos mostram que estar em silêncio ajuda as pessoas a concentrarem-se, mas outros referem, por exemplo, que a Música Clássica pode ajudá-lo a estudar de forma mais produtiva.
Faça aquilo que preferir, garantindo que cumpre os objectivos do seu estudo!



7. As pausas são importantes

Se é certo que o estudo não deve ser interrompido até 15 minutos depois de o começar, também é sabido que a produtividade descresce ao fim de muito tempo a realizar a mesma tarefa. Sabe-se ainda que estudar com fome, sede, sono, frio ou calor faz com que retenha menos informação. Por esse motivo, recomendamos que faça uma pausa de 10 minutos de hora a hora para ajustar as condições do seu ambiente de estudo e comer alguma coisa. Vai ver que o estudo renderá mais!



8. Durma bem

Dormir é essencial para o reforço da sua capacidade de memorização. Desaconselhamos as directas para estudar! Tente gerir o estudo de forma a que não tenha que prescindir das suas horas de sono diárias para conseguir memorizar tudo. Repouse antes dos exames, para que possa raciocinar com clareza e eficácia.



9. Faça um horário de estudo

Neste horário, deve incluir os períodos em que vai estudar para os exames nacionais, mas também os seus períodos de lazer, alimentação e descanso. Verá que se cumprir as nossas sugestões, conseguirá que lhe sobre tempo para se divertir. E fazê-lo é saudável – ajudá-lo-á a retomar a concentração quando retomar o estudo.



10. Estabeleça objectivos

Antes mesmo de começar a época de exames, reflicta sobre os resultados que quer atingir. Para cada disciplina, estabeleça o resultado desejável e pense quanto investimento tem que fazer para consegui-lo. Estes serão os seus grandes objectivos! Importa que sejam realistas, ou seja, que possam ser atingidos por si! Boa sorte!

Valorize-se profissionalmente... Saiba como com o nosso Simulador de Emprego e Formação >> Veja também: