Plano de Saúde Medicare

Gratuito durante 6 meses!

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por e-konomista.pt

Saber mais

3 exercícios de mindfulness para experimentar já

Mindfulness é a capacidade de nos tornarmos conscientes do aqui e do agora, experienciando-os com serenidade: exercite a sua consciência.

3 exercícios de mindfulness para experimentar já
Aprenda a ter consciência do momento presente

Temos ouvido falar bastante sobre exercícios de mindfulness, mas nem sempre percebemos o que estamos a fazer de errado no nosso dia a dia e o que eles nos podem ajudar a corrigir. De facto, existem muitas provas no nosso quotidiano de que não estamos a conduzir uma vida em mindfulness, ou seja, de que não temos realmente consciência do momento presente.


3 simples exercícios de mindfulness para ser mais feliz

Na verdade, nós vivemos sempre no presente, mas nem sempre temos consciência dele. Verifique se comete estes erros no seu dia a dia:
  • perder-se em pensamentos e ansiedades em relação ao passado ou ao futuro,
  • provocar pequenos acidentes, como deixar cair ou derrubar objetos por descuido,
  • chegar ao fim de um percurso sem se lembrar muito bem do que viu durante o trajeto,
  • distrair-se com outras atividades quando está a trabalhar.
                                                  
Para evitar este tipo de comportamento, corrigindo-o e tornando-se mais competente na arte de dominar os seus próprios sentimentos e emoções, ponha em prática os seguintes exercícios nestas ocasiões: 


1. Tomar banho

O momento em que está a tomar banho é privilegiado para praticar o mindfulness, pois vários estímulos chegam ao seu corpo. Sinta a água tocar na sua pele e perceba as sensações que isso lhe provoca. Sinta a temperatura, os aromas que estão à sua volta e aprecie o momento na sua plenitude.

É normal que, ao início, a sua mente e os seus pensamentos o começam a conduzir noutras direções, mas faça uma esforço consciente de voltar a concentrar-se no banho. Preste atenção ao toque do gel de banho no seu corpo, às sensações provocadas pelo massajar do champô no cabelo, ou mesmo no vapor que o rodeia no duche. Experiencie, de facto, o momento.


2. Comer

O momento das refeições é talvez dos mais mencionados nos exercícios de mindfulness, pois, na agitação dos nossos dias de trabalho, acabamos por ingerir alimentos sem, na verdade, os apreciarmos. Muitos problemas com controlo de peso ou mesmo de má digestão podem estar relacionados com esta falta de consciência do momento presente quando estamos a comer.

Preste atenção a todos os movimentos que produz antes e durante o ato de se alimentar. Tenha consciência nas alterações do seu corpo, em como começa a produzir-se saliva para receber os alimentos na boca; aprecie as diferentes texturas e sabores dos alimentos. Concentre-se no trajeto que os alimentos fazem no seu corpo e como trazem alterações à sua temperatura corporal ou mesmo à sua disposição geral. Evite distrair-se com a televisão ou outros estímulos exteriores.



3. Respirar

Assim como na meditação, a respiração é o palco perfeito para um excelente exercício de mindfulness. O objetivo não é alterarmos a forma como respiramos, mas observá-la, senti-la, aceitando-a e conhecendo as suas características. Sinta a entrada e saída do ar no seu corpo, tentando ter consciência se o ar entra só por uma narina ou pelas duas, admire a diferença de temperatura entre o ar que entra e a do seu próprio corpo. No início, é perfeitamente normal que a sua mente se afaste dessa observação, mas não deve julgar-se. Aceite que a sua mente tem tendência para divagar e ajude-se a voltar ao momento presente. Com o tempo essa concentração será muito mais fácil.

Estes três exercícios de mindfulness em 3 ocasiões tão básicas e rotineiras do seu dia podem, como viu, ser praticados em qualquer lugar transferidos para muitas outras atividades do nosso quotidiano. O importante é aprender a aceitar as sensações que atravessam o seu corpo, tendo consciência de todos os movimentos que efetua.

Veja também: