Publicidade:

Novo feed Explorar do Facebook: tudo o que precisa de saber

O novo Feed Explorar do Facebook promete revolucionar a forma como os consumidores utilizam esta que é a maior rede social do mundo.

Novo feed Explorar do Facebook: tudo o que precisa de saber
Feed Explorar é só para publicações de páginas

Ainda se encontra em fase de testes, mas o Feed Explorar do Facebook já oferece algumas certezas para todos os que o experimentaram: o Facebook nunca mais vai ser o mesmo.

Com este novo feed, a rede social pretende separar as publicações dos amigos e da família das publicações das páginas que os utilizadores seguem. E as quebras de visualizações já se começam a notar em algumas páginas.

Feed Explorar do Facebook: o que precisa de saber


O lançamento do Feed Explorar

Depois de ter sido disponibilizado para as plataformas móveis, o Feed Explorar passou também para a versão web do Facebook. Um lançamento realizado no início de outubro, sendo que qualquer utilizador pode aceder ao mesmo quando quiser. Mas como?

Como aceder ao Feed Explorar

O novo Feed Explorar já está disponível no menu lateral esquerdo da versão web. Na secção “Explorar” – sim, tem o mesmo nome – já é possível encontrar o atalho que conduz os utilizadores ao novo feed. Um feed que também pode ser acedido por aqui.

Para que serve o Feed Explorar

A função mais básica do novo feed é separar as publicações de amigos e familiares das publicações das páginas seguidas pelo utilizador. Há, contudo, outros objetivos para além destes. Com a criação do Feed Explorar, o Facebook pretende ajudar o utilizador a descobrir novos conteúdos e novas páginas. Conteúdos que facilmente passariam despercebidos no feed original da rede social.

facebook

Consequências do Feed Explorar

O novo feed tem recebido inúmeras críticas de marcas reconhecidas nacional e internacionalmente. As marcas – tal como empresas, comunicação social e muitas outras entidades – têm-se queixado que o alcance orgânico de tudo o que publicam tem tido um decréscimo acentuado (aproximadamente dois terços).

Esta também pode ser uma excelente forma para o Facebook conseguir amealhar ainda mais dinheiro, uma vez que o feed original da rede social ficará reservado a publicações patrocinadas, como quem diz pagas.

O Feed Explorar tem futuro?

Por enquanto, ainda não há indícios que confirmem que o Facebook pretende avançar com a ideia. Apesar de já ter chegado a mais países e até à versão web da rede social, não há nada que indique que a ideia vai ter pernas para andar. Será, porém, muito estranho que o Facebook admita que errou ao criar um segundo feed. Teremos de esperar para ver.

Veja também:

Nuno Margarido Nuno Margarido

Jornalista formado pela Universidade de Coimbra, assume-se uma pessoa curiosa e até a mais simples engrenagem ou linha de código o fascina. Os seus interesses dividem-se por vários mundos, com destaque para a tecnologia, o gaming, o vídeo, a fotografia e o cinema.