E se descobrisse que tem peças de valor em sua casa?

Tem uma peça em casa que quer vender e não sabe o seu real valor? A P55 trata de tudo. Avalia, proteje e vende a sua peça pelo melhor valor. Só tem que preencher o formulário e enviar uma fotografia da peça ou peças que quer vender. Será contactado no prazo máximo de 48 horas.

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por e-konomista.pt e pelos nossos Parceiros

Enviar pedido de avaliação
(*) Campo opcional

5 flea markets online (mas daqueles onde vai mesmo vender)

Um mercado que movimenta milhões e que veio para transformar o consumo de arte e antiguidades: saiba onde vender para quem procura tudo em segunda mão.

5 flea markets online (mas daqueles onde vai mesmo vender)
Quer vender usados?

Há tempos, se pensássemos em competir com o e-bay na venda online de objetos de arte e colecionáveis, a ideia poderia soar a absurdo. O mais certo era optar pelos mercados de rua e pelas feiras de velharias, porque a ideia de alguém ir às compras de artigos em segunda mão em qualquer outro sítio poderia parecer loucura. Mas como a internet não pára de crescer, aproximar e seguir as tendências, existem 5 flea markets online que vai querer conhecer. 


O limite é a imaginação

Se há anos comprar usados era uma prática fora de moda, hoje este mercado cresce a um ritmo alucinante. Roupa, joalharia, louças, artigos de decoração e objetos históricos. O limite é, de facto, a imaginação e há cada vez mais consumidores em busca do que é vintage, raro e, por isso mesmo, original. 

Num mundo de consumos plastificados e imediatos, as pessoas despertaram para as antiguidades e descobriram que gostam de contar histórias. E se a história pode ser contada através do chá das tardes de sábado, onde os protagonistas são um bule e um serviço em porcelana que já contam os anos da avó, existem 5 plataformas online que somam euros a vender histórias bem guardadas.
 


Porquê fugir ao e-bay?

A resposta é do mais simples que há: já experimentou procurar por “t-shirt vintage” no e-bay? Se já fez o teste, é provável que tenha transformado a sua busca nuns 300 mil resultados – e, provavelmente, pouco disto era do seu interesse. Por isso mesmo, gente atenta e curiosa acerca de tudo o que é antigo, soube ver que já era a altura de otimizar as compras e criar serviços especializados no assunto. Atentos a este tipo de consumidor, foram criados mercados online onde velharia é a prata da casa, e comprar ou vender para este nicho nunca foi tão simples.



Os melhores 5 flea markets para vender online

Tome nota da nossa seleção: 
 

P55

Desta vez, um exemplo português onde vender antiguidades e arte é um processo simples, transparente e acolhedor, em que o dono do artigo é a peça-chave para o sucesso das transações. Aqui, o foco está em objetos antigos de luxo e a aposta da empresa nacional é descobrir os tesouros escondidos e esquecidos pelos portugueses. Os passos para vender são simples e têm início na avaliação e peritagem do artigo com interesse para venda.

Se tem em casa um objeto vintage em excelente estado e está certo de que ele tem valor para colecionadores e investidores, a P55 disponibiliza um formulário online para que possa solicitar a avaliação. O passo seguinte é usufruir das vantagens de vender em loja física, loja online ou em leilões mensais que atraem compradores de todo o mundo, sempre com aconselhamento profissional gratuito e orientado caso a caso. Esta é a solução mais prática para quem tem em mãos um tesouro bem guardado e não entende muito deste mercado, mas não abre mão de uma experiência segura na venda da sua antiguidade.



Etsy

Ao sentir que a onda vintage ganhava espaço, o Etsy estabeleceu-se tranquilamente em 2005 e hoje é a maior plataforma especializada em vender artigos handmade, tendo entretanto uma categoria inteiramente dedicada às antiguidades. 

Para vender neste flea market online, é preciso abrir mão de uma taxa. O Etsy retém um valor de presença e por venda, que pode variar entre os cerca de 0,20 cêntimos por produto listado, sendo ainda cobrada ao vendedor uma taxa extra de 3,5% do valor de cada compra concluída. 

 

DaWanda

Este é o segundo maior flea market online em todo o mundo, e o maior da Europa. À semelhança do Etsy, o DaWanda é especializado na venda de artigos de autor e objetos vintage. Da mesma forma que o seu maior concorrente soube fazer dinheiro com este mercado, este gigante flea market alemão também cobra uma taxa por venda de produto, e desta vez é ligeiramente maior: 5% do valor final da compra fica para a plataforma. 
 


Bonanza

Um verdadeiro flea market dedicado às antiguidades e que qualquer colecionador vai gostar de conhecer. Embora não tenha o alcance dos seus maiores concorrentes listados acima, o Bonanza é uma verdadeira montra de qualidade para quem procura vender vender objetos vintage e uma excelente opção para quem tem produtos considerados de alta qualidade. 
 


VintageLab

A particularidade do VintageLab é a venda de objetos únicos e pré-selecionados do e-bay. A especialidade deste flea market online é o design de interiores moderno e urbano, com história concentrada sobretudo em meados do século XX, essencialmente entre 1933 e 1965. Os produtos selecionados são em grande maioria objetos de design escandinavo, que têm como característica a simplicidade e as formas naturais. No VintageLab é possível encontrar verdadeiros tesouros a preços acessíveis.


Já utilizou algum dos serviços listados nesta seleção? Se ainda não o fez, está na hora de apostar num mercado especializado e encontrar o seu potencial consumidor. Fazer dinheiro com o que tem em casa nunca foi tão fácil e é garantido que há muita gente interessada naquilo que muitos de nós esconde, esquecido, nos arrumos.

Veja também: