5 ótimas formas de arruinar as férias

Da falta de planeamento às questões relacionadas com o orçamento, veja quais são as formas mais comuns para arruinar as férias de Verão.

5 ótimas formas de arruinar as férias
Evite transtornos durante as férias e siga as nossas dicas

Se quer passar as suas férias sem preocupações, existem alguns erros que pode evitar. Confira a lista com as dicas que lhe deixamos para não arruinar as férias, e parta sem receios. 


Saiba como não arruinar as férias com as nossas dicas


Falta de planeamento 

Embora não seja necessário que planeie as suas férias ao milímetro – é até recomendada alguma flexibilidade – é conveniente que faça algum planeamento de forma atempada, caso contrário, irá certamente arruinar as férias. Faça uma listagem das principais atrações que pretende visitar, e previna-se caso seja necessário efetuar reservas ou comprar bilhetes atempadamente. Não se esqueça também de tratar de toda a documentação.

Uma pesquisa na internet pode rapidamente ajudá-lo a perceber se o destino que escolheu para as suas férias envolve a necessidade de algum tipo de documentação específica. Já no que toca ao planeamento, pode sempre contar com a opinião de algum amigo ou familiar que já tenha visitado o destino em questão, ou até comprar um guia de viagem.



Não socializar com os locais

Uma das melhores formas de conhecer a cultura do local onde vai passar as suas férias é através do contacto com os locais. Se vai de viagem e apenas interage com as pessoas que estão consigo de férias, a experiência não será tão enriquecedora. Não é assim tão difícil trocar algumas palavras com o rececionista do hotel ou o funcionário de uma loja de souvernirs, e pode até ganhar dicas preciosas para melhor aproveitar a sua viagem.
 


Falta de comunicação com os parceiros de viagem

Quer viaje com familiares, amigos ou colegas de trabalho, se tem algum problema que o incomode, não hesite em falar, caso contrário, poderá arruinar as suas férias. Muitas vezes viajamos com pessoas cujos hábitos não conhecemos tão bem, e se as férias forem um pouco mais longas, pode começar a “acumular” esse mau estar. Aborde as pessoas envolvidas com calma e sem apontar o dedo, explicando que é a situação que o incomoda e não a pessoa em si, e tudo se resolverá pelo melhor. 
 


Ultrapassar o orçamento

Aqui, impera a regra do bom senso: se gastar demasiado, até pode não arruinar as férias, mas vai arruinar a carteira e sentir as consequências quando regressar à sua rotina habitual. É normal que hajam despesas de última hora ou queira comprar algo que não tenha planeado, mas não exagere nos gastos extra. Se viaja com companhia, certifique-se de que as atividades em comum não implicam despesas demasiado avultadas e que vão contra o orçamento que estabeleceu.



Deixar-se irritar pelo mau tempo

Dependendo do destino para onde vai de férias, as condições climatéricas podem ser aquilo que não estava à espera. No entanto, não se deixe afetar por algo que escapa completamente ao seu controlo, e procure atividades alternativas que poderá fazer mesmo com um clima menos favorável. Não se esqueça de colocar na sua mala um guarda-chuva ou um impermeável, e verificar o estado do tempo para o seu destino. 

Veja também: