3 formas de guardar as suas passwords em segurança

Aprenda as melhores formas de guardar as suas passwords e não volte a preocupar-se quando não se recorda de uma delas.

3 formas de guardar as suas passwords em segurança
Sinta-se seguro online

Temos sugestões de apps, extensões e algumas dicas úteis, mas, acima de tudo, temos as melhores formas de guardar as suas passwords. Hoje em dia, os hackers dispõe de imensas ferramentas para descobrir as nossas passwords e conseguirem acesso aos nossos dados e sabe-se lá mais o quê.

Talvez pense “ninguém tem interesse em fazer-me mal”, mas saiba que não funciona assim e mais vale prevenir do que remediar.

3 formas de guardar as suas passwords: apps e extensões úteis

É uma pessoa despistada ou esquece-se com bastante frequência das suas passwords? Temos excelentes soluções para si (e não passam por comprimidos para a memória).

1. LastPass

A LastPass guarda todas as suas passwords localmente, isto é, o utilizador será a única pessoa com acesso às mesmas. Claro que é possível sincronizar as passwords entre os diversos dispositivos que utiliza. Mas não é perigoso enviá-las de um dispositivo para o outro através da internet? Claro que sim, mas só até certo ponto! Quando as passwords são fáceis, é perigoso. No caso da LastPass, as passwords sofrem uma encriptação e desencriptação apenas e só a nível local. Está disponível para Windows, Mac, Linux e até para smartphones e tablets.

2. KeePass

Open-source e grátis. Com a KeePass a única coisa que vai ser pedida ao utilizador é uma password “mãe” para poder aceder ao programa e descodificar todas as outras. Não ocupa muito espaço e utiliza duas formas bastante fortes de encriptar as suas passwords. Para Windows, Mac e Linux.

3. RoboForm

Subvalorizado mas bastante competente, não é por acaso que tem recebido grandes aclamações da crítica. Para além de ser portátil o suficiente para poder tê-lo em vários dispositivos, o RoboForm faz o mesmo que os dois anteriores juntos. Permite ter várias contas, armazena as passwords localmente e encripta as mesmas para que as possa sincronizar entre dispositivos. E está disponível para Windows, Mac, Linux e dispositivos móveis.

password

Dicas e conselhos para gerir as suas passwords em segurança

As ferramentas para descobrir passwords que existem hoje em dia são bem mais avançadas do que aquelas que existiam há uns anos. Imagine-se a tentar abrir um cadeado. Introduz um código, tenta abrir, muda um número, tenta abrir… e, assim, sucessivamente. Agora imagine, hipoteticamente, um computador que consegue fazer cerca de dez tentativas dessas por segundo?

Lembra-se do famoso Wareztuga? Como o site não possuía um limite de tentativas, foi possível introduzir uma enorme quantidade de passwords de uma vez. Passwords comuns como 123456, qwerty, o nome dos três clubes grandes de Portugal… São passwords que muitos utilizam, perfeitamente legítimas mas muito pouco seguras.

4 dicas para criar e gerir passwords se forma segura

1. Há uma regra bastante simples que pode começar a utilizar já hoje. Uma password simples com outra password simples criam uma password um pouco mais complicada. Imagine que o nome do seu cão é Bobi e que o seu ano de nascimento é 1956. Ao juntar estes dois elementos consegue ter uma password bem mais complicada (bobi1956);

2. Utilize maiúsculas e minúsculas. Esta é uma dica que pode fazer toda a diferença. Se procurar aplicar esta regra ao exemplo anterior, podemos conseguir uma password BoBi1956. Fica mais complicada, não fica?

3. Utilize diferentes passwords para diferentes sítios para que, se alguém descobrir uma, não tenha acesso a todas as suas contas. Como é que se vai lembrar de todas? Fácil. Qual é o nome do site? Escolha a primeira e última letras do nome do site. Neste caso, estamos na E-Konomista, logo, a primeira letra é um “E” e a última um “a”. A password? EBoBi1956a.

4. Isto leva-nos à última dica deste artigo. Esqueça as passwords com apenas 6 caracteres. Utilize, no mínimo, oito caracteres. Quer contar quantos conseguimos ter numa password “simples” criada ainda agora? A nossa EBoBi1956a tem dez caracteres.

Veja também:

Nuno Margarido Nuno Margarido

Jornalista formado pela Universidade de Coimbra, assume-se uma pessoa curiosa e até a mais simples engrenagem ou linha de código o fascina. Os seus interesses dividem-se por vários mundos, com destaque para a tecnologia, o gaming, o vídeo, a fotografia e o cinema.