Garantia do carro: o que devo saber

Fique a saber como funciona a garantia do carro. Novos e usados têm de estar cobertos, contudo, conheça as exceções e os pormenores para acionar a garantia.

Garantia do carro: o que devo saber
Todos os pormenores acerca das garantias automóveis

Quando falamos na garantia do carro assalta-nos o pensamento uma boa e má sensação. Por um lado, porque algo está mal e necessitamos de uma reparação, por outro, porque essa mesma reparação não será financiada por nós.

Todos os bens móveis, quando comprados novos, têm uma garantia de 2 anos. O seu telemóvel, a torradeira, o televisor, e o seu carro acabado de sair do stand estão cobertos pela garantia, contudo, no caso do automóvel não estão incluídos componentes de desgaste natural, tal como os pneus, escovas limpa vidros, pastilhas dos travões, outros ainda. Esta é a norma. No entanto, há marcas que dão garantias extra, umas com mais anos, outras com limite de quilómetros, há também garantias de pintura, as anti-corrosão, a lista é vasta.
 

Quer saber mais?
Mantenha-se a par das últimas novidades do setor automóvel. Registe-se no E-Konomista. As dicas, as novidades e as melhores soluções de seguros para o seu automóvel.
Saiba que também os carros usados têm, obrigatoriamente, de ter garantia de 2 anos, quando comprados num stand de automóveis, contudo, por acordo mútuo esta garantia pode ser reduzida para 1 ano. Quando compra a um particular a garantia deixa de existir.

 

Como accionar a garantia do carro

Para o fazer basta levar o seu automóvel a um concessionário oficial da marca com o comprovativo de compra, de forma a provar que o veículo ainda se encontra dentro do período da garantia, contudo, se tiver uma cláusula com um limite de quilómetros e já o tiver ultrapassado o seu carro já não estará coberto pela garantia.
De seguida, será feito um diagnóstico ao seu veículo para encontrar o problema e a causa dele, isto é, perceber se você teve ou não culpa tendo em conta a utilização que fez do mesmo. Caso não tenha, a oficina faz a reparação e acciona o pagamento através da garantia.

Lembre-se de levar o carro ao concessionário mais próximo logo que se aperceba que algo não está bem para evitar agravar o problema e consequentemente defender o seu carro de danos maiores.

 

Dicas úteis:

Tipo de utilização
Antes de tentar accionar a garantia do carro saiba que se tiver utilizado o veiculo de forma inadequada a garantia não será accionada. Ou seja, não vá com o seu pequeno citadino ou familiar para aventuras em percursos mais acidentados - os conhecidos todo o terreno -, nem se aventure em competições de velocidade se o seu carro não foi preparado para fazer a mítica pista de Nürburgring numa marca abaixo dos 8 minutos. 

Plano de revisões
Saiba também que deve seguir o plano de revisões indicado pela marca e tenha como prová-lo. As revisões podem ser feitas numa oficina externa, mas não podem ser esquecidas. Esta pode ser uma das razões pela qual a garantia do carro não cubra o custo da reparação, já que não cuidou do seu carro como foi indicado pela marca, ou seja, utilizou-o de forma indevida. 


Veja também: