Hepatite C: transmissão, sintomas e tratamento

A hepatite C é uma doença do fígado que é causada por um vírus. Conheça aqui os principais indicadores e qual o tratamento mais eficaz.

Hepatite C: transmissão, sintomas e tratamento
Indicadores, tratamentos e cuidados a ter

Hepatite C é uma doença do fígado e é causada por um vírus. A sua transmissão ocorre por meio do contacto com sangue contaminado, seja por transfusão de sangue, acidentes com material contaminado ou por meio de drogas injetáveis quando existe a troca de seringas.

A transmissão de mãe para filho é incomum e a maioria dos estudos ainda não conseguiu comprovar a transmissão da hepatite C por contacto sexual. Contudo, sabe-se que o  sangue é o principal veículo de transmissão da doença.

Hepatite C: fatores de risco

  • Se fizer diálise durante muito tempo;
  • Se é profissional de saúde e tem contacto com sangue diariamente;
  • Se usa drogas ou já utilizou e partilha seringas;
  • Se recebeu alguma transfusão de sangue;
  • Se fez acupuntura, tatuagens, piercings, com materiais que possam estar contaminados com o vírus;
  • Se recebeu um órgão de um dador portador de hepatite C.

Complicações de saúde associadas à hepatite C

Normalmente as complicações mais comuns associadas à hepatite C são:

Hepatite C: tratamento

1. Medicamentos antivirais

A infeção por hepatite C é tratada com fármacos antivirais que têm que ser tomados ao longo de várias semanas. Estes fármacos têm como objetivo eliminar o vírus do corpo do paciente.

Por vezes, os fármacos antivirais podem causar efeitos adversos. Alguns destes efeitos podem ser graves, sendo necessário interromper o tratamento.

2. Transplante de fígado

Se o fígado foi severamente danificado pela ação do vírus HCV, um transplante pode ser uma opção viável. Durante um transplante de fígado, o cirurgião remove o fígado danificado e substitui-o por um saudável.

Nova esperança para o tratamento da hepatite C

Hepatite-C

Desde o início de 2014, o INFARMED autorizou o tratamento com dois medicamentos inovadores da farmacêutica Gilead (Sovaldi e o Harvoni) a mais de 5.400 doentes com hepatite C. Contudo, o preço elevado destes medicamentos são ainda um obstáculo para muitos doentes.

Veja também: