6 histórias de imagens icónicas que correram o mundo

Há imagens que se tornam icónicas, não tanto por quem retratam, mas pelo que representam. Têm uma dimensão cultural, social e política e aproximam-nos.

6 histórias de imagens icónicas que correram o mundo
Imagens que fazem parte no nosso código genético cultural

Um episódio, um momento, um statement ou, simplesmente, uma visão crítica sobre um determinado assunto. As histórias de imagens icónicas que aqui lhe apresentamos fazem parte do nosso imaginário colectivo.


6 histórias de imagens icónicas
 

1. “Lunch atop a Skyscraper” (1932)

A famosa foto a preto e branco atribuída a Charles Ebbets, retrata 11 homens, serralheiros, a almoçar no topo do 30 Rockefeller Plaza, em Nova Iorque, aquando da sua construção. Muito se especulou sobre a possibilidade desta fotografia ser uma montagem. Hoje sabe-se que sim, que há pequenas montagens  - necessárias para divulgar o famoso arranha-céus.



2. “Rosie the Riveter” (1941)

O cartaz, da autoria de J. Howard Miller, retrata a força e a coragem da mulher americana em plena II Guerra Mundial, momento no qual substituíram os homens na indústria – na produção de equipamentos e armamento - enquanto estes participavam na Guerra. Esta imagem tornou-se um ícone do poder feminino.



3. “Che Guevara” (1960)

Nesta imagem Che Guevara, o revolucionário, foi retratado pelo jornalista Alberto Korda, no decorrer do funeral de 136 pessoas que perderam a vida na explosão de uma embarcação francesa que seguia rumo a Havana. Com um ar pensativo, Che olhava para a multidão que fez questão de estar presente para homenagear os mortos. Isto no dia 5 de Março de 1960. A foto em questão só foi publicada sete anos mais tarde, quando Korda cedeu os direitos de imagem ao activista italiano Giangiacomo Feltrinelli com o objectivo de publicar um livro sobre Che.
 
Depois de Che Guevara ter sido executado na Bolívia, em Outubro de 1967, a imagem em questão acabou por ser intitulada de Guerrillero Heroico. Em 1968, Paul Davis fez uma versão artística da imagem para a revista Evergreen Review. A partir daqui a imagem passou a ser conhecida nos quatro cantos do mundo.
 



4. Lennon/Yoko [Capa da Rolling Stone] (1980)

Da autoria da famosa fotógrafa Annie Leibovitz, esta foto foi tirada no dia 8 de Dezembro de 1980 para a também famosa revista Rolling Stone. Esta foi a última foto do membro dos Beatles, o mesmo que cinco horas depois era assassinado por Mark David Chapman. Das histórias de imagens icónicas que aqui apresentamos, esta é, provavelmente, a mais sombria. A fotógrafa, numa entrevista, recorda que só tirou uma fotografia para retratar o casal e recorda-se de Lennon lhe dizer que esta era a primeira foto que retratava a essência do casal.
 



5. “Migrant Mother” (1936)

Uma das fotografias mais representativas da Grande Depressão nos Estados Unidos da América, da autoria de Dorothea Lange, retrata Florence Owens Thompson, uma mulher de 32 anos, pensativa e desesperada por não ter como alimentar os seus filhos.



6. “The Terror of War” (1972)

Merecedora de um Pullitzer em 1973, esta fotografia, da autoria de Nick Ut, retrata o episódio da cidade de Trang Bang, no sul do Vietname, após um ataque aéreo com uma bomba de napalm. A fotografia capta vários habitantes a fugIrem das chamas e da destruição, inclusive, Kim Phuc, a menina que corre nua, que despiu as roupas em chamas para poder sobreviver.



Veja também: