Iguarias das Aldeias do Xisto que não pode deixar de provar

Desde o pão cozido no forno a lenha aos doces tradicionais, é impossível resistir às iguarias das Aldeias do Xisto. Sente-se à mesa e saboreie estas tentações!

Iguarias das Aldeias do Xisto que não pode deixar de provar
Património gastronómico do interior centro do país

As iguarias das Aldeias do Xisto fazem parte de um património gastronómico genuíno, caseiro, preparado com carinho pelas gentes das aldeias, que tentam preservar e valorizar os sabores que já atravessam várias gerações.

Pão, queijos, migas, açordas, sopas, caldos, papas, os tradicionais enchidos, o cabrito assado, as chanfanas, o bacalhau, a tigelada e as papas de carolo, são só algumas da muitas iguarias de elevada qualidade que aqui poderá comer…e chorar por mais.

Já está a salivar? Fizemos uma seleção de algumas das delícias desta região serrana para o aliciar a vir conhecer melhor este território, que merece ser valorizado.

Iguarias das Aldeias do Xisto: o prazer da boa mesa

iguarias-das-aldeias-do-xisto

A qualidade da gastronomia desta região serrana pode ser comprovada em muitos dos restaurantes das aldeias, que nos presenteiam com o melhor dos sabores de antigamente, em confecções tradicionais ou inovando numa cozinha de fusão entre o tradicional e o contemporâneo.

1. Pão, migas e açordas

iguarias-aldeias-do-xisto

iguarias-aldeias-do-xisto

Quer seja de trigo, centeio ou mesmo broa, todo o pão produzido na região é cozido em forno de lenha, aliás a forma convencional de confeccionar muitas das iguarias das Aldeias do Xisto.

Por si só, o pão tem um sabor incomparável com o que estamos habituados a comer nos grandes centros urbanos. Aqui, nas aldeias, é também usado em muitos pratos, nomeadamente nas tibornas, nas famosas migas de batatas e nas açordas,  atrações gastronómicas da região, muito apetecíveis não só no inverno, mas também no verão.

Porém, não há palavras para descrever as caçoilas de carne, nas quais o borrego (assado em forno de lenha, depois de dias a marinar em temperos mágicos) é servido no interior de um grande pão – que lhe serve de travessa (ou de caçoila). Depois do pão absorver os líquidos e os molhos da carne, no final da refeição, o deleite é total.

Onde provar?

Restaurante O Fiado >>

iguarias-aldeias-do-xisto

O restaurante Fiado situa-se na Aldeia de Xisto de Janeiro de Cima, no Fundão, e deve o seu nome à atividade tradicional da tecelagem do linho, típica da região. Com um ambiente acolhedor e com uma ementa bem portuguesa, homenageia sobretudo os pratos tradicionais e regionais, com destaque para o cabrito no forno a lenha, os maranhos, o bacalhau com broa, o polvo à lagareiro.

Restaurante Bem Me Quer >>

iguarias-aldeias-do-xisto

Localizado na Aldeia do Xisto de Martim Branco, este restaurante tem um cardápio regional à sua disposição e o aroma do forno a lenha torna a comida ainda mais saborosa.

2. Carnes e enchidos

iguarias-das-aldeias-do-xisto

iguarias-aldeias-do-xisto

No que toca às carnes, são muito apreciados os pratos de coelho guisado, as chanfanas, o cabrito assado no forno a lenha, o lombo de porco na talha, o arroz de cabidela e os famosos enchidos, nomeadamente os maranhos, as morcelas, as bufeiras, os chouriços de carne, o salpicão e os plangaios.

Os maranhos e o bucho são, talvez, as mais confeccionadas e consumidas iguarias das Aldeias do Xisto. No caso dos maranhos, trata-se de um enchido fresco – um bucho (estômago de cabra) recheado com carne de cabra ou ovelha, vários enchidos, arroz e um conjunto de especiarias. Assada ou cozida, estas iguaria beirãs tem um sabor delicioso, sobretudo para os que não dispensam um bom prato de carne.

Onde provar?

Restaurante Ponte Velha >>

iguarias-do-xisto

O restaurante fica situado na Sertã e o cardápio é bastante apetitoso, focado sobretudo em pratos típicos e o que melhor se fez durante gerações por estas paragens.

Restaurante Santo Amaro >>

iguarias-aldeias-do-xisto

Localizado na Sertã, este restaurante de ambiente requintado é conhecido pela sua sopa de peixe do rio, pelos maranhos à moda da Sertã, os cartuchos de amêndoa à moda de Cernache e a tigelada beirã.

3. Doçaria tradicional

iguarias-aldeias-do-xisto

iguarias-das-aldeias-do-xisto

Quanto à doçaria tradicional, a lista é interminável. Destacam-se o arroz doce, os bolos de azeite e de jeropiga, os deliciosos filhós com mel da região, os coscoréis, as papas de carolo, as cavacas e como não podia deixar de ser, a famosa tigelada – um delicioso doce de ovos servido numa caçarola de barro, que promete trazer-lhe lágrimas aos olhos de tanta felicidade. É a principal referência da doçaria regional, e um daqueles doces obrigatórios a provar, várias vezes na vida.

Onde provar?

Casa Ti’Augusta >>

iguarias-aldeias-do-xisto

O restaurante fica situado na Aldeia do Xisto de Figueira e foi eleito como Escolha do Consumidor, na categoria de Restaurantes 2013, como o Melhor Restaurante no distrito de Castelo Branco.

Restaurante O Buke >>

iguarias-aldeias-do-xisto

Localizado no Villa Pampilhosa Hotel, uma das preciosas ofertas de alojamento das Aldeias do Xisto desta região, O Buke tem à sua disposição um amplo e agradável espaço para saborear os pratos típicos. Das mãos do jovem chef Flávio Silva, o cardápio oferece cabrito das Beiras, bacalhau da couvada e a truta. Para sobremesa, delicie-se com a  tigelada da Pampilhosa da Serra e o arroz doce aromatizado. Com água na boca?

Veja também: