Publicidade:

Saiba mais sobre o impacto da hora a que come determinados alimentos

O impacto da hora a que se come determinados alimentos pode trazer alguns resultados. Saiba mais sobre este tema.

Saiba mais sobre o impacto da hora a que come determinados alimentos
Comer certos alimentos na hora certa pode trazer benefícios

Apesar de cada vez termos mais cuidados com a alimentação, não serão tantas as pessoas que pensam no impacto da hora a que se come determinados alimentos. A verdade é que comer mais hidratos de carbono imediatamente antes de treinar ou noutra altura qualquer do dia pode fazer a diferença. Mas será que o impacto é assim tão grande? Dizemos-lhe tudo neste artigo.

Conjugar o impacto da hora a que se come determinados alimentos com os objetivos

Hidratos de carbono, proteína e lípidos são macronutrientes que, se ingeridos na altura certa, ajudam a alcançar objetivos como a perda de peso, de gordura ou tonificação muscular.

Alguns especialistas têm estratégias de alimentação para ajudar a atingir estes objetivos, assim como alguns atletas e aficionados do desporto e do cuidado do corpo. Esta ingestão de alimentos numa altura específica permite que se defina “para onde vão” os nutrientes, no corpo.

Mas nem todos os profissionais acreditam no impacto da hora a que se come determinados alimentos, pelo que as opiniões se dividem.

Rotina alimentar e exercício

exercicio fisico exercise alimentacao

É frequente vermos pessoas no ginásio a beber batidos de proteína mesmo antes de terminar o treino. São, normalmente, suplementos que quem pratica exercício toma por ter em consideração o impacto da hora a que se come determinados alimentos.

Quem tem este tipo de rotina alimentar acredita que esta ajuda a regular os níveis de insulina, com o objetivo de perder peso e desenvolver os músculos. Assim, para aumentar a produção de insulina, deve-se consumir refeições ricas em hidratos de carbono e proteína imediatamente antes ou depois de fazer exercício físico. Desta forma, estaremos a elevar os níveis de insulina, o que vai aumentar a absorção da glucose pelos músculos.

Mas há estudos um pouco contraditórios quanto ao impacto da hora a que se come determinados alimentos. Alguns sugerem que a hora a que se ingere certos alimentos tem, efetivamente, benefícios. Mas outros estudos indicam que a hora a que se come algum tipo de alimento não traz benefícios concretos.

Dentro dos macronutrientes, há mais estudos que apoiam a teoria de que há uma maior absorção das proteínas, quando ingeridas antes e depois do treino, do que a absorção observada nos hidratos de carbono, pelo que talvez valha mais a pena a aposta na proteína quando vai treinar ou acaba de o fazer.

A rigidez da rotina alimentar

Muitos especialistas são da opinião que ser muito rígido com a rotina alimentar não é necessário, para a generalidade das pessoas. Ou seja, o impacto da hora a que se come determinados alimentos não é assim tão visível. Desde que se tenha refeições equilibradas ao longo do dia, combinadas com um bom plano de exercício físico, à partida será suficiente para atingirmos os nossos objetivos.

musculo muscle exercise exercicio fisico

Para atletas e pessoas dedicadas ao culto do físico, seja por motivos profissionais ou outros, existirá uma maior necessidade de se ser mais rigoroso com a rotina alimentar. Nestes casos, o impacto da hora a que se come determinados alimentos ganha mais peso. Mas, para a generalidade das pessoas, não há porque ser tão rígido.

Perder e manter o peso

Para quem quer perder peso, poderá haver um maior benefício em seguir uma rotina em que se coma mais durante a manhã. Um estudo feito com 93 mulheres obesas e sedentárias comprovou que se alcança mais rapidamente os objetivos da perda de peso se se comer um pequeno-almoço reforçado e um jantar mais leve, do que o contrário.

Ter um plano alimentar também é benéfico em casos de perda de peso porque não só as pessoas sabem quando devem comer, mas também aquilo que podem comer, o que ajuda a orientar as escolhas para cada refeição, nomeadamente sabendo como se deve equilibrar as proteínas, hidratos de carbono e lípidos.

Ser realista

É importante ter consciência de que o impacto da hora a que se come determinados alimentos, ainda que funcione para algumas pessoas, não é o mais importante nem é o que trará mais resultados numa dieta para perder peso. O mais importante é que exista um equilíbrio relativamente às calorias ingeridas.

Para quem quer ter um porte atlético, é importante não esquecer que um bom plano de treino é fundamental.

Resumindo, uma rotina rígida alimentar pode ajudar a alcançar objetivos, mas não funciona por si só, seja qual for o seu objetivo.

Veja também: