Importância de aprender inglês na infância: 6 vantagens

Saiba a importância de aprender inglês na infância. Apresentamos 6 motivos para aproveitar, desde cedo, as diferentes etapas do desenvolvimento das crianças.

Importância de aprender inglês na infância: 6 vantagens
Porque devem as crianças aprender uma língua nova?

Já ouviu falar em “janelas de oportunidade”? Não deixe que as “janelas de oportunidade” se fechem e saiba a importância de aprender inglês na infância!

De forma muito simples, janelas de oportunidade são as oportunidades que a criança tem para se desenvolver, nomeadamente nos aspetos sensorial, motor, cognitivo, emocional e social.

Há efetivamente fases do desenvolvimento humano em que temos uma maior capacidade para assimilar novos conhecimentos. A programação biológica tem os seus tempos de aplicação e não vai além deles. Castro Caldas chama «períodos sensíveis» a «estes intervalos de tempo em que a janela da oportunidade se encontra aberta».
 


Importância de aprender inglês na infância

Sabe-se, por exemplo, que a fase de aquisição da língua, principalmente da oralidade, esse "período sensível", termina precisamente no início da idade escolar, por volta dos sete anos.

Por outro lado, a aquisição da dimensão escrita da linguagem constitui uma verdadeira "revolução no cérebro". É, de facto, uma revolução, porque exige a capacidade de análise da própria língua oral, adquirida espontânea e naturalmente. Leva à abertura de uma nova "janela da oportunidade", a da aquisição de um segundo nível simbólico da linguagem – a representação gráfica das sequências sonoras.

Por isso, aprender uma segunda língua durante a infância traz benefícios que terão um impacto positivo no futuro.
 


6 motivos que reforçam a importância de aprender inglês na infância

 

1. Promover o desenvolvimento cognitivo

Ao aprender algo novo, neste caso um idioma, a criança está a ser estimulada, as funções cognitivas são ativadas quase constantemente, algo que facilita também outras aprendizagens.

Importa, no entanto, adequar as estratégias à fase de desenvolvimento da criança e permitir, principalmente quando falamos de crianças mais novas, que a aprendizagem ocorra de forma natural, incentivando-se, assim, a curiosidade e o desejo de experimentar e aprender.

 

2. Adquirir competências de comunicação

Quanto mais cedo uma criança for exposta aos sons de uma língua estrangeira, mais possibilidades terá para incorporá-los no seu mecanismo de fala.

Adicionalmente, as crianças aumentam a capacidade de comunicação com os pais, familiares, e com mais pessoas quando viajam ou convivem com pessoas de outros países, ampliando ainda o acesso à informação global, através da Internet, por exemplo.
 


3. Aumentar a criatividade

Em criança, o ser humano manifesta imensa curiosidade, entusiasmo e motivação por aprender e descobrir, aprender um novo idioma também permitirá ter experiências novas constantemente, favorecendo a construção de um cérebro mais flexível e criativo.
 


4. Preparar o futuro

Atualmente, aprender inglês, ou um outro novo idioma, confere-nos características e competências adicionais, quer no mercado de trabalho quer na vida pessoal.

Por essa razão, ao atingir a idade adulta, esta criança, que já vem desenvolvendo o domínio da língua inglesa desde cedo, pode realmente fazer a diferença no que diz respeito à vida académica, à aquisição e manutenção de um emprego, assim como no seu enriquecimento e desenvolvimento humano, cognitivo e cultural.
 


5. Melhorar a concentração e atenção seletiva

Alguns estudos apontam no sentido de que uma experiência bilingue melhora as funções do cérebro das crianças, permitindo-lhes, por exemplo, ignorar distrações, mudar o foco e manter informações na mente.
 


6. Aceder a outras culturas

A importância de aprender inglês na infância vai muito além de aprender um novo idioma, como temos visto neste artigo.

Cumulativamente, as crianças aprendem sobre costumes, tradições, festas típicas, literatura, história, música, etc., dos países cuja língua estão a conhecer, o que torna a aprendizagem do inglês muito mais rica e a criança mais conhecedora e hábil culturalmente.

 


Vai deixar que as “janelas de oportunidade” se fechem?

Como sabemos, aprender outro idioma traz benefícios em qualquer idade, mas no caso das crianças parecem por demais evidentes.

Convém, por isso, que neste caso aprender inglês aconteça de forma didática e que desperte o interesse das crianças. As aulas, as estratégias e seleção dos materiais devem ser tidas em atenção e adaptadas à idade e fase de desenvolvimento das mesmas.

Importa, por exemplo, favorecer aulas e metodologias lúdicas, onde se incluam os jogos, as canções, os vídeos, as histórias, para estimular, motivar e incentivar a aprendizagem.

Aulas bem pensadas permitem ainda que as crianças desenvolvam, não apenas a língua e a linguagem, num ambiente seguro e estimulador, mas também outras funções primordiais, como a motricidade, a perceção sensorial, o pensamento, a concentração, a criatividade e a interação social.


Reconhecendo a importância de aprender inglês na infância, o British Council providencia educação de elevada qualidade nos anos iniciais de educação infantil, propondo diferentes cursos de inglês para crianças e jovens, como o curso BC Early Years – Inglês para pré-escolar (3-5 anos de idade).

Veja também:

Os mais vistos