5 qualidades para impressionar os recrutadores, segundo Steve Jobs

Tem o currículo perfeito, apresentação cuidada e sabe o que responder numa entrevista de emprego. Mas tem o que é preciso para impressionar os recrutadores?

5 qualidades para impressionar os recrutadores, segundo Steve Jobs
Conheça a qualidade mais apreciada, de acordo com Steve Jobs

Um currículo com uma vasta experiência profissional é importante, no entanto, numa entrevista de emprego, há uma qualidade essencial procurada nos candidatos que, segundo Steve Jobs, importa muito mais do que um currículo sem falhas. Saiba qual a qualidade capaz de impressionar os recrutadores.

Como impressionar os recrutadores, de acordo com Steve Jobs


Após algumas contratações de gestores, Steve Jobs chegou à conclusão que a maioria dos profissionais sabia gerir, mas nada mais sabiam para além disso. Foi a partir daí que começou a valorizar uma característica invulgar nos candidatos.

Ou seja, o patrão da Apple esqueceu a experiência profissional como característica principal e escolheu para integrar a sua equipa pessoas que se mostraram apaixonadas e entusiasmadas pela tecnologia e produtos da empresa.

Segundo Steve Jobs, apenas os profissionais com esta soft skill conseguem trabalhar autonomamente, compreender verdadeiramente a missão da empresa e trabalhar afincadamente para esse objetivo comum.

Claro que as competências técnicas são importantes, no entanto, as competências pessoais são cada vez mais valorizadas pelos empregadores. Mas nem só de candidatos apaixonados vive o mundo empresarial. Conheça mais alguns exemplos de soft skills capazes de impressionar os recrutadores.

soft skills

Confiança

Esta é uma das características principais para impressionar os recrutadores. São cada vez mais os empregadores que procuram candidatos capazes de trabalhar em equipa e para trabalhar em equipa esta característica é essencial. Para trabalhar em conjunto, é preciso existir confiança entre colegas. Se este pilar falha, o trabalho falha.

Autonomia

Para as empresas, é útil que tenha capacidade para realizar tarefas com pouca ou nenhuma supervisão direta. Ou seja, é importante mostrar aos recrutadores que é um candidato com iniciativa e com capacidades de análise e resolução de problemas.

Curiosidade

No ponto anterior falamos em iniciativa, mas isto não quer dizer que não precisa de fazer perguntas. Aliás, deve fazer perguntas, esta é uma atitude considerada proativa.

É importante fazer perguntas na hora certa e garantir que está a desenvolver o seu trabalho na direção correta e não a perder tempo no caminho errado. Ser capaz de pedir ajuda quando necessário é uma característica importante. Ninguém quer contratar um sabe-tudo, até porque não há quem saiba tudo.

Liderança

Esta é uma das “mais procuradas” na lista de qualidades capazes de impressionar os recrutadores. Ser líder é muito mais do que dar ordens e não é apenas uma caraterística procurada para funções de chefia.

A base de um bom líder é a capacidade de construir relacionamentos com pessoas e a capacidade para motivar outros.

Ética

Os empregadores procuram candidatos que entendam e sigam as regras, que se orientem por princípios de honestidade, com quem possam contar e que atuem de forma profissional e responsável.

Precisão e consistência são as palavras a utilizar. Esta característica é também importante para a construção da confiança, confiar é esperar que se concretize o previsto.

Veja também: