Isolamento social: causas e consequências

Cada vez mais pessoas sofrem com o isolamento social. Saiba mais sobre este problema social, que afeta a saúde e o bem-estar, e esteja atento aos sinais.

Isolamento social: causas e consequências
Um problema de saúde pública

Faz parte da condição humana: há momentos da nossa vida em que só queremos estar sozinhos. No entanto, quando os comportamentos de afastamento e alienação são constantes, podemos estar perante casos de isolamento social.

O que é o isolamento social?

Este tipo de comportamento acontece quando um indivíduo ou um grupo de indivíduos deixa de manter contacto com o mundo que o rodeia, seja de forma voluntária ou involuntária.

O isolamento social aparece, frequentemente, associado a outros distúrbios psíquicos e os sinais são bastante visíveis:

  • Falta de empatia e de comunicação com os outros;
  • Insegurança em espaço público;
  • Procura constante pelo isolamento;
  • Sentimento de tristeza e de rejeição constante.

 

idosa

Fatores que potenciam o isolamento social

O isolamento social pode surgir devido a diversos fatores.

Questões económicas

Acabam por impedir a realização de diversas atividades na esfera pública, o que pode implicar uma alienação gradual e constante.

Questões médicas

Algumas doenças, como é o caso do HIV, ainda são vistas com algum preconceito e, por isso, estes pacientes podem afastar-se do contacto com outras pessoas de forma permanente. Pessoas com algum tipo de deficiência (cegueira ou surdez, por exemplo) podem também acabar afastados das dinâmicas sociais.

Idade

Os idosos têm mais tendência a estarem privados do contacto com outras pessoas. Em muitos casos, são vistos como um fardo pela própria família e acabam confinados à sua casa ou a um lar, sem contacto com o mundo exterior.

Hoje em dia, o isolamento social também começa a atingir uma franja considerável da população mais jovem. A razão está, muitas vezes, associada a eventos traumáticos na sua vida, como é o caso de situações de bullying.

Barreiras naturais

Algumas populações, à conta dos locais onde vivem, acabam por não ter contacto com o mundo exterior. Isso implica o total desconhecimento das regras básicas da vivência em sociedade.

Consequências do isolamento social

As consequências do isolamento social são variadas:

 

isolamento

O isolamento social é um problema mundial

De acordo com um estudo apresentado recentemente na Convenção Anual da Associação Americana de Psicologia, o isolamento social pode tornar-se um problema de saúde pública bem maior do que a obesidade.

Este estudo fez duas análises. Na primeira, que contou com a participação de mais de 300 mil pessoas, chegou-se à conclusão que a interação social diminui em 50% o risco de morte prematura.

Numa segunda fase, que contou com a participação de mais de 3 milhões de pessoas de todo o mundo, os investigadores perceberam que o isolamento social pode contribuir mais para casos de morte do que a obesidade.

Assim sendo, este é um problema que poderá agravar-se, já que a esperança média de vida da população continuará a aumentar nos próximos anos.

O que fazer para quebrar o ciclo de isolamento social?

Antes de mais, procure ajuda de quem sabe. Uma conversa franca e aberta com especialistas na matéria pode ajudá-lo a encontrar a solução para o problema.

Não se esqueça de investir nas suas relações sociais, seja com a família e amigos. Procure estar próximo do seu grupo de pessoas mais próximas e conviva mais com quem gosta de si.

O voluntariado também pode ser uma excelente forma de evitar o isolamento social: não só vai estar a combater este seu problema como vai estar a ajudar quem mais precisa.

Veja também: