7 formas de libertar espaço no iPhone

Reunimos 7 dicas para libertar espaço no iPhone, que o vão ajudar a usufruir melhor do seu smartphone e a ficar mais satisfeito do que nunca.

7 formas de libertar espaço no iPhone
Para quando o iPhone acusa falta de espaço

Se o problema é a falta de espaço, não se preocupe. Temos 7 formas de libertar espaço no iPhone que o vão ajudar a ver-se livre de tudo aquilo que está a ocupar a memória do seu dispositivo sem necessidade. Saiba o que deve fazer para ter espaço para o que é realmente importante.

7 dicas para libertar espaço no iPhone

1. Descubra o que está a ocupar espaço

Para isso, basta abrir as definições do seu iPhone, depois aceder à opção Geral > Armazenamento e iCloud e aí pode ver o espaço utilizado, o espaço disponível e gerir tudo aquilo que precisar.

Aqui, pode descobrir o espaço que cada uma das apps ocupa no seu smartphone. Atenção: cada app que lhe aparece apresenta um número, que corresponde ao espaço que essa app ocupa no total.

O que é que isto quer dizer? Que não é só a app em si que está a ocupar espaço, mas também todos os dados que a app já armazenou. Se carregar em cima de uma app vai poder descobrir o quanto é que ela ocupa e todo o “lixo” que ela tem criado.

Veja, por exemplo, o exemplo do Spotify. A app ocupa 56 MB, mas se começar a fazer download de músicas para o seu smartphone, o Spotify pode começar a ocupar uma quantidade absurda de espaço.

2. Livre-se das apps que não usa

É normal irmos instalando uma app para isto, outra app para aquilo… Às vezes, instalamos apps que só usamos uma vez e depois nem nos damos ao trabalho de desinstalar. Se isso acontece consigo, tire alguns minutos para eliminar estas apps que só estão a ocupar espaço.

3. Fotografias? Só as HDR

As fotografias ocupam imenso espaço num smartphone. Sabia disso, certo? Então fique também a saber que sempre que tira alguma fotografia, o iPhone guarda a HDR e a não-HDR. Ou seja, duas imagens. Esta opção, geralmente, interessa muito pouco aos utilizadores comuns do iPhone, por isso, nada como desativa-la no separador Fotografias das definições do seu smartphone.

4. Mensagens

As mensagens de um smartphone podem ocupar imenso espaço. Principalmente quando para além das mensagens simples, os utilizadores também trocam fotografias, vídeos e outros ficheiros. Tendemos a esquecer-nos de apagar mensagens porque o espaço do nosso iPhone parece infinito. Pois, não é.

Experimente apagar as mensagens mais antigas. Ou então, também pode seguir a nossa sugestão: criar uma data de validade para as mensagens. Nas definições das mensagens pode definir quanto tempo é que quer que o seu iPhone guarde as mensagens. De 30 dias a um ano ou até para sempre.

5. Música a 320 kbps? Para quê?

É viciado em música e gosta de ter sempre a última “malha” no seu iPhone com a máxima qualidade? Ou anda com música no seu smartphone apenas para consumo pessoal? Se assim for, para quê ter a música com a máxima qualidade de som, isto é, a ocupar muito mais espaço? Não é preciso e a Apple sabe muito bem disso.

Vá às opções do seu iTunes e diga-lhe para converter as músicas com um alto bit rate para 192 kpbs. O seu iPhone vai agradecer e os seus ouvidos também.

6. Guardar tudo na cloud

Enviar os ficheiros para a iCloud, num local onde possam ser acedidos a qualquer momento, pode ser uma excelente forma de libertar espaço no iPhone. Conheça os melhores serviços cloud e comece a colocar todos os ficheiro à distância de uma pequena ligação à internet.

No caso das fotografias, pode até utilizar o Pixtorage, uma app que guarda logo as fotografias na cloud e ainda oferece um serviço de impressão.

7. PhoneClean

O PhoneClean é muito fácil de utilizar e promete deixar o seu smartphone de boa saúde através de simples clique. Como o programa promete: “Ponha o seu velho iPhone a «correr» como um novo”.

Veja também:

Continuar a Ler
Nuno Margarido Nuno Margarido

Jornalista formado pela Universidade de Coimbra, assume-se uma pessoa curiosa e até a mais simples engrenagem ou linha de código o fascina. Os seus interesses dividem-se por vários mundos, com destaque para a tecnologia, o gaming, o vídeo, a fotografia e o cinema.