Licença sabática: o que é e em que casos se aplica?

Sabe o que é licença sabática? Esta pode ser uma opção viável para redefinir o rumo da sua carreira profissional. Saiba como e porquê.

Licença sabática: o que é e em que casos se aplica?
Licença sabática, como solicitar?

A licença sabática consiste num período – geralmente de um ano – de dispensa ao serviço, para se concretizar um objetivo pessoal ou profissional sem perder o vínculo laboral.

Licença sabática: o que é e como solicitar?


A licença sabática está sujeita a um aval da sua entidade patronal – terá que haver um acordo entre a entidade empregadora e o trabalhador para se realizar. A licença sabática é um período de auto-conhecimento e auto-reflexão.

Razões para tirar uma licença sabática

Entre as razões mais frequentemente invocadas para tirar esta licença, contam-se:

  • melhorar a saúde mental;
  • escapar ao stress laboral;
  • escrever um livro;
  • gravar um disco de música;
  • realizar um filme;
  • viajar com companheiro(a)/ cônjuge ou acompanhá-lo ao estrangeiro em trabalho;
  • viajar com a família (crianças incluídas);
  • tirar um curso/aprender uma nova competência;
  • melhorar a saúde física;
  • reavaliar a carreira;
  • fazer investigação;
  • ganhar experiência noutra área;
  • planear um novo negócio;
  • fazer voluntariado;

Em alguns países, como nos Estados Unidos ou no Reino Unido, é muito frequente os estudantes tirarem um ano sabático entre a conclusão do ensino secundário e a entrada na faculdade – um ano que é popularmente conhecido como Gap Year. Em Portugal já existem entidades que se dedicam ao planeamento destas experiências sabáticas para jovens, como o Gap Year Portugal.

licença sabática

O caso dos professores: licença para valorização profissional

Em Portugal, a licença sabática no ensino encontra-se fortemente enraizada e é muito usada na classe profissional dos professores universitários. Nestes casos, a licença sabática tem por objetivo fomentar o desenvolvimento profissional dos docentes, centrando-se no estudo das práticas pedagógicas e organizacionais e no desenvolvimento de atividades que contribuam para a melhoria da qualidade da educação e do ensino.

A licença sabática é frequentemente tirada pelos professores, também, quando estes precisam de efetuar teses de mestrado, de doutoramento, ou concluir outras formações especializadas.

Perda de direitos?

Enquanto se está a gozar de licença, os direitos que dispomos no nosso trabalho não são afetados. A licença sabática implica que não haja perda ou lesão de quaisquer direitos, como subsídios.

A altura perfeita

Antes de se decidir, informe-se sobre a política da sua empresa em relação às licenças sem vencimento. É importante que tire a licença quando se encontra numa situação estável de emprego, para não temer perder de vista o seu regresso à normalidade. Se é daquelas pessoas para quem o equilíbrio entre a sua vida profissional e pessoal é fulcral para obter felicidade, a licença sabática pode ser a hipótese de recuperar o tempo perdido e viver mais despreocupadamente.

Veja também: