5 Dicas e cuidados a ter na manutenção da bateria do carro

A manutenção da bateria do carro é crucial para o nosso automóvel. Saiba como o fazer.

5 Dicas e cuidados a ter na manutenção da bateria do carro
Sem a bateria não vai a lado nenhum

A manutenção da bateria do carro é crucial para poder continuar a ir de um lado para o outro sem recorrer ao autocarro. Sem a energia elétrica que a bateria tem, o seu carro nem vai pegar e vai acabar por ter que ir a pé.

Uma bateria mal cuidada pode falhar-nos aos 3 anos de uso, mas uma bateria bem cuidada já dura, normalmente, entre os 5 e os 7 anos, ou até mais, evitando custos futuros com a bateria do carro.
 

5 Dicas para não ficar sem a bateria


Por que espera para pagar menos pelo seguro automóvel? Saiba tudo aqui.

1. Veja o nível de água

A cada 3 meses, convém confirmar se o nível de água da bateria está bom. Se conseguir ver se há água no fundo do tubo que usa para encher, então o nível está bom. Se não conseguir ver, use água destilada para encher. Água que não seja destilada só vai fazer mal à bateria.

Lembre-se de que há baterias que precisam de níveis diferentes, bem como há baterias que nem precisam de água. Confira qual é o caso da sua bateria e tome as medidas de segurança necessárias.

 

2.  Limpe os terminais da bateria

A limpeza é muito importante na manutenção da bateria do carro. Quando for verificar o nível de água, pode aproveitar para limpar os terminais da bateria. Vai precisar de:
  • Um pente de aço
  • Bicarbonato de sódio
  • Água destilada

Misture o bicarbonato de sódio com a água destilada, cerca de 3 colheres de sopa de bicarbonato para uma de água, para ficar com uma pasta. Desligue a bateria, começando pelo polo negativo e depois pelo positivo, com cuidado para não lhes tocar diretamente.

Coloque um pouco da mistura nos terminais com muito cuidado e raspe com a escova de aço para tirar a sujidade. Remova excessos e passe um pano no final. 

 

3. Coloque vaselina ou gordura

Antes de voltar a ligar a bateria do carro, cubra-a com uma camada fina de vaselina ou outro tipo de gordura que aguente temperaturas altas sem queimar. De acordo com alguns especialistas, isto vai proteger a bateria de corrosão e impedi-la de enferrujar por algum tempo.

 

4. Desligue a bateria se não for usar o carro

Existem sempre funções do carro a consumir bateria de modo passivo. Se não for conduzir por um período de duas semanas ou mais, desligue a bateria. É o passo mais fácil na manutenção da bateria do carro, mas também um dos mais importantes.

Já sabe, comece pelo polo negativo, e depois o positivo. A ordem é importante.
 

5. Conduza de vez em quando

Parte da manutenção da bateria do carro é, em parte, conduzir. Ao conduzir estamos a recarregar a bateria sem o sabermos. Conduza pelo menos duas vezes por semana durante alguns minutos, e aprecie o passeio.


Veja também: